Compartilhe

Rodrigo Moratelli em Lages
Desassoreamento do Rio Carahá é executado pela Prefeitura com recursos do Governo de SC. Foto: Pablo Gomes / ADR Lages

A cidade de Lages recebeu nesta quarta-feira, 13, a visita do secretário de Estado da Defesa Civil, Rodrigo Moratelli, em mais uma edição do Dia de Ação de Governo, programa criado pelo governador Raimundo Colombo para aproximar os órgãos estaduais da população catarinense. 

Após conceder entrevistas à imprensa, na companhia do secretário da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR), João Alberto Duarte, e do secretário municipal de Planejamento e Obras, Clayton Bortoluzzi, Moratelli vistoriou as obras de desassoreamento do Rio Carahá, executadas pela Prefeitura com investimentos de R$ 150 mil do Governo do Estado para minimizar os problemas das enchentes em Lages.

Na sequência, visitou o novo Centro Regional de Gerenciamento de Riscos e Desastres, que será inaugurado nas próximas semanas, no campus da Udesc. O local é um dos 20 construídos pelo Governo do Estado em diversas regiões de Santa Catarina, com investimentos totais de R$ 18 milhões, e ficará integrado 24 horas por dia ao Centro Estadual, em Florianópolis, com a mais avançada tecnologia disponível no mundo para prevenção e ação imediata em catástrofes naturais.

Rodrigo Moratelli em Lages
Centro Integrado de Defesa Civil contará com a mais avançada tecnologia do mundo. Foto: Pablo Gomes / ADR Lages

Rodrigo Moratelli também se reuniu com representantes do Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Exército, Samu, Epagri, Deinfra e outras instituições públicas para falar sobre os investimentos do Governo do Estado na Defesa Civil, cuja secretaria foi criada em 2011 pelo governador Raimundo Colombo.

Na apresentação, Moratelli destacou ações como os radares meteorológicos de Chapecó e Lontras e o radar móvel de Araranguá, que garantem cobertura de 100% do território catarinense e exigiram investimentos de R$ 35 milhões do Estado, a elevação das barragens de Ituporanga e Taió, os kits transposição, as casas modulares e as plataformas digitais de informações à população.

Rodrigo Moratelli em Lages
As cheias dos rios Carahá e Caveiras são as principais causadoras das enchentes em Lages. Foto: Pablo Gomes / ADR Lages

Por fim, o secretário sobrevoou os rios Carahá e Caveiras, cujas cheias provocam as enchentes em Lages. Prefeitura e Governo do Estado realizam um estudo de viabilidade técnica, econômica e ambiental para executar um grande plano de contenção e melhoria de fluxo dos leitos, reduzindo consideravelmente os riscos de alagamentos na cidade.

“Santa Catarina é o segundo maior corredor de fenômenos naturais do mundo. Por isso realizamos esses grandes investimentos. Até poucos anos atrás não tínhamos nada, e hoje, com acordos no Japão, União Europeia e Estados Unidos, temos um dos sistemas de Defesa Civil mais avançados do planeta”, concluiu o secretário.

Informações adicionais para a imprensa
Pablo Gomes
Assessoria de imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Lages
E-mail: imprensa.sdrlages@gmail.com
Telefone: (49) 3289-6210 / 99926-6775 / 98839-1727
Site: sc.gov.br/regionais/lages