O segundo relatório de monitoramento da qualidade das praias da temporada de verão 2017/2018, divulgado pela Fundação do Meio Ambiente (Fatma), nesta sexta-feira, 15, mostra uma melhora dos pontos próprios em relação à análise da semana passada. Dos 215 pontos analisados, 82,3% estão próprios para banho. As coletas foram realizadas de 11 a 15 de dezembro em 114 praias de 27 municípios do Estado. O relatório completo está no site da Fatma ou pode ser conferido no aplicativo Praias SC, disponível para android. 

Na Capital, 80% (60) dos locais podem ser aproveitados pelos banhistas. No restante do Litoral, 83,6% (177) estão próprios para banho. Onze pontos melhoraram a condição e apenas três estão impróprios para banho. “A chuva influencia diretamente a balneabilidade das praias por levar os detritos das ruas e drenagem para o mar. Como não houve precipitações, os números melhoraram”, informa o gerente de Pesquisa e Análise da Qualidade Ambiental, Oscar João Vasquez Filho. 

Durante a temporada de verão, o monitoramento das praias catarinenses é feito semanalmente. Com mais de 30 anos de experiência, o técnico do Laboratório da Fatma, Marlon Daniel da Silva, dá uma dica importante aos banhistas na hora de escolher a praia para o banho de mar. “Mesmo que no relatório daquela semana o ponto esteja próprio, sempre indicamos que se observe o histórico do local. Se, na maior parte do tempo está próprio, a chance de estar contaminado é menor que um local que apresenta um histórico de impropridade”, salienta o técnico. Os resultados estão todos no site da Fatma ou no aplicativo (endereços acima). 

Como a balneabilidade é feita 

Para dizer se um ponto é próprio ou impróprio para banho, a Fatma analisa a presença da bactéria Escherichia Coli, encontrada em fezes de animais e humanos. São necessárias cinco coletas consecutivas para se obter o resultado. “Começamos a colher as amostras para o início da temporada em 6 de novembro. Quando em 80% das análises a quantidade da bactéria é inferior a 800 por 100 mililitros, o ponto é considerado próprio”, Silva. Além da estrutura da Fundação, outros dois laboratórios parceiros contribuem para as análises.   

Os pontos analisados são nos municípios Araranguá, Bal. Arroio do Silva, Bal. Gaivota, Bal. Camboriú, Bal. Rincão, Barra Velha, Biguaçú, Bombinhas, Florianópolis, Garopaba, Gov. Celso Ramos, Imbituba, Itajaí, Itapema, Itapoá, Jaguaruna, Joinville, Laguna, Navegantes, Palhoça, Passo de Torres, Penha, Piçarras, Porto Belo e São José. 

Mais informações para a imprensa:
Fundação do Meio Ambiente (Fatma)
Claudia De Conto / Anne Caroline Anderson
Comunicacao@fatma.sc.gov.br
(48) 3665.4177 / 99172.8277

 

 


Foto: James Tavares/Secom

O calor continua em Santa Catarina nesta sexta-feira, 15, em todas as regiões. E a previsão é que as temperaturas sigam altas nos próximos dias. Nesta sexta, há presença de sol em todo o estado, mas, pela tarde, aumenta a condição de pancadas isoladas de chuva especialmente no Oeste, Meio-Oeste, Planaltos, Vale do Itajaí e Litoral Sul. Podem ocorrer descargas elétricas. As máximas chegam a 35ºC no Oeste.

>>> Mais detalhes do site da Epagri/Ciram

O sábado também começa com sol e calor, com mudança do tempo a partir da tarde, especialmente no Oeste. O forte calor com máxima acima de 36°C deve ser aliviado com pancadas de chuva. Porém, a Epagri/Ciram alerta para o risco de temporais localizados, rajadas de vento acima de 60km/h e granizo.

No domingo, essa condição se espalha para outras regiões, com uma frente fria chegando a SC no fim do dia.

Mais informações para a imprensa:
Central de Meteorologia
Epagri/Ciram
Fone: (48) 3665-5007 e (48) 3665-5172
E-mail: contatociram@epagri.sc.gov.br
Site: www.ciram.epagri.sc.gov.br
Facebook


Praia da Solidão, em Florianópolis. Foto: James Tavares/Secom

A quinta-feira, 14, começa com nevoeiros pela manhã no Norte e Vale do Itajaí. À tarde, haverá aumento de nuvens nas regiões do Oeste, Planalto Sul e Litoral Sul, com possibilidade de pancadas de chuva que se estendem também ao início da noite. A Epagri/Ciram reforça há previsão de descargas elétricas.

A temperatura fica alta em todas as regiões à tarde, chegando aos 35ºC no Oeste e parte do Litoral e Vale do Itajaí. O vento sopra no quadrante Nordeste, virando de Sudeste, e pode ter rajadas fortes no Litoral.

>>> Mais detalhes da previsão do tempo

A sexta-feira, 15, tem variação de nuvens pela manhã. À tarde, volta a condição de pancadas de chuva que devem atingir o Oeste, Meio-Oeste, Planalto, Vale do Itajaí e Litoral Sul. Também podem ocorrer descargas elétricas, que exigem cuidado. A temperatura segue alta em todas as regiões à tarde, mais uma vez podendo chegar aos 35ºC.

Mais informações para a imprensa:
Central de Meteorologia
Epagri/Ciram
Fone: (48) 3665-5007 e (48) 3665-5172
E-mail: contatociram@epagri.sc.gov.br
Site: www.ciram.epagri.sc.gov.br
Facebook


Foto: James Tavares/Secom

A previsão do tempo da EpagrI/Ciram indica aberturas de sol no decorrer desta quarta-feira 13, com mais nuvens à tarde em todas as regiões. Na madrugada e início da manhã, há condição de chuva fraca no Vale do Itajaí, Grande Florianópolis e Norte do Estado, no Litoral Sul pode ocorrer chuva fraca à noite. A temperatura segue elevada com máximas acima de 30ºC, mais altas no Oeste e Litoral Sul. O vento sopra de nordeste, com variações de leste na Grande Florianópolis e Litoral Norte, fraco a moderado.

>>> Mais detalhes da previsão para esta quarta

Para a quinta-feira, 14, sol com aumento de nuvens em todas as regiões de Santa Catarina. Entre a tarde e noite, pancadas localizadas de chuva do Oeste ao Planalto e no Litoral Sul, devido ao calor e à aproximação de uma frente fria na divisa entre SC e RS. A temperatura estará alta, com máximas acima de 30ºC.

Mais informações para a imprensa:
Central de Meteorologia
Epagri/Ciram
Fone: (48) 3665-5007 e (48) 3665-5172
E-mail: contatociram@epagri.sc.gov.br
Site: www.ciram.epagri.sc.gov.br
Facebook


Foto: James Tavares/Secom

A previsão do tempo da Epagri/Ciram indica o predomínio de sol e tempo seco em todo o Estado, nesta terça-feira, 12. A temperatura estará em gradativa elevação ao longo do dia. O vento sopra de sudeste a nordeste, com intensidade fraca a moderada.

>>> Mais detalhes da previsão para esta terça

Na quarta-feira, 13, o tempo deve continuar seco e com sol. Já na quinta-feira, 14, deve ocorrer aumento de nuvens em todas as regiões, principalmente no Oeste. No final do dia, há condição de chuva localizada no sul no Estado, devido à aproximação de uma frente fria na divisa de SC com o RS. A temperatura estará elevada, com máximas acima de 30ºC.

Mais informações para a imprensa:
Central de Meteorologia
Epagri/Ciram
Fone: (48) 3665-5007 e (48) 3665-5172
E-mail: contatociram@epagri.sc.gov.br
Site: www.ciram.epagri.sc.gov.br
Facebook


Foto: James Tavares/Secom

A semana começa com tempo seco e sol em todo o Estado. A temperatura estará alta, próxima de 30ºC na maioria das regiões. O vento sopra de sudeste, fraco a moderado.

>>> Mais detalhes da previsão para esta segunda

Para o restante da semana a previsão da Epagri/Ciram indica  tempo seco, estável, com sol e poucas nuvens. A temperatura segue elevada em toda Santa Catarina.

Mais informações para a imprensa:
Central de Meteorologia
Epagri/Ciram
Fone: (48) 3665-5007 e (48) 3665-5172
E-mail: contatociram@epagri.sc.gov.br
Site: www.ciram.epagri.sc.gov.br
Facebook

 


Foto de arquivo: Julio Cavalheiro /  Secom

O primeiro relatório de monitoramento da qualidade das praias da temporada de verão 2017/2018, divulgado nesta sexta-feira, 8, pela Fundação do Meio Ambiente (Fatma), mostra que 78,6% dos 215 pontos analisados estão próprios para banho. As coletas foram realizados de 4 a 8 de dezembro em 114 praias de 27 municípios do Estado. O relatório completo está no site da Fatma ou pode ser conferido no aplicativo Praias SC, disponível para android. 

Na Capital, 74,7% (56) dos locais podem ser aproveitados pelos banhistas. No restante do Litoral, 80,7% (169) estão próprios para banho. “A partir de agora, as coletas, análises e divulgação da qualidade das praias de Santa Catarina passam a ser semanais. Este é um programa de saúde pública realizado pela Fatma há 40 anos, feito conforme as normas do Conselho Nacional do Meio Ambiente, o Conama, por técnicos efetivos capacitados e com mais de três décadas de experiência”, explica o presidente da Fundação, Alexandre Waltrick Rates. 

Como a balneabilidade é feita 

Para dizer se um ponto é próprio ou impróprio para banho, a Fatma analisa a presença da bactéria Escherichia Coli, encontrada em fezes de animais e humanos. São necessárias cinco coletas consecutivas para se obter o resultado. “Começamos a colher as amostras para o início da temporada em 6 de novembro. Quando em 80% das análises a quantidade da bactéria é inferior a 800 por 100 mililitros, o ponto é considerado próprio”, explica o técnico do laboratório da Fatma, Marlon Daniel da Silva. Além da estrutura da Fundação, outros dois laboratórios parceiros contribuem para as análises.   

Os pontos analisados são nos municípios Araranguá, Bal. Arroio do Silva, Bal. Gaivota, Bal. Camboriú, Bal. Rincão, Barra Velha, Biguaçú, Bombinhas, Florianópolis, Garopaba, Gov. Celso Ramos, Imbituba, Itajaí, Itapema, Itapoá, Jaguaruna, Joinville, Laguna, Navegantes, Palhoça, Passo de Torres, Penha, Piçarras, Porto Belo e São José. 

Mais informações:
Fundação do Meio Ambiente (Fatma)
Claudia De Conto / Anne Caroline Anderson
Comunicacao@fatma.sc.gov.br
(48) 3665.4177 / 99172.8277

A Fundação do Meio Ambiente de Santa Catarina (Fatma) e a Engie Energia anunciaram nessa quinta-feira, 7,  os vencedores da 10ª edição do Prêmio Fatma de Jornalismo Ambiental. Neste ano, a premiação recebeu 92 inscritos. A premiação reconheceu as melhores matérias jornalísticas sobre meio ambiente publicadas na imprensa catarinense em cinco categorias: mídia impressa, telejornalismo, radiojornalismo, internet e fotojornalismo. Além dos vencedores regionais e estaduais, o júri selecionou alguns trabalhos e veículos que receberam menção honrosa por participação.

Durante a cerimônia, o presidente da Fatma, Alexandre Waltrick Rates, ressaltou a importância do trabalho da imprensa catarinense. “Os jornalistas têm um papel fundamental no processo de educação ambiental. Parabenizo todos vocês pelos trabalhos vencedores e agradeço pelo interesse na cobertura de matérias sobre meio ambiente”, comentou.

A décima edição do prêmio teve como novidade a criação de duas categorias, a de radiojornalismo e telejornalismo, que até então competiam entre si. Os vencedores estaduais em cada categoria ganharam R$ 7 mil e, o segundo lugar, R$ 3 mil.

O diretor administrativo da Engie Energia, patrocinadora do prêmio, Júlio César Lunardi, ressaltou a parceria e a importância de reconhecer os profissionais da Comunicação. “Somos parceiros do Prêmio Fatma desde a primeira edição porque acreditamos no jornalismo como ferramenta fundamental de educação e valorização ambiental. É gratificante saber que esse prêmio está há dez anos valorizando o trabalho jornalístico”, afirmou.

O prêmio conta com apoio da Associação Catarinense de Imprensa (ACI), Associação dos Diários do Interior (ADI), Associação dos Jornais do Interior (Adjori), Associação Catarinense das Emissoras de Rádio e TV (Acaert) e Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Santa Catarina.

Vencedores Estaduais

Radiojornalismo

1° lugar: Regional São Miguel do Oeste - Marcos Meller – Saúde pelo Ralo – Rádio Peperi

2° lugar: Regional Caçador - Juciele Marta Baldissarelli – Capivaras urbanas: A necessidade da convivência harmônica entre pessoas e animais – Rádio Vitória AM

Fotojornalismo

1° lugar: Regional Grande Florianópolis - Diógenes Pandini – Ameaça Seca – Diário Catarinense

2° lugar: Regional Mafra - Elvis Loseiko - -3.8º foi de arregalar os olhos – Jornal A Gazeta

Internet

1° lugar: Regional Grande Florianópolis - Karine Wenzel, Betina Humeres, Júlia Pitthan, Cris Macari, Ricardo Wolff, Ben Ami Escopinho, Aline Ficher, Thaís Fernandes – Inimigo Invisível – DC online

2° lugar: Regional Criciúma - Bruna Tomé Borges e Marciano Bortolin – Áreas Mineradas: um passivo em recuperação -  Diário de Notícias

Telejornalismo

1° lugar: Regional Tubarão - Maria Julia da S. Goularte, Aline Araújo, Cláudio da Rosa, Felipe Corrêa – Sul de Santa Catarina é destaque na geração de energia solar – Unisul TV

2° lugar: Regional Grande Florianópolis - Gabriela Machado, Fabiano Souza, Analu Vieira – Quanto lixo você produz? – NSC TV

Mídia Impressa

1° lugar: Regional Blumenau - Marcelo Reis – Saneamento básico: O grande desafio – Jornal O Município

2° lugar: Regional Grande Florianópolis - Rodrigo Lima, Michael Gonçalves, Flávio Tin, Daniel Queiroz, Marco Santiago, Cristiane Severino, Rogério Moreira Júnior – Fúria do Mar – Jornal Notícias do Dia 

Menções Honrosas

Cristian Edel Weiss, Simone Feldmann, Bem Ami Scopinho, Cristiane Macari, Stéfano Souza, Diorgenes Pandini, Felipe Carneiro, Cristiano Estrela, Léo Munhoz – Série “Turismo no Quintal” – Diário Catarinense – Grande Florianópolis

Marcos Meller – Lavoura da Morte – Rádio Peperi – Regional São Miguel do Oeste

Michele Dias – Óleo Renovado, transformação ambiental – TVAL – Regional Grande Florianópolis

Mais informações para a imprensa:
Claudia De Conto
Assessoria de Comunicação
Fundação do Meio Ambiente (Fatma)
E-mail: comunicacao@fatma.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-4177 / 99172-8277 / 98845-7087 
www.fatma.sc.gov.br 


Foto: Julio Cavalheiro/Secom

A semana termina com sol em todas as regiões, com maior presença de nuvens na Grande Florianópolis e Norte do Estado. No Litoral Norte, permanece a condição de chuva fraca especialmente no início e final do dia. A temperatura nesta sexta-feira, 8, estará elevada, principalmente no Oeste, onde a máxima pode chegar a 33ºC. O vento sopra de sudeste a nordeste, fraco a moderado.

>>> Mais detalhes da previsão para esta sexta

O tempo continua estável no sábado e domingo, com sol com algumas nuvens em todas as regiões, conforme previsão da Epagri/Ciram. A temperatura estará mais elevada no final de semana, diminuindo na segunda-feira. O vento soprará de nordeste virando para sudeste, fraco a moderado.

Tendência de 12 a 21 de dezembro

No início do período, predomínio de ar mais seco, com pequena chance de pancadas de chuva muito isoladas e pouco significativas, típicas de verão, devido ao calor. A partir da segunda quinzena de dezembro, condição de chuva mais significativa no Estado, especialmente no Litoral. Nesse período, o fluxo de umidade proveniente do norte do país fica mais direcionado para SP e Sul do Brasil.

Mais informações para a imprensa:
Central de Meteorologia
Epagri/Ciram
Fone: (48) 3665-5007 e (48) 3665-5172
E-mail: contatociram@epagri.sc.gov.br
Site: www.ciram.epagri.sc.gov.br
Facebook

 

Os presidentes da Fundação do Meio Ambiente (Fatma), Alexandre Waltrick Rates, e da Junta Comercial do Estado (Jucesc), Julio Cesar Marcellino, assinaram nesta quinta-feira, 7, um acordo de cooperação para interligar os sistemas de informática e banco de dados. O evento foi realizado no Conselho Regional de Contabilidade, em Florianópolis, e contou com a presença do secretário de Desenvolvimento Econômico e Sustentável, Carlos Chiodini, e da diretoria da entidade. 

A interligação de dados vai auxiliar nos processos de Registro Mercantil e Legalização Empresarial na Jucesc e na Fatma. “Na prática, essa nova forma reduz a burocracia. Quando se der entrada para abrir uma empresa na Junta Comercial, o empreendedor também vai ficar sabendo se precisa de licença ambiental e, se precisar, terá todas as informações de documentação, taxa e instrução normativa para seguir”, explica o presidente da Fatma, Alexandre Waltrick Rates. 

Mais informações para a imprensa:
Claudia De Conto
Assessoria de Comunicação
Fundação do Meio Ambiente (Fatma)
E-mail: comunicacao@fatma.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-4177 / 99172-8277 / 98845-7087 
www.fatma.sc.gov.br