Compartilhe

Foto: Carlos Koerich/Epagri

Desenvolver uma agricultura limpa e sustentável, que não utiliza insumos químicos, é o objetivo do Sistema de Produção Direta de Hortaliças (SPDH). O assunto será discutido durante o II Encontro Estadual do SPDH, que acontece nos dias 6 e 7 de novembro, em Florianópolis.

O Sistema é difundido pela Epagri como uma forma de transição da agricultura convencional para a agroecológica. Com orientação técnica adequada, os agricultores ganhma segurança para reduzir aos poucos o uso de insumos químicos até o momento em que dispensam completamente sua utilização. “Essa transição pode levar de dois a dez anos”, explica Marcelo Zanella, extensionista da Epagri e um dos responsáveis por difundir a tecnologia.

O SPDH é utilizado em cerca de 3mil hectares do território catarinense, o que representa em torno de 10% do total da área plantada com hortaliças no Estado. Segundo Marcelo, a Epagri tem como meta o ano de 2030 para que toda a horticultura catarinense esteja sendo cultivada em SPDH. Para tanto, a Empresa já desenvolveu o Sistema para quase todas as hortaliças. Somente a cenoura, pouco cultivada aqui, ainda não tem uma recomendação técnica da Epagri para esta tecnologia.

O diferencial do SPDH é promover o conforto da planta, reduzindo o estresse relacionado à temperatura, umidade, nutrição e ataques de pragas e doenças. Um dos recursos utilizados é a proteção do solo por palhada. Cada hectare de horta precisa de pelo menos 10 toneladas de palha por ano. A palha vem das plantas de coberturas cultivadas na própria propriedade. Propriedades de qualquer tamanho podem utilizar o Sistema.

O conhecimento é fundamental para o desenvolvimento do SPDH. Por isso, a Epagri está promovendo esse Encontro, que tem como público-alvo agricultores, técnicos, estudantes e outros envolvidos nessa cadeia produtiva. O evento terá 450 participantes confirmados.

A programação inicia nesta terça-feira, 6 de novembro, com painéis e lançamento de dois boletins técnicos da Epagri sobre produção direta de mandioquinha salsa e cebola. Na manhã da quarta, 7, serão realizadas oficinas técnicas, onde, além do debate, acontecerão atividades práticas.

Serviço

  • O que: II Encontro Estadual do SPDH
  • Quando: dias 6 e 7 de novembro
  • Onde: centro de eventos da reitoria da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
  • Informações e entrevistas: Marcelo Zanella, extensionista da Epagri, pelo fone (48) 99106-9558 / Adriana Tomazi, gerente regional da Epagri em Florianópolis, pelo fone (47) 9995-7416

Informações para a imprensa:
Gisele Dias, jornalista: (48) 9989-2992 / 3665-5147
Cinthia Freitas, jornalista: (48) 3665-5344
Isabela Schwengber, jornalista: (48) 3665-5407