Foto: Johatan Tavares / SSP

O secretário de Estado da Segurança Pública, o secretário adjunto de Estado da Segurança Pública, o comandante-geral da Polícia Militar e o delegado-Geral da Polícia Civil, após reunião ocorrida nesta segunda-feira, 29, entre os Comandos das Policias Estaduais no município de Balneário Camboriú, decorrente do episódio ocorrido no dia 25 no município, reiteram a harmonia e a integração que regem o relacionamento entre as instituições que compõem a Secretaria de Estado da Segurança Pública.

O momento requer serenidade e cautela, essenciais para qualquer juízo de valor e busca da verdade real. Desta forma, são desnecessárias quaisquer manifestações em redes sociais ou congêneres, que em nada contribuem para o bom andamento do sistema da segurança pública, tanto em seu público interno quanto externo.

Reafirma-se que a convivência e harmonia entre os mais de 18.000 agentes que compõem o sistema estadual de segurança pública são a tônica da atual administração e fatores de convergência inequívoca para a paz social.

No tocante a eventuais excessos ocorridos na ação policial decorrente de determinação judicial ou em manifestações públicas de qualquer natureza, estas serão objeto de rigorosa apuração pelas respectivas corregedorias.  

Secretaria de Estado da Segurança Pública



Fotos: Julio Cavalheiro / Secom

A dragagem da bacia do rio Itajaí-Açu, importante operação para prevenir cheias na região de Itajaí, vai começar ainda neste ano. O anúncio foi feito pelo governador Raimundo Colombo e o secretário de Estado da Defesa Civil, Rodrigo Moratelli, após audiência para garantir os recursos com o ministro da Integração Nacional, Helder Zahluth Barbalho, na tarde desta segunda-feira, 29, em Brasília. 

Jaraguá do Sul - Cronograma de instalação de Curso de Medicina na cidade é apresentado
Foto: Assessoria SES

Na tarde desta segunda-feira, 29, o secretário de Estado da Saúde, Vicente Caropreso, prestigiou a apresentação do cronograma de instalação do curso de medicina em Jaraguá do Sul, que ocorreu na prefeitura da cidade e contou com a participação do prefeito Antídio Lunelli, vice-prefeito Udo Wagner, e demais autoridades. Durante a apresentação feita pelo gestor nacional do curso de medicina da Faculdade Estácio de Sá, Silvio Pessanha Neto, foi explanado sobre os compromissos acadêmicos, matriz curricular, dando ênfase ao eixo em saúde da família, além das ferramentas de ensino e aprendizagem, e o andamento das obras e instalações que também foram apresentadas.

Para o secretário, Vicente Caropreso, o maior investimento que um gestor de saúde tem que fazer é na qualificação dos seus profissionais, pois isso significa economia para a saúde. "Um médico despreparado, sem condições de fazer diagnóstico de tratamentos em postos de saúde, vai demandar muito mais exames do que alguém qualificado. Além do que, a não resolutividade gerada por um médico mal formado gera aumento da demanda por consultas especializadas", pondera.

Ele ainda afirma que a boa formação médica deve ser o maior alvo a ser perseguido pela faculdade que se instala no município. "A comunidade estende a mão, mas ao mesmo tempo quer resultados com a formação de bons profissionais para que Jaraguá do Sul possa qualificar por cima o nível de medicina praticado na região, seja no atendimento de pronto atendimento, cirurgias e qualquer outro serviço de saúde prestado à comunidade", completa.

De acordo com o gestor, Silvio Pessanha Neto, cerca de 50 acadêmicos já integrados coma  rede de saúde da família, devem iniciar as aulas da primeira turma do curso de medicina em março de 2018. Além disso, ele ainda pontuou que foram estudadas as demandas da região, e com base nisso, ficam definidos como programas oferecidos: Medicina Geral da Família e Comunidade, Clínica Médica, Pediatria, Cirurgia Geral e Ginecologia e Obstetrícia.

Mais informações para a imprensa:
Suelen Costa
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Saúde
Fone: (48) 3664-8820 / 99113-6065
E-mail: imprensa@saude.sc.gov.br
Site: portalses.saude.sc.gov.br

 

 

Em reunião nesta segunda-feira, 29, na Secretaria de Estado do Planejamento, técnicos da pasta orientaram a prefeitura de Quilombo para a atualização do plano diretor municipal. Participaram do encontro o secretário adjunto do Planejamento, Fabio Botelho, o diretor de Planejamento Luiz Carlos Mior, o diretor de Estatística e Cartografia Carlos Luz, o prefeito de Quilombo Silvano de Pariz e o presidente da Associação Empresarial de Quilombo e região Rodrigo Conci.

“É interessante que a prefeitura de um município pequeno como Quilombo tenha vontade de utilizar uma ferramenta de planejamento urbano como o plano diretor, já que pelo Estatuto da Cidades (Lei nº 10.257) não haveria esta obrigação”, destacou o diretor de Estatística e Cartografia da Secretaria de Estado do Planejamento Carlos Luz.

A cidade de Quilombo conta com um plano diretor de 1995. A primeira etapa da revisão do documento será um acordo de cooperação técnica com instituição de ensino superior para dar suporte técnico à prefeitura.

Informações adicionais para imprensa:
Rosália Dors Pessato
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado do Planejamento
E-mail: rosalia@spg.sc.gov.br
Telefone: (48) 3665-3319/99186-9740


Barragem Oeste (Taió) - Fotos: Jair Giovanella / Defesa Civl SC

As barragens de Ituporanga (Sul) e de Taió (Oeste) têm sido verdadeiros escudos para proteger as cidades que ficam abaixo. Desde sexta-feira, 26, todo o Estado é atingido pelas chuvas devido ao avanço de uma frente fria em Santa Catarina. Com isso, o nível dos rios sobem e oferecem riscos para a população em algumas regiões. 

Com o investimento do Governo do Estado de Santa Catarina, por meio da secretaria de Estado da Defesas Civil SC, foi possível prevenir os efeitos das chuvas. Às 15h desta segunda-feira, 29, a barragem Sul estava com cinco comportas e o canal extravasor fechados, o que siginfica que não foi necessário liberar água para o rio. A água atingiu o nível de 20,26 m, sendo que a altura do vertedouro é de 31 metros de altura. O nível do rio abaixo dela é de apenas 0,40 m. 

Já a barragem Oeste, no mesmo horário, estava com o canal extravasor e quatro comportas fechadas, somente três estavam abertas. A água nela atingiu 13,46 m, e abaixo, no rio, 6,05 m. 

Níveis dos Rios: 29/05/2017 - 15h

 Centro - Ituporanga: 1.08 m 

 Centro - Rio do Sul: 6.91 m                  

 Centro - Rio do Oeste: 7.13 m

De acordo com o secretário adjunto da Defesa Civil de Santa Catarina, Fabiano de Souza, as barragens não controlam somente um rio, mas toda a bacia hidrográfica da região. "No Vale do Itajaí, as barragens represam a água dos rios que estão acima (montante), a fim de que o rio que segue abaixo (jusante) trabalhe com nível baixo, diminuindo assim os efeitos aos cidadãos", explica.

Conforme de Souza, para operar a barragem são levadas em consideração a previsão de chuva para os próximos dias, o nível do rio tanto abaixo quanto acima da barragem e a capacidade do reservatório da barragem. Tudo isso tem de estar equilibrado.


O diretor de Resposta da Secretaria de Estado da Defesa Civil, Anderson Ciotta, comenta que essas obras são peças chave para diminuir os efeitos das enchentes nos municípios abaixo. "Conseguimos regular a vazão do rio para que ele não atinja fortemente os municípios abaixo das barragens e abrir cinco abrigos no município de Rio do Sul, sendo que em apenas três receberam pessoas preventivamente", explica.

Após o investimento do Governo do Estado, as duas barragens foram sobre-elevadas em dois metros de altura. Com isso, a capacidade de retenção do líquido foi aumentada. A barragem Sul teve a capacidade aumentada em 18%, e a barragem Oeste 20%. 

Dados das barragens

Barragem Ituporanga (Sul) 

31 m vertedouro 

- 100 milhões m3 de água armazenados

5 comportas (vazão 131 m3 /s)

1 canal extravasor (vazão 279 m3 /s

Barragem Taió (Oeste) 

23 m de vertedouro 

100 milhões de m3/s

7 comportas (vazão 157 m 3/s) 

1 canal extravasor (vazão 240 m3/s)

Informações adicionais para a imprensa
Cleiton Ferrasso
Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado da Defesa Civil
Fone: (48) 3664-7009 / 99185-3889
E-mail: defesacivilsc@gmail.com
Site: www.defesacivil.sc.gov.br

Alunos do ensino médio de 36 municípios catarinenses inscreveram-se para participar do Desafio Sustentável, gincana promovida pela Revista Its em parceira com a Fundação do Meio Ambiente (Fatma). Os 743 estudantes estão divididos em 53 grupos que serão capacitados para levar a conscientização ambiental a suas comunidades. Todo o desafio será acompanhado pelo www.desafiosustentavel.com.br

As inscrições foram finalizadas no dia 23. Dos grupos inscritos, 92% são de escolas públicas. “O objetivo da gincana é fazer com que os alunos aliem a teoria e a prática. O foco será na conservação de rios e na redução da degradação dos recursos hídricos”, explica o presidente da Fatma, Alexandre Waltrick Rates. As tarefas feitas pelos grupos serão cadastradas no site e avaliadas por cinco jurados. Também passarão por votação do público.

O clube vencedor ganhará uma viagem para Florianópolis e participará do Dia do Futuro, um dia descontraído com ações relacionadas à preservação ambiental, entrega do troféu e certificados online

O que é a Revista Its?

Presente nas atividades e conteúdos desenvolvidos nas escolas, a Revista its, é um veículo de comunicação considerado a maior plataforma estudantil de Santa Catarina. Reconhecida por todo sistema de ensino catarinense, a revista está presente em mais de 1.300 escolas, com comunicação direta entre professores e alunos.

Veja de onde são os clubes:

Bela Vista do Toldo

Blumenau

Bom Retiro

Bombinhas

Caibi

Canoinhas

Capivari de Baixo

Caçador – dois clubes

Chapecó – dois clubes

Descanso

Faxinal dos Guedes

Fraiburgo

Imbituba

Itajaí – quatro clubes

Jaraguá do Sul

Joinville – cinco clubes

Lages

Laguna

Luzerna

Mafra

São João do Sul

Timbo Grande

Três Barras

Tunápolis

Urubici

Vargeão

Massaranduba

Monte Castelo

Navegantes – dois clubes

Novo Horizonte – três clubes

Palmito

Rio Negrinho – dois clubes

Rio do Sul

Santa Cecília

São Bento do Sul – dois clubes

São José – três clubes

Mais informações:
Fundação do Meio Ambiente (Fatma)
Claudia De Conto / Anne Caroline Anderson
comunicacao@fatma.sc.gov.br
(48) 3665-4177/99172-8277

Como parte do seu plano de investimentos, que prevê R$ 1,6 bilhão para ampliar a cobertura de de esgotamento sanitário em Santa Catarina, Governo do Estado e Casan inauguram nesta terça-feira, 30, a ampliação da Estação de Tratamento de Catanduvas, na Região Oeste. A cerimônia será realizada na a partir de 14h, na própria ETE, localizada no quilômetro 410 da BR-282, com a presença do vice-governador Eduardo Pinho Moreria. 

Capa facebook

Os desafios e as novas perspectivas para a pesquisa em Ciências Humanas e Sociais e Direitos Humanos sustentam a discussão do 1º Seminário Internacional de Arte e Educação Prisional, que será sediado pela Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) nos dias 30 e 31 de maio. As inscrições estão abertas e podem ser realizadas gratuitamente pelo formulário online.

Foto: Jônas Porto/Udesc

A Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) abriu nesta segunda-feira, 29, edital de inscrições para interessados em concorrer a 339 vagas em 35 cursos de graduação por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), do Ministério da Educação (MEC), que utiliza as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). 


Foto: ADR Taió

Os municípios de Pouso Redondo e Rio do Campo, que compõem a ADR Taió, receberam a visita da Unidade Móvel do Programa Mulher, Viver Sem Violência, projeto organizado pela Coordenadoria da Mulher, vinculada à Secretaria de Estado de Assistência Social, Trabalho e Habitação. A ação foi realizada através de parceria entre as secretarias de Saúde e de Assistência Social dos municípios, que realizaram o trabalho de mobilização e conscientização sobre violência contra a mulher.

Estacionado em frente à Secretaria de Saúde de Rio do Campo, na manhã de sexta-feira, 26, o ônibus deu suporte às ações promovidas pelo município, como orientações e distribuição de folders informativos sobre medidas de proteção.

Em Pouso Redondo, na quinta-feira, 25, pela manhã, a unidade móvel esteve na sede do programa de Estratégia de Saúde da Família (ESF) Antônio Lorenzetti, na localidade de Aterrado, e à tarde, na Unidade Básica de Saúde (USB) Willi Tomio, em Pombinhas. Pessoas das comunidades e alunos de duas escolas assistiram às palestras. Desenhos relacionados com o tema, já produzidos por estudantes em sala, foram expostos para chamar a atenção e conscientizar a população.

Unidade Móvel do Programa Mulher, Viver Sem Violência

Com linguagem teatral, a assistente social Jaqueline Kraemer falou sobre as formas de violência as quais as mulheres são vítimas, sobre igualdade e respeito. “É importante chamar atenção para a gravidade que é a violência contra a mulher. Muitas vezes, por viverem nas áreas rurais, elas desconhecem seus direitos e não procuram ajuda para denunciar”, disse.

O secretário executivo Jardel Fronza disse que é extremamente necessário abordar o assunto. “As informações sobre o tema alertam e podem ajudar no enfrentamento de possíveis situações de violência. É importante trabalhar essa questão nas comunidades mais distantes e também com os jovens nas escolas”, salientou.

O gerente de Políticas Socioeconômicas Rurais e Urbanas, Alcides Pivatto, agradeceu as prefeituras pela parceria e o envolvimento das secretarias municipais de Saúde e de Assistência Social.

Informações adicionais:
Estela Stange Purnhagen
Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional de Taió
E-mail: informacao@tao.sdr.sc.gov.br
Telefone: (49) 98801-6642