Compartilhe

Estudantes de Administração Pública da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) desenvolveram uma solução com potencial de ajudar pesquisadores (na captação de recursos privados para suas pesquisas) e empresas (em obter incentivos fiscais nesse tipo de investimento). A ideia é usar a tecnologia digital para a juntar essas duas pontas: o projeto de pesquisa carente de financiamento e a empresa disposta a investir.

O aplicativo Elion, que promete fazer esse “match”, está em fase de protótipo e foi desenvolvido por um grupo de sete alunos da sétima fase do curso de graduação em Administração Pública do Centro de Ciências da Administração e Socioeconômicas (Esag), no campus da Udesc em Florianópolis.

Finalista

O protótipo do aplicativo Elion foi selecionado entre os dez melhores projetos inscritos no Programa Celera, um concurso de captação de ideias para gerar futuros negócios inovadores. Neste fim de semana, cada um dos finalistas fará um pitch (apresentação curta) de sua ideia para uma banca avaliadora, que escolherá o vencedor. O do projeto Elion será na tarde deste sábado, 8, na sede da Associação Catarinense de Tecnologia (Acate).

A ideia mais promissora terá o apoio da empresa Principia, promotora do concurso, que irá desenvolver o software idealizado sem custos e auxiliará na sua validação, além de auxiliar na estruturação do negócio e na busca de investimentos.

Oportunidade

Os estudantes Ana Becker, Cryslan de Moraes, Gabriel Kamers, Isabella Péra, Marcela Neiva, Milena Guimarães e Rafael Rosa respondiam ao desafio de um trabalho interdisciplinar (envolvendo três disciplinas do curso de Administração Pública) e se depararam com uma oportunidade.

Eles descobriram que dois importantes mecanismos de incentivo a investimentos privados em pesquisa, a Lei do Bem (11.196/05) e a Lei da Inovação (10.973/04), são pouco conhecidos por empresas e pesquisadores, ao mesmo tempo em que a cada ano há mais cortes nos investimentos públicos na área. Abriram então uma empresa, a Mutual, para oferecer uma solução para o problema – o aplicativo Elion – e tentar explorar um novo mercado.

Num trabalho integrado envolvendo as disciplinas Plataformas de Governo Eletrônico (com o professor José Francisco Salm Júnior), Desenvolvimento de Projetos Públicos (Lucas Carregari Carneiro) e Marketing no Serviço Público (Aline Regina Santos) eles criaram um projeto voltado à solução do problema encontrado, desenvolveram o aplicativo e um plano de marketing.

Elion

O nome do aplicativo é uma homenagem a Gertrude Belle Elion (1918-1999), bioquímica americana reconhecida com o Prêmio Nobel de Fisiologia ou Medicina em 1988, por suas pesquisas para o desenvolvimento de drogas para tratamento de leucemia e gota. A ideia, ao escolher o nome, foi dar visibilidade às mulheres na ciência.

Saiba mais sobre o aplicativo no Facebook (/PlataformaElion) e Instagram (/plataformaelion). Mais informações também podem ser obtidas pelo e-mail mutualesag@gmail.com.

Assessoria de Comunicação da Udesc Esag
Jornalista Carlito Costa
E-mail: comunicacao.esag@udesc.br
Telefone: (48) 3664-8281