Tamanho da Fonte

 

Pronatec Social - Santa Catarina

O Programa de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) foi criado pelo Governo Federal em 2011 com o objetivo de ampliar a oferta de cursos de educação profissional e tecnológica.

Em âmbito nacional, é coordenado pelo Ministério do Desenvolvimento Social (MDS). Santa Catarina aderiu ao programa em 2012. A Secretaria de Estado da Assistência Social, Trabalho e Habitação (SST) é a responsável pela articulação entre os municípios e as entidades que oferecem os cursos.

pronatec materia

São oferecidas, em Santa Catarina, 63 mil vagas em cursos gratuitos de qualificação profissional. Os cursos são ministrados em instituições do Sistema S (Senac, Senai, Senar, Senat) e institutos federais (IFSC e IFC) para pessoas inscritas no Cadastro Único (CadÚnico) do governo federal.

A carga horária varia de 160 a 350 horas/aula. Os alunos estão na faixa etária entre 16 e 59 anos. Os participantes contam com transporte e lanche gratuitos durante o período de duração das aulas.

Cada município solicita os cursos de acordo com a necessidade nas oficinas de mobilização, que ocorrem em várias regiões do Estado. Após a realização do curso, o Sistema Nacional do Emprego (Sine/SST) intermedia o encaminhamento dos futuros profissionais ao mercado de trabalho. Ao todo, 273 dos 295 municípios catarinenses participam do programa.

O Pronatec Social integra as ações do Pacto pela Proteção Social, que prevê investimentos de R$ 254,8 milhões em ações sociais até 2014.

Leia mais sobre o programa no site.
 

Responsável: Rui Pereira (Qualificação Profissional)

Fone: (48) 3229-3741

E-mail: ruipereira@sine.sc.gov.br

 

 

Desenvolvimento: CIASC | Gestão do Conteúdo-SECOM | Tecnologia-Open Source