O governador Raimundo Colombo estará em Itajaí nesta terça-feira, 5, para apresentação de balanço do programa Pacto por Santa Catarina e assinatura de convênios com prefeituras da região. Até o final do ano, serão realizados encontros em todas as regiões do Estado para detalhar as obras realizadas desde janeiro de 2011 e em andamento ou previstas pelo programa Pacto por Santa Catarina. A soma dos recursos do Pacto para ações em todo o Estado é de R$ 9,4 bilhões, resultando no maior pacote de investimentos da história catarinense.

O governador também assinará convênios pelo Fundo de Apoio aos Municípios (Fundam). Os recursos fazem parte do Pacto Por SC e são provenientes de financiamentos obtidos pelo Estado junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O repasse para as prefeituras será feito a fundo perdido (não reembolsável) e sem necessidade de contrapartida dos municípios.

Agenda
19h10min - Coletiva com imprensa
19h30min - Palestra “Pacto por SC: prestando contas” e assinatura de convênios
Local: Auditório do Centro de Eventos de Itajaí – Parque da Marejada
Av. Ministro Victor Konder, 303 - Centro

>>> Confira o boletim da Rádio Secom e faça download

{text}

A Rudolph Usinados, de Timbó, é a primeira empresa a assinar contrato do programa Inovacred em Santa Catarina. A Agência do Fomento do estado, o Badesc, foi o agente financeiro que intermediou esta primeira contratação da linha de crédito com recursos da Agência Brasileira da Inovação (Finep) que é destinada a empreendedores catarinenses com projetos na área de desenvolvimento de produtos, inovação de processos, marketing e implantação de novos métodos organizacionais.

A formalização do contrato do financiamento, no valor de R$ 6,3 milhões, ocorreu na sede da empresa, com a presença do presidente do Badesc, João Paulo Kleinübing, do diretor-presidente da empresa, Wolfgang Rudolph, e Marco Nunes, do departamento de Projetos Especiais da Finep, na última semana.

Para Rudolph, que agradeceu a presença de Kleinübing, a inovação é parte do processo que a sua empresa se desafia diariamente a sair do lugar comum. “Para sermos inovadores, precisamos de clientes inovadores. Por isso a importância do incentivo que recebemos do Badesc, que nos possibilita buscar novas soluções sempre”, pondera o presidente da Rudolph.

João Paulo Kleinübing parabenizou Rudolph pela rapidez na apresentação do projeto e ressaltou a importância das melhorias tecnológicas. “O único caminho para o Brasil é a inovação e a Rudolph é um desses faróis que demonstram a capacidade das indústrias catarinenses”, destaca o presidente do Badesc.

O convênio entre Badesc e Finep prevê a contratação de R$ 80 milhões em até três anos. Porém a intenção da direção da agência de fomento catarinense é chegar a esse valor até o final de 2014.

O que é o Badesc Inovacred
As micro, pequenas e médias empresas, com faturamento de até R$ 90 milhões por ano, podem contrair crédito de até R$ 10 milhões. Esse recurso pode financiar, inclusive, mão de obra e equipamentos importados, mesmo os que tenham modelos nacionais similares. "É uma linha de financiamento que contribui não apenas para a geração de emprego e renda, mas também para aumentar o valor agregado dos produtos catarinenses, fomentar a pesquisa, o desenvolvimento e gerar conhecimento", avalia Kleinübing. As principais demandas apresentadas até agora são nas áreas de medicina, tecnologia e produtividade industrial automotiva.

Também há recursos para serviços de consultoria, patenteamento licenciamento, diárias e passagens no Brasil e no exterior, acesso a banco de dados, softwares, obras, serviços de engenharia, assistência técnica, compra de participação no capital de empresas inovadoras, entre outros. A carência é de até 24 meses, com até 72 meses para amortização, com prazo máximo de 96 meses (oito anos). Para mais informações sobre o Badesc Inovacred procure a Gerência Regional do Badesc mais próxima (Florianópolis, Blumenau, Joinville, Chapecó, Criciúma e Lages) ou pelo e-mail inovacred@badesc.gov.br.

Itens financiáveis
- equipes participantes do projeto;
- equipamentos e instrumentos (nacionais e importados);
- material permanente;
- matérias-primas e material de consumo;
- compra de tecnologia;
- assistência técnica e serviços de consultoria;
- obras civis diretamente associadas ao projeto;
- patenteamento e licenciamento;
- compra de participação no capital de empresas inovadoras;
- aluguel de material promocional pertinente à difusão da inovação;
- diárias e passagens no País e no Exterior;
- serviços de engenharia consultiva;
- serviços de terceiros de pessoa física no exterior;
- acesso à banco de dados (licença);
- treinamento no país e no exterior, através de cursos e estágios ligados ao projeto de inovação;
- software customizado;
- concepção e desenvolvimento de software;
- produção, instalações fabris e comercialização quando associadas a inovações;
- ferramental associado a desenvolvimento tecnológico.

Mais informações
Assessoria de Imprensa Badesc
Camilla Geiger
camilla@fabricacom.com.br / 48 3027.6000 / 48 9125.762

Governador também falou sobre parceria com o Canadá e investimentos em São Joaquim

O governador Raimundo Colombo apresentou, em Rio do Sul, na noite desta sexta-feira, 1º, a palestra  “Pacto por SC: prestando contas”.  A proposta é avaliar as ações realizadas desde janeiro de 2011 e em andamento ou previstas pelo programa Pacto por Santa Catarina em todas as regiões do Estado. “Esses encontros com as comunidades servem para fiscalizar o andamento das obras e ações, para não deixar que nada fique parado. Estamos promovendo um trabalho em conjunto, buscando a construção harmônica dessas ações. Assim teremos um Estado ainda melhor para se viver.”

pacto por sc - prestando contas - rio do sul 20131102 1445447371
Foto: Neiva Daltrozo / Secom

>>> Mais imagens na galeria de fotos

Nos municípios de Rio do Sul, Trombudo Central, Agrolândia, Agronômica, Laurentino, Rio do Oeste, Braço do Trombudo, foram investidos pelo governo do Estado R$ 250 milhões. Dos recursos, R$ 61,9 milhões foram aplicados em obras já concluídas, R$ 45,5 milhões em projetos em andamento e R$ 142,6 milhões já programados para obras a serem iniciadas.

Na região de Rio do Sul, a área que mais recebeu investimentos foi a Defesa Civil: R$ 89,3 milhões. Parte dos recursos está sendo aplicada na instalação do radar meteorológico, que entrará em funcionamento em 2014. O equipamento está sendo instalado em Lontras, ponto estratégico para o monitoramento de sistemas meteorológicos, tais como frentes frias, ventanias, chuvas, granizo e todos os eventos naturais ligados à meteorologia.  O equipamento vai atender 190 municípios num raio de 200 quilômetros, o que corresponde a 77% do Estado. As regiões atendidas serão: Planalto Litoral Norte; Vale do Itajaí; Grande Florianópolis, parte do Litoral Sul, Serra, e parte do Meio Oeste.

“Com o aparelho as tempestades podem ser detectadas com até três horas de antecedência. Assim os moradores de áreas de risco vão ter mais tempo para se preparar ou deixar locais de risco”, explicou o governador.

Ainda na Defesa Civil na região de Rio do Sul, estão sendo feitas a sobrelevação das barragens de Taió e Ituporanga, medidas de prevenção e escorregamentos em rodovias; obras de melhoramentos no canal do Rio Taió (3,7km), estudos ambientais e projetos no canal em Rio do Sul (8,2km, construção de sete barragens de pequeno porte no Alto Vale (três estão em andamento e para as outras quatro foi entregue a ordem de serviço para a execução dos projetos).

No Saneamento Básico, estão sendo investidos R$ 78,4 milhões, na implantação de esgotamento sanitário de Rio Sul e melhorias na rede pluvial.  Para a Infraestrutura, foram destinados R$ 29,9 milhões, aplicados na pavimentação, revitalização de ruas, manutenção de estradas vicinais, construção de pontes, como é o caso da ponte entre os bairros Pamplona e Barragem.

Apesar da maior soma de recursos estar concentrado em obras da Defesa Civil, outras áreas estão recebendo investimentos significativos, como por exemplo: a Educação, que recebeu R$ 17,6 milhões, para reformas de escolas, como a EEB Alfredo Dalfovo e Paulo Zimmermann, em Rio do Sul, além de outras melhorias nas unidades da região.

Na Energia, foram aplicados R$ 7,8 milhões; Agricultura e Pesca, R$ 5,7 milhões; Saúde R$ 5,1 milhões; Assistência Social R$ 3,6 milhões; Turismo, Cultura e Esporte R$ 1,5 milhão; Justiça e Cidadania R$ 1,5 milhão; na Segurança Pública R$ 1,1 milhão; e no Desenvolvimento Tecnológico R$  601 mil. Pelo Fundo de Apoio aos Municípios (Fundam), serão mais R$ 10,3 milhões.

Investimento nos municípios
Rio do Sul – R$ 219,8 milhões
Trombudo Central - R$ 6,3 milhões
Agrolândia – R$ 5 milhões
Agronômica – R$ 3,6 milhões
Laurentino – R$ 3 milhões
Rio do Oeste – R$ 2,9 milhões
Braço do Trombudo – R$ 1,5 milhões
Investimentos regionais – R$ 7, 9 milhões

Outros investimentos na região
Ainda nesta sexta-feira, o governador Raimundo Colombo anunciou mais R$ 17 milhões em investimentos para as cidades da região de Rio do Sul. Os convênios foram assinados durante a noite, pouco antes da palestra. Saiba mais.

Redes sociais
Você pode acompanhar os encontros do governador Raimundo Colombo pelas redes sociais com a #PactoPorSC. Durante as palestras, a Secretaria de Comunicação faz a cobertura online pelo Twitter @Secom_SC.

Apresentação
Confira abaixo a íntegra da apresentação feita pelo governador e pelo secretário regional

{source}
<!-- You can place html anywhere within the source tags -->
<iframe src="http://www.slideshare.net/slideshow/embed_code/27819799" width="425" height="355" frameborder="0" marginwidth="0" marginheight="0" scrolling="no" style="border:1px solid #CCC;border-width:1px 1px 0;margin-bottom:5px" allowfullscreen> </iframe> <div style="margin-bottom:5px"> <strong> <a href="https://www.slideshare.net/Pactoporsc/sdr-rio-dosul" title="Pacto Por SC: Prestando Contas - apresentação Rio do Sul" target="_blank">Pacto Por SC: Prestando Contas - apresentação Rio do Sul</a> </strong> from <strong><a href="http://www.slideshare.net/Pactoporsc" target="_blank">Pacto por SC </a></strong> </div>

<script language="javascript" type="text/javascript">
    // You can place JavaScript like this
    
</script>
<?php
    // You can place PHP like this
    
?>
{/source}

Leia também
>>> Governador anuncia R$ 18,9 milhões em investimentos para a região de Ibirama
>>> Colombo faz balanço do Pacto por Santa Catarina na região de Ibirama
>>> Obras do canal extravasor em Presidente Getúlio já podem começar
>>> Governador Raimundo Colombo avalia as ações na região de Indaial
>>> Governador Raimundo Colombo anuncia R$ 43 milhões em investimentos para a região de Indaial
>>> Governador autoriza mais de R$ 284 milhões em investimentos para a região de Brusque, no Vale do Itajaí
>>> Governador Raimundo Colombo apresenta balanço do Pacto por SC na região de Brusque

{text}

O governador Raimundo Colombo esteve em Rio do Sul, no Alto Vale do Itajaí, nesta sexta-feira, 1º,  e anunciou investimentos de mais de R$ 17 milhões para auxiliar no desenvolvimento dos municípios da região. Foram confirmados R$ 10,3 milhões em recursos do Fundo de Apoio aos Municípios (Fundam) para as prefeituras e autorizados convênios no valor de R$ 7 milhões.

pacto por sc - prestando contas - rio do sul 20131102 1538186913
Foto: Neiva Daltrozo / Secom

>>> Mais imagens na galeria de fotos

A ação mais aguardada pela população é a construção das barragens, pois a região é periodicamente atingida por enchentes. O governador Raimundo Colombo e o secretário da Defesa Civil, Milton Hobus, entregaram a ordem de serviço para a execução dos projetos de engenharia licenciados para a construção de quatro barragens no Alto Vale: uma em Rio do Sul, duas na região de Pouso Redondo (Rio das Pombas), e uma no Rio Trombudo, no município de Trombudo Central.

Elas deverão armazenar no mínimo 24 milhões de metros cúbicos de água, de acordo com estudos realizados pela Japan International Cooperation Agency - JICA. Os recursos somam R$ 4,3 milhões e as obras devem ser concluídas até o final de 2016.

 “As ações terão um impacto muito forte em Santa Catarina, para a proteção das pessoas. São medida amplas, profundas e que serão muito bem feitas,” salientou o governador. Colombo informou que a presidenta Dilma virá a Santa Catarina no final do mês de novembro para conhecer o canteiro de obras de sobrelevação das barragens de Taió e Ituporanga.

O secretário Milton Hobus explicou que Santa Catarina vem enfrentando recorrentes desastres de grande magnitude, relacionadas às tempestades severas que causam inundações, escorregamentos, vendavais, granizos, tornados, ressacas, entre outros fenômenos. Historicamente, a Bacia do Rio Itajaí, a maior do Estado é uma das mais afetadas por inundações bruscas e graduais por escorregamentos.

Nos últimos anos, foram registradas seis enchentes: julho de 1983, agosto de 1984, maio de 1992, outubro de 2001, novembro de 2008 e setembro de 2011. “A implantação das ações, incluindo o radar meteorológico, e outras medidas de prevenção com certeza não vamos mais esperar a próxima enchente, agora é realidade. Nós vivemos nos últimos 50 anos registros de grandes inundações e nenhuma obra foi feita. A população tem o direito de renovar essa esperança”, afirmou.

Convênios -  Recursos do Fundo Social

Rio do Sul

Com o município de Rio do Sul, foram assinados convênios para obras de recuperação e manutenção de estradas vicinais (R$ 1,5 milhão), aquisição de um veículo para transporte dos idosos da Conferência São Vicente de Paulo (R$ 120 mil); para reconstrução da Sede da Sociedade Esportiva e Recreativa Fundo Canoas (R$ 70 mil).

Rio do Oeste

Para Rio do Oeste, os convênios assinados vão garantir o custeio do Instituto das Pequenas Missionárias de Maria Imaculada Recanto Padre João Venturi (R$ 60 mil).

Trombudo Central

Com o município foi assinado convênio para aquisição de móveis, equipamentos e utensílios para a Apae (R$ 15,6 mil).

Laurentino

O governador Raimundo Colombo assinou ainda o contrato de financiamento do Programa Badesc - Cidades Juro Zero,  do Badesc, no valor de R$ 1 milhão. 

Fundam

Os recursos do Fundam fazem parte do Pacto Por SC e são provenientes de financiamentos obtidos pelo Estado junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O repasse para as prefeituras será feito de forma não reembolsável e sem necessidade de contrapartida dos municípios. São mais de R$ 10,3 milhões divididos entre os municípios da região.

Agrolândia – R$ 1,4 milhão
Agrônomica – R$ 1,1 milhão
Rio do Oeste – R$ 1,5 milhão
Rio do Sul – R$ 2,8 milhão
Trombudo Central – R$ 1,3 milhão
Braço do Trombudo – R$ 700 mil
Laurentino – R$ 1,2 milhão 

{text}

O governador Raimundo Colombo apresentou, nesta sexta-feira, 1º, em Ibirama, no Alto Vale do Itajaí, a palestra “Pacto por SC: prestando contas”. A ação faz parte do roteiro de palestras que pretende detalhar as obras realizadas, desde janeiro de 2011, e em andamento ou previstas pelo programa Pacto por Santa Catarina. O evento, realizado no Clube União, foi aberto para a comunidade e está acontecendo em todas as regiões catarinenses.

pacto por sc prestando contas - ibirama 20131101 1885636249
Foto: Jaqueline Noceti/Secom

>>> Veja mais imagens na galeria de fotos

“Queremos mostrar para a população o que já foi realizado na região e depois fazer uma avaliação desses investimentos. No início de toda semana analisamos obras por obra com a finalidade de verificar se já foi concluída, com qualidade e dentro do prazo” explicou o governador.

Nos municípios de Ibirama, Lontras, Presidente Getúlio, Apiúna, Vitor Meireles, José Boiteux, Witmarsum, Dona Emma e Presidente Nereu foram investidos pelo governo do Estado R$ 185 milhões, sendo R$ 52,2 milhões em obras já concluídas. Outros R$ 102,9 milhões estão aplicados nas obras em andamento e mais R$ 29,9 milhões estão previstos para ações a serem iniciadas.

Na área da Educação, os investimentos chegaram a R$ 21,1 milhões. A obra destaque foi a implantação da Udesc com investimentos de R$ 2,9 milhões. Para a implantação do Campus foi adquirido o terreno, equipamentos, veículos e laboratórios. Ainda na área, estão a reforma e ampliação da Escola Indígena de Ensino Básico Vannhecú Patte, da Aldeia Bugio, localizada nas terras indígenas Laklaño e a construção de uma biblioteca municipal, em Dona Emma.

A Saúde foi a que mais recebeu recursos com o montante de R$ 77,1 milhões. Foram aplicados, por exemplo, na reforma e ampliação do Hospital e Maternidade Maria Auxiliadora e na aquisição de ambulâncias.

Em Infraestrutura, o Pacto investiu cerca de R$ 20 milhões, com destaque nas obras em andamento da pavimentação de 3,5 quilômetros da Rua Blumenau, que liga o centro de Ibirama até a BR-470. Também foi construída a ponte sobre o Rio Antinha, na Rua Resende, aquisição de máquinas e equipamentos e a pavimentação de ruas em Apiúna, Witmarsum, José Boiteux.
Na Defesa Civil, o destaque é a aquisição e instalação do radar meteorológico com investimentos de R$ 8 milhões. O equipamento vai permitir o acompanhamento do clima, 24 horas por dia, em Santa Catarina. Com o radar será possível prever tempestades, granizo, chuvas intensas, além da intensidade desses fenômenos e quais cidades serão atingidas. A tecnologia oferece uma margem de tempo que pode variar de 30 minutos a três horas de antecedência.

Nas áreas de Saneamento Básico, Desenvolvimento Econômico, Agricultura, Pesca, Energia, Turismo, Cultura, Esporte, Assistência Social, Justiça e Cidadania, os investimentos chegaram a R$ 57,1 milhões, a exemplo da construção do Pavilhão de Eventos e a reforma do ginásio de esportes Osny Mendes no município de Lontras, e a construção da quadra de esportes em Vitor Meireles.

Outros investimentos na região
Ainda nesta sexta-feira, o governador Raimundo Colombo anunciou mais R$ 18,9 milhões em investimentos para as nove cidades da região de Ibirama. Os convênios foram assinados esta tarde. Saiba mais.

Redes sociais
Você pode acompanhar os encontros do governador Raimundo Colombo pelas redes sociais com a #PactoPorSC. Durante as palestras, a Secretaria de Comunicação faz a cobertura online pelo Twitter @Secom_SC.

Apresentação
Confira abaixo a íntegra da apresentação feita pelo governador e pelo secretário regional

{source}
<!-- You can place html anywhere within the source tags -->
<iframe src="http://www.slideshare.net/slideshow/embed_code/27816012" width="427" height="356" frameborder="0" marginwidth="0" marginheight="0" scrolling="no" style="border:1px solid #CCC;border-width:1px 1px 0;margin-bottom:5px" allowfullscreen> </iframe> <div style="margin-bottom:5px"> <strong> <a href="https://www.slideshare.net/Pactoporsc/pacto-por-sc-prestando-contas-apresentao-ibirama" title="Pacto Por SC: Prestando Contas - apresentação Ibirama" target="_blank">Pacto Por SC: Prestando Contas - apresentação Ibirama</a> </strong> from <strong><a href="http://www.slideshare.net/Pactoporsc" target="_blank">Pacto por SC </a></strong> </div>

<script language="javascript" type="text/javascript">
    // You can place JavaScript like this
    
</script>
<?php
    // You can place PHP like this
    
?>
{/source}

Leia também
>>> Governador anuncia R$ 18,9 milhões em investimentos para a região de Ibirama
>>> Obras do canal extravasor em Presidente Getúlio já podem começar
>>> Governador Raimundo Colombo avalia as ações na região de Indaial
>>> Governador Raimundo Colombo anuncia R$ 43 milhões em investimentos para a região de Indaial
>>> Governador autoriza mais de R$ 284 milhões em investimentos para a região de Brusque, no Vale do Itajaí
>>> Governador Raimundo Colombo apresenta balanço do Pacto por SC na região de Brusque

{text}

 

O governador Raimundo Colombo anunciou nesta sexta-feira, 1º, em Ibirama, no Alto Vale do Itajaí, a liberação de R$ 3,1 milhões entre convênios e contratos com o Badesc, e mais R$ 15,8 milhões do Fundo de Apoio aos Municípios (Fundam), para investimentos nos nove municípios da região. Também foram autorizadas a licitação do projeto para a pavimentação da rodovia SC-340 e a contratação de empresa especializada para o setor de terapia intensiva do Hospital Waldomiro Colautti.

“São recursos importantes para ajudar no desenvolvimento da região, além de melhorar a qualidade de vida das pessoas que vivem no Alto Vale”, destacou Colombo.

A primeira assinatura foi da autorização que permite o lançamento do edital para a licitação do projeto de engenharia rodoviária para a execução das obras e serviços de pavimentação asfáltica da rodovia SC-340. O trecho de 65 quilômetros liga o município de Vitor Meireles até o entroncamento com a BR-116, em Monte Castelo. Para a realização do projeto serão investidos R$ 3,05 milhões. A outra será para abertura do processo licitatório para contratação de uma empresa especializada que vai executar os serviços de terapia intensiva do Hospital Waldomiro Colautti, em Ibirama.

O município de Ibirama foi contemplado com R$ 2,18 milhões. Parte desses recursos é do contrato de financiamento com o Programa da Agência de Fomento do Estado de Santa Catarina (Badesc) Cidades Juro Zero. O montante será aplicado na pavimentação da Rua Rodolfo Koepsel, na aquisição de um veículo para o Grupo Repartir e para compra de equipamentos e renovação da frota da prefeitura.

Witmarsum também assinou contrato com o Badesc no valor de R$ 600 mil que serão aplicados na aquisição de pá carregadeira e um caminhão basculante. Outros R$ 30 mil serão destinados para auxiliar na aquisição de equipamentos hospitalares.

Os municípios de Vitor Meireles, Presidente Getúlio e José Boiteux receberam juntos R$ 348,5 mil que serão usados na reforma do Hospital Angelina Meneghelli, na aquisição de veículos, equipamentos e academia ao ar livre, e também para a construção de parques infantis. (ver tabela abaixo)

Município

Obra

Investimento

Ibirama

Contrato com o Programa Badesc Cidades Juro Zero

R$ 2 milhões

Ibirama

Pavimentação da Rua Rodolfo Koepsel

R$ 150 mil

Ibirama

Aquisição de veículo para o Grupo Repartir

R$ 30 mil

Presidente Getúlio

Aquisição de dois parques infantis para as Creches Chapeuzinho Vermelho e Pingo de Gente

R$ 20 mil

Presidente Getúlio

Aquisição de academia ao ar livre

R$ 10 mil

Presidente Getúlio

Aquisição de um veículo para a Secretaria de Assistência Social

R$ 22,5 mil

José Boiteux

Compra de equipamentos para a criação da Fanfarra Municipal

R$ 20 mil

José Boiteux

Aquisição de um veículo utilitário para a Secretaria Municipal de Agricultura

R$ 26 mil

Vitor Meireles

Convênio para auxiliar na reforma do Hospital Angelina Meneghelli

R$ 250 mil

Witmarsum

Contrato com o Programa Badesc Cidades Juro Zero

R$ 600 mil

Witmarsum

Convênio para auxiliar na compra de equipamentos hospitalares

R$ 30 mil

 

Total Geral

R$ 3,1 milhões

Fundam

Os recursos do Fundam, no total de R$ 15,8 milhões, irão atender os municípios de Ibirama, Lontras, Presidente Getúlio, Apiúna, Vitor Meireles, José Boiteux, Witmarsum, Dona Emma e Presidente Nereu. Os recursos serão disponibilizados a fundo perdido e sem contrapartida. Para cada município ter acesso será necessário apresentar até dois projetos de investimentos.

O principal critério para a distribuição dos recursos é o número de habitantes por município. No entanto, a qualidade técnica dos projetos e a importância das demandas apresentadas por cada prefeitura foram levadas em consideração para a definição dos valores. O dinheiro só poderá ser utilizado para investimentos e os projetos deverão contemplar exclusivamente as áreas de infraestrutura (logística e mobilidade urbana); construção e ampliação de prédios nas áreas de educação, saúde e assistência social; construção nas áreas de desporto e lazer; saneamento básico; aquisição de equipamentos, veículos e materiais destinados aos serviços de saúde e educação; e máquinas e equipamentos rodoviários novos, fabricados em território nacional.

Recursos do Fundam

Cidade

Investimento

Ibirama

R$ 4 milhões

Lontras

R$ 1,7 milhão

Presidente Getúlio

R$ 2,1 milhões

Apiúna

R$ 2,05 milhões

Vitor Meireles

R$ 1,5 milhão

José Boiteux

R$ 1,25 milhão

Witmarsum

R$ 1,25 milhão

Dona Emma

R$ 900 mil

Presidente Nereu

R$ 1,09 milhão

Total

R$ 15,8 milhões

 {text}

O município de Indaial, no Vale do Itajaí, sediou, na manhã desta sexta-feira, 1º, a edição regional da palestra “Pacto por SC: prestando contas”. No encontro, o governador Raimundo Colombo avaliou as ações realizadas na região desde janeiro de 2011 e em andamento ou previstas pelo programa Pacto por Santa Catarina na região. O evento, aberto à comunidade, foi realizado na Associação Comercial.

O governador destacou que os recursos do Pacto por SC são resultado do longo trabalho de planejamento do governo realizado nos dois primeiros anos de gestão. “Buscamos saber quais eram as necessidades de cada local, para não investir em prioridades falsas. O Pacto por Santa Catarina, é um grande programa de gestão de projetos para garantir que as obras sejam executadas e tenham tenham começo, meio e fim. É isso que propus à sociedade, um pacto para fazer com que o Estado esteja mais próximo e atendendo os anseios da população.”

Nos municípios de Ascurra, Timbó, Indaial, Rio dos Cedros, Benedito Novo, Rodeio e Doutor Pedrinho, foram investidos R$ 104 milhões. Deste montante R$ 67,2 milhões para obras e ações que estão em andamento, R$ 27 milhões em já concluídas e R$ 9,8 a iniciar.

Na região de Indaial, a área que mais recebeu investimentos foi a infraestrutura: R$ 45,5 milhões. Os recursos foram aplicados em obras fundamentais para o desenvolvimento Da região, como pavimentações, revitalizações e melhoria nas estradas.

Na Educação, foram investidos R$ 27, 7 milhões na construção de escolas, como por exemplo, a Escola de Ensino Médio de Rio dos Cedros, além de reformas e melhoria em outras unidades, como é o caso das escolas de Educação Básica Frei Lucínio Korte de Doutor Pedrinho, Giovani Trentini de Rio dos Cedros, Raulino Horn, Gustavo Barroso e Marcus Rauh de Indaial, Domingos Sávio de Ascurra e Emir Ropelato de Timbó.

Apesar da maior soma de recursos estar concentrado em obras de Infraestrutura e na Educação, outras áreas estão recebendo investimentos significativos, como por exemplo:  o Saneamento Básico que recebeu R$ 10, 1 milhões, a Energia, R$ 5,1 milhões, a Assistência Social R$ 2,9 milhões, Turismo, Cultura e Esporte R$ 2,7 milhões e Segurança Pública R$ 500 mil.

“O Governo do Estado deve estar atento as necessidade da população. O cidadão colabora com seus impostos e é dever do Estado retribuir com serviços de qualidade”, finalizou o governador Raimundo Colombo.

Investimentos por município

Ascurra – R$ 41,7 milhões
Timbó – R$ 22,4 milhões
Indaial – R$ 22,1
Rio dos Cedros – R$ 11,8 milhões
Benedito Novo – R$ 2,9 milhões
Rodeio – R$ 1,6 milhões
Doutor Pedrinho – R$ 1,5 milhões

{text}

O governador Raimundo Colombo anunciou nesta sexta-feira, 1º, em Indaial (que integra a Secretaria de Desenvolvimento Regional de Timbó), recursos para o desenvolvimento da região. Os investimentos chegam a cerca de R$ 43 milhões, incluindo convênios (mais de R$ 29 milhões) e verbas do Fundo de Apoio aos Municípios (R$ 13,4 milhões). “Queremos criar novas oportunidades nos municípios para a melhoria da qualidade de vida. É preciso ouvir a voz de quem não tem voz, sentir a presença de quem não está ali e ver a justiça no olhar das pessoas. É isso que buscamos a cada dia, atender as pessoas da melhor forma possível”, disse Colombo.

Ainda nesta sexta-feira, o governador Raimundo Colombo e o secretário da Infraestrutura, Valdir Cobalchini, assinaram a autorização para o lançamento do edital para licitação da terceira ponte de Indaial, obra de 270 metros de extensão, orçada em R$ 20 milhões, e que irá desafogar o trânsito do centro da cidade.  “Essa obra é aguardada há muitos anos pela população indaialense e também da região, pois a última ponte construída no município foi no ano de 1978”, ressaltou o prefeito de Indaial, Sérgio Almir dos Santos.

De acordo com o secretário Valdir Cobalchini, esta obra já está com seu projeto de engenharia concluído e os investimentos virão de um financiamento que o Governo do Estado está contratando junto ao Banco do Brasil. “É mais uma obra que busca a melhoria da mobilidade urbana nas cidades de médio porte do nosso Estado.”

pacto por sc prestacao de contas - indaial 20131101 1750301587
Foto: Neiva Daltrozo/Secom

>>> Confira mais imagens na Galeria de Fotos

Fundam

Pelo Fundo de Apoio aos Municípios (Fundam), o investimento é de R$ 13,4 milhões. O recurso será aplicado em diversas obras nos municípios de Ascurra, Timbó, Indaial, Rio dos Cedros, Benedito Novo, Rodeio e Doutor Pedrinho. A verba faz parte do Pacto Por SC e é provenientes de financiamentos obtidos pelo Estado junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O repasse para as prefeituras será feito de forma não-reembolsável e sem necessidade de contrapartida dos municípios.

Convênios assinados com os municípios

Ascurra

No município, será aplicado R$ 1,2 milhão pelo Fundam.

Doutor Pedrinho

Foram assinados convênios para a drenagem pluvial da estrada geral Forcação (R$ 41,9 mil); e para manutenção da Rodovia SC-477, com a operação tapa buraco (R$ 70 mil). A cidade ainda foi contemplada com o contrato de financiamento do Programa BADESC - Cidades Juro Zero (R$ 500 mil) e com R$ 1,1 milhão do Fundam.

Benedito Novo

Em Benedito Novo, os recursos anunciados vão permitir a construção de muro de contenção e recuperação de camada asfáltica da Rua Celso Ramos (R$ 100 mil) e implantação de tubulação para irrigação de arroz (R$ 50 mil). Pelo Fundam, a cidade recebeu R$1,4 milhão.

Rodeio

Outro convênio assinado nesta sexta-feira é para a pavimentação da Rua dos Imigrantes (R$ 100 mil). A cidade recebeu R$ 1,8 milhão pelo Fundam.

Rio dos Cedros

Em Rio dos Cedros, será feita a construção do novo Quartel do Corpo de Bombeiros Militar (R$ 100 mil). Também foi assinado convênio entre o Estado e a Fundação Hospitalar do município para auxiliar na ampliação do Centro Cirúrgico (R$ 1 milhão), além de contrato de financiamento do Programa Badesc - Cidades Juro Zero  (R$ 1,5 milhão). Pelo Fundam, Rio dos Cedros recebeu R$ 2 milhões.

Timbó

Para o município, foram assinados convênios para aquisição de mobiliário e equipamentos para a Associação Corpo de Bombeiros Voluntários (R$ 40 mil) e para continuidade das obras do quartel (R$ 200 mil). Também foi assinado contrato de financiamento do Programa Badesc - Cidades Juro Zero (R$ 3 milhões). Timbó foi beneficiada com R$ 3 milhões pelo Fundam.

Indaial

Em Indaial, será executada a construção da Sede do Corpo de Bombeiros Voluntários (R$ 100mil). Nesta sexta-feira, também foi assinado convênio entre o Estado e a Associação Beneficente Hospital Beatriz Ramos, mantenedora do Hospital Beatriz Ramos, para auxiliar na ampliação da UTI (R$ 200 mil) e para o custeio e manutenção dos serviços da unidade (R$ 150 mil). O recurso do Fundam é de R$ 2,9 milhões.

Leia também:

>>> Governador Raimundo Colombo avalia as ações na região de Indaial

{text}

O governador Raimundo Colombo esteve em Brusque, no Vale do Itajaí, nesta quinta-feira, 31, onde anunciou investimentos de mais de R$ 284 milhões para auxiliar no desenvolvimento dos municípios da região. Foram confirmados R$ 29,2 milhões em recursos do Fundo de Apoio aos Municípios (Fundam) para as prefeituras e autorizados convênios no valor de R$ 254 milhões.

“Esses recursos são para atender as necessidades mais urgentes dos municípios, para dinamizar serviços aos cidadãos, dar mais condições de desenvolvimento aos locais, segurança, tranquilidade e qualidade de vida”, disse o governador.  

O anúncio mais aguardado pela população foi a entrega da ordem de serviço para a execução dos projetos de engenharia para a construção de uma barragem de médio porte em  Botuverá.  A obra, que deverá estar concluída até o final de 2016, vai beneficiar as regiões de Botuverá, Brusque e Itajaí, com capacidade para armazenar mais de 15,7 milhões de metros cúbicos de água de parte do Rio Itajaí-Mirim. A obra terá um investimento de R$ 95 milhões. A localização exata da barragem depende de estudos de viabilidade técnica e ambiental.

De acordo com os técnicos que trabalham no projeto, toda a ação está sendo preparada levando-se em conta o menor impacto ambiental, social e econômico para a região. A intenção é que a barragem, dentro das possibilidades, possa ter múltiplo uso, ou seja, que a água armazenada seja utilizada para consumo animal e humano e para a irrigação.

O secretário da Defesa Civil, Milton Hobus, lembrou das enchentes que atingiram a região. Em 1983, foram cinco dias de chuvas intensas que fizeram o Rio Itajaí-Açu subir, deixando 200 mil desabrigados e 49 mortos. No ano seguinte, em 1984, novas inundações com 160 mil desabrigados e 16 mortos. Em 2008, o mês de novembro foi marcado por fortes chuvas, que deixaram 80 mil desabrigados e 135 mortos. A última foi em 2011, quando novamente a região foi castigada com as chuvas. O resultado foi 30 mil desabrigados e três mortos. “A construção da barragem em Botuverá é ideal para proteção às cidades região. É um grande sonho da população que já sofreu muito com as inundações”, afirmou.

pacto por sc - prestando contas - brusque 20131101 1433289316
Foto: Neiva Daltrozo/Secom

>>> Confira mais imagens na Galeria de Fotos

SC-486

Outra importante obra que deve iniciar em breve é a duplicação da rodovia Antonio Heil, SC-486, trecho entre Brusque e Itajaí. Os trabalhos serão executados em 20,9 quilômetros. Nesta quinta-feira, o governador Raimundo Colombo autorizou o edital de licitação da obra, que está orçada em R$ 148,7 milhões.

O secretário da Infraestrutura, Valdir Cobalchini, disse que a obra de duplicação traz melhor logística e competitividade, acaba com as filas e moderniza o Estado. “É um grande investimento que vai transformar essa região.”

Os recursos do Fundam fazem parte do Pacto Por SC e são provenientes de financiamentos obtidos pelo Estado junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O repasse para as prefeituras será feito de forma não-reembolsável e sem necessidade de contrapartida dos municípios. São R$ 29,2 milhões divididos entre os oito municípios.

São João Batista

Com o município de São João Batista, foram assinados convênios para a pavimentação de ruas (R$ 500 mil), aquisição de aparelho de raio-x (R$ 125 mil), elaboração do projeto de construção do novo prédio do hospital (R$ 200 mil). Esses recursos são do Fundo Social. Do Fundam, serão R$ 2 milhões para pavimentação de ruas e revitalização do centro do município.

Botuverá

Outros convênios assinados, nesta quinta-feira, são para aquisição de um trator para o município (R$ 100 mil) e para recuperação asfáltica de rua no bairro Águas Negras (R$ 100 mil), além da barragem (R$ 95 milhões) e Fundam (R$ 12,8 milhões).

Tijucas

Para o município, foi assinado o contrato de financiamento do programa Badesc – Cidades Juro Zero (R$ 5 milhões). Também será executado o projeto de reforma da lavanderia do Lar Santa Maria da Paz (R$ 249,6 mil), com recursos do Fundo Social e Fundam (R$ 2,5 milhões).

Canelinha

Os convênios assinados com Canelinha vão permitir a reforma e ampliação da rodoviária (R$ 500 mil), a pavimentação de ruas (R$ 200 mil), além da conclusão da sede própria da Rede Feminina de Combate ao Câncer de Mama (R$ 50 mil), aquisição de três academias de ginástica (R$ 35 mil) e compra de bens permanentes para a construção da nova sede da APAE (R$ 30 mil). Pelo Fundam, somam-se R$ 2,1 milhões.

Nova Trento

Com Nova Trento, foram assinados convênios para drenagem e pavimentação da rua Maria Menon Marcolla, no Distrito de Claraíba (R$ 200 mil), e para a reforma e ampliação da ponte Ivo Silveira (R$ 500 mil). O governo ainda liberou R$ 1,8 milhões pelo Fundam para outras obras.

Guabiruba

O convênio assinado com o município será para a aquisição de veículo para a Secretaria Municipal da Saúde (R$ 50 mil). A prefeitura da cidade ainda conta com R$ 2,1 milhões do Fundam.

Brusque

Já para Brusque, os convênios vão permitir a aquisição de aparelhos para a academia de ginástica do município (R$ 50 mil), projeto de inclusão para associação dos Atletas Especiais no cenário esportivo (R$ 50 mil) e materiais e equipamentos para montagem de um auditório para o grupo escoteiro (R$ 10 mil). Também está prevista a aquisição de um aparelho mamógrafo para a Rede Feminina de Combate ao Câncer (R$ 150 mil) e de um veículo para a rede (R$ 50 mil). A cidade ainda recebeu R$ 3,2 milhões pelo Fundam.

Major Gercino

Com Major Gercino, foi assinado o contrato de financiamento do programa Badesc Cidades Juro Zero (R$ 1 milhão). Pelo Fundam, o município foi beneficiado com R$ 2,7 milhões.

 

>>> Confira o áudio da entrevista com o governador Raimundo Colombo 

 

>>> Leia também: 

Governador Raimundo Colombo apresenta balanço do Pacto por SC na região de Brusque

{text}