Compartilhe


Obras da Penitenciária Feminina em Criciúma. Foto: Denise Lacerda/SJC

A Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania (SJC) tem dedicado atenção especial à mulher presa com um planejamento a médio e longo prazo. A SJC está construindo quatro unidades femininas com todas as condições adequadas ao público feminino (segue a relação abaixo) - entre elas uma penitenciária (primeira unidade feminina para mulheres condenadas no Estado e construída com recursos estaduais) prevista para inaugurar em 2018, com toda a infraestrutura necessária para atender às mulheres presas com creche, berçário, brinquedoteca e espaços para estudo e trabalho. Também está prevista a ordem de serviço para outra unidade feminina no Sul do estado: o Presídio Feminino em Tubarão, com mais 224 vagas.

“Estamos trabalhando para entregar espaços físicos adequados, penitenciárias e presídios femininos de acordo com as particularidades da mulher  (como a sala de aleitamento). Com as quatro unidades femininas, criaremos mais de 1,3 mil vagas exclusivas para as mulheres. Isto não está sendo feito em nenhum outro estado do Brasil”, orgulha-se a secretária de Estado da Justiça e Cidadania, Ada Faraco de Luca.

Relação de Obras –  Unidades Femininas

Penitenciária Feminina de Criciúma - Recursos Pacto Por SC - 286 vagas
Presídio Feminino de Chapecó - Recursos federais do Depen - 286 vagas
Presídio Feminino de Itajaí - Recursos federais do Depen - 286 vagas 
Presídio Feminino de Joinville - Recursos federais do Depen - 286 vagas 

Informações adicionais para a imprensa
Denise Lacerda
Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania - SJC
E-mail: deniselacerda@sjc.sc.gov.br
Fone: (48) 3664-5810 / 99152-6934
Site: www.sjc.sc.gov.br