Foto: ADR Criciúma

O Governo do Estado, a CASAN e o município de Criciúma anunciaram na noite desta terça-feira,13, um conjunto de obras que vão levar mais saúde e qualidade de vida à população. Num total de R$ 28,9 milhões de investimentos, a Companhia deu a Ordem de Serviço para iniciar a obra de esgotamento sanitário do bairro São Luiz, renovou o Programa 'Se Liga na Rede' e assinou convênios de pavimentação e autorizou a colocação de asfalto em vias do município em decorrência de obras de água e esgoto.

O governador Eduardo Pinho Moreira estará em Criciúma nesta terça-feira, 13, para assinar ordens de serviço de obras de saneamento básico e pavimentação de ruas. A primeira solenidade será às 18h, no Paço Municipal. Ali, será autorizado o início da implantação da rede de coleta e tratamento de esgoto do bairro São Luiz e parte do bairro Michel, com um investimento de R$ 15,9 milhões, que beneficiará aproximadamente 10,2 mil moradores e elevará a taxa de cobertura de esgoto da maior cidade do Sul de Santa Catarina para 45%.

O governador Eduardo Pinho Moreira, o prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro, e o presidente da Casan, Adriano Zanotto, assinaram a ordem de serviço para a duplicação da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Insular e o lançaram o edital do Sistema de Esgotamento Sanitário (SES) Saco Grande. As duas obras somam um investimento de R$ 190,7 milhões para atender 18 bairros da Capital.

“A Casan é uma empresa do Estado atuante na realização de obras em todo território catarinense. Não podemos mais conviver com problemas de saneamento. Aplicar recursos nessa área é garantir mais saúde e qualidade de vida. É um investimento muito importante e traz um benefício extraordinário”, disse Eduardo Pinho Moreira, na manhã desta terça-feira, 18.

O governador destacou ainda a parceria com os municípios catarinenses para obras e a modernização das cidades. Eduardo Pinho Moreira informou que em Florianópolis, a reforma das pontes Pedro Ivo Campos e Colombo Salles e do acesso ao aeroporto Hercílio Luz, que estavam previstas com recursos do BNDES, que não estão disponíveis neste momento, serão executadas com verbas próprias do Estado.

Investimentos

O investimento da Casan com mais estas duas obras chega a R$ 417,1 milhões nos últimos cinco anos, elevando para 72% a cobertura de esgoto na Capital com 10 obras, incluindo a despoluição da Beira-Mar Norte.

“As obras reafirmam a capacidade do corpo técnico da Companhia em produzir projetos consistentes, assegurar os recursos e reforçam o nosso compromisso de ampliar a saúde e a qualidade de vida do Estado ao implantar redes de coleta e tratamento de esgoto”, declarou o presidente da Casan, Adriano Zanotto.
De acordo com Gean Loureiro, a parceria proporciona à cidade uma solução rápida dos problemas de saneamento básico, “Temos manutenção contínua, execução de obras e grandes investimentos. Um trabalho realizado de forma conjunta entre Prefeitura, Governo do Estado e Casan resulta em melhor aproveitamento do recurso público”, afirmou.

Saneamento

A ETE Insular – localizada ao lado do Terminal Rita Maria vai mais que dobrar sua capacidade, passando de 275 litros/segundo para tratar 612 litros/segundo. O sistema de tratamento que hoje é de lodo ativado passará a ser biológico. O principal benefício da obra, porém, será permitir a ligação dos imóveis da Bacia do Itacorubi, que hoje já tem 52 quilômetros de rede pronta, mas que está fora de operação aguardando a ampliação da unidade de tratamento.
Processo semelhante ocorrerá com o SES Saco Grande, que atende os bairros João Paulo e Monte Verde, e agora vai permitir que sejam interligadas as redes já assentadas nos bairros Cacupé, Sambaqui e Santo Antônio de Lisboa, onde 12 quilômetros já foram implantados.

Obras


SES INSULAR/ITACORUBI
ATO: ORDEM DE SERVIÇO
Investimento: R$ 94.663.085,48
BAIRROS ATENDIDOS (12):
- Itacorubi, Parque São Jorge, Jardim Anchieta, Córrego Grande e Pantanal já têm rede: agora o esgoto desta região terá um destino final. Um emissário de 5,5 quilômetros transportará o esgoto coletado nesta região até a ETE Insular.
- Também serão assentados 12 kms de rede no José Mendes e Morro da Lagoa.
- Centro, Trindade, Agronômica, Saco dos Limões e Costeira serão beneficiados com a ampliação da ETE (prevendo o crescimento vegetativo da população) e com a modernização no sistema de tratamento.

SES SACO GRANDE – R$ 96,1 milhões
ATO: LANÇAMENTO DE EDITAL
Investimento - Novo Edital R$ 87,8 milhões (valor estimado/orçado) e rede no Cacupé/Sto Antonio/Sambaqui: R$ 8,3 milhões (já implantada). TOTAL: R$ 96,1 milhões
BAIRROS ATENDIDOS (6)
- Além da ETE, o projeto prevê a instalação de rede nos bairros João Paulo, Saco Grande e Monte Verde.
- A nova ETE vai receber o esgoto coletado nos bairros Cacupé, Santo Antônio de Lisboa e Sambaqui: os três já têm 12 quilômetros de rede implantada entre 2008-2010, mas não está em operação

INVESTIMENTOS ESGOTO FLORIANÓPOLIS 2015-2020
Total R$ 417,1 milhões

SES ETE Insular/Itacorubi – R$ 94,6 milhões
SES Saco Grande – R$ 96,1 milhões
SES Ingleses/Santinho – R$ 84 milhões
SES Sul da Ilha/ETE Rio Tavares – R$ 65,5 milhões
SES Lagoinha – R$ 4,5 milhões
SES Continental – R$ 20,5 milhões
SES Jurerê Tradicional – R$ 18,1 milhões
SES Maciço Morro da Cruz – R$ 8,7 milhões
ETE Canasvieiras/ampliação – R$ 8,1 milhões
Balneabilidade Beira-Mar Norte - R$ 17 milhões

 

Informações adicionais para a imprensa:

Ritta Dias
Assessoria de Imprensa
Secretaria de Estado da Comunicação - Secom
(48) 3665-3041 / (48) 9 98542151
ritta@secom.sc.gov.br    
www.sc.gov.br 

A Casan comunica alterações no trânsito no município de São José:

Bairro Bela Vista

Rua José Antônio Pereira: nesse local a Casan está implantando emissário que vai levar o esgoto de São José para a unidade de tratamento. O trânsito está em meia pista, com sinalização por meio de placas de segurança e orientação de siga e pare.

Rua Gisela: Implantação de elevatória de esgoto, sem alteração no trânsito.

Avenida Ivo Reis Montenegro: nova frente de trabalho se inicia nesta quarta-feira, dia 25, para execução de elevatória de esgoto. Não há necessidade de alterações no trânsito.

Centro Histórico

Frentes de trabalho atuam na rua Getúlio Vargas, no trecho entre o Clube Recreativo 1º de Junho e a rua Gaspar Neves. Trânsito em meia pista, com sinalização por meio de placas de segurança e orientação de siga e pare.

 

Mais informações para a imprensa:
Gerência de Comunicação Social da Casan
Fones: (48) 3221-5034 | 3221-5035 | 3221-5036
Arley Reis 
E-mail: areis@casan.com.br
Suzete Antunes
E-mail: santunes@casan.com.br
Ricardo Stefanelli 
E-mail: ristefanelli@casan.com.br
Fone: (48) 9136-9345
www.casan.com.br

 

 



O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Comunicação, emitiu – em 25 de maio de 2018 – a Instrução Normativa nº 001/2018. A Instrução dispõe sobre a suspensão da publicidade dos órgãos e das entidades da administração pública estadual direta e indireta no período eleitoral de 2018, e pode ser lida na íntegra neste link.

Em atendimento à legislação eleitoral, a Secretaria de Estado da Comunicação informa que as áreas de notícias das páginas de internet de todos os órgãos estaduais, incluindo postagens em redes sociais e sites de programas específicos, devem ser interrompidas.

A suspensão também se aplica a perfis de programas, projetos e ações desenvolvidas pelos órgãos estaduais. O mesmo vale para os perfis de departamentos, diretorias, setores, coordenadorias regionais e a toda e qualquer subdivisão vinculada a órgãos estaduais.

Os websites das instituições públicas ligadas ao Executivo deverão destacar, em sua página inicial, a seguinte mensagem informando a suspensão de atualizações: "Em atendimento à legislação eleitoral, a partir do dia 7 de julho e até o final do período eleitoral, estão suspensas as atualizações deste site. Para mais informações, consulte o site www.sc.gov.br".

A divulgação das informações de interesse público e dos serviços de todos os órgãos estaduais caberá apenas ao portal do Governo do Estado, acessado no endereço www.sc.gov.br. Este será o único site de governo que permanecerá com atualizações em sua área de notícias. As notícias serão publicadas após análise da Diretoria de Imprensa da Secretaria de Estado da Comunicação. Em casos específicos, caberá à Secretaria de Estado da Comunicação consultar a Procuradoria Geral do Estado (PGE) para garantir a legalidade da publicação.


Fotos: Jeferson Baldo / Secom

Ao destacar e reconhecer o trabalho do Estado para avançar nos índices de saneamento básico, o governador Eduardo Pinho Moreira falou da importância da capacitação profissional e da tecnologia para a implementação de boas práticas no setor, durante a abertura do Congresso Catarinense de Saneamento (Concasan), na tarde desta quarta-feira, 6 em Florianópolis. O evento reúne especialistas, inclusive internacionais para o debate de temas ligados a água, preservação do meio ambiente e tratamento do esgoto. A segunda edição do Concasan vai até 8 de junho no Centro de Eventos Luiz Henrique da Silveira, em Canasvieiras, com palestras e feira, com produtos e técnicas utilizados no setor.

“Estamos lutando muito para ocuparmos posições mais honrosas no ranking do saneamento básico e a capacitação e atualização com o uso da tecnologia são fundamentais para os novos avanços. Eventos como este apresentam soluções inovadoras e mais eficientes para que o serviço público possa atender as demandas de um setor que interfere diretamente na saúde da população”, observou o governador, reforçando a importância de direcionar recursos públicos em obras e ações que tenham benefícios imediatos para a sociedade.


Abertura da primeira edição realizada em 2017 - Foto arquivo / Secom 

O Congresso Catarinense de Saneamento (Concasan), que chega à segunda edição como um dos principais eventos da área no Brasil, transforma Florianópolis na capital brasileira do saneamento e no principal palco de debate de temas ligados à água e ao esgoto. Marcado para os dias 6, 7 e 8 de junho, no Centro de Eventos Luiz Henrique da Silveira, em Canasvieiras, terá a presença de nomes fundamentais da cena mundial em pesquisa e implementação de projetos do setor e em desenvolvimento sustentável. A abertura solene será realizada a partir de 14h desta quarta-feira e terá a presença do governador Eduardo Pinho Moreira.

A programação conta com especialistas da Dinamarca, Estados Unidos, Inglaterra e Portugal, além de pesquisadores considerados referência no Brasil. Eles debaterão ideias e ações práticas em torno do tema “Como Serão as Cidades do Amanhã?”.


Foto: Divulgação/Casan

A Casan mantém todos os sistemas de abastecimento de água operando normalmente. Com o auxílio da Polícia Militar e da Polícia Rodoviária Federal, e a compreensão de líderes caminhoneiros de Santa Catarina, as unidades da empresa têm recebido os produtos químicos fundamentais para o tratamento de água, como sulfato de alumínio líquido, hidróxido de cálcio em suspensão e cloro gás.

Neste período de anormalidade e escassez de combustíveis, as equipes volantes da Casan estão dando prioridade aos serviços de rua considerados mais essenciais, como consertos de vazamentos e rompimentos de rede. Operações que podem ser adiadas até a situação dos combustíveis se normalizar estão sendo, portanto, postergadas.

Colaboração da população

Porém, como não há previsão de normalização do fluxo nas rodovias a Companhia conta com o auxílio da população para que, de modo preventivo, continue limitando o uso de água ao essencial. A empresa sugere que durante este período atípico as torneiras sejam fechadas enquanto o usuário estiver lavando louça, escovando os dentes e fazendo a barba.

Também sugerimos que os banhos, neste período, sejam mais rápidos do que o habitual e que o uso de máquina de lavar seja feito preferencialmente quando o eletrodoméstico estiver com sua capacidade máxima de roupas sujas. A limpeza de pátios, casas, calçadas, carros e vias não deve ser feita com mangueiras e o ideal é molhar as plantas somente com o uso de regador.

Com a colaboração de todos, a Casan assegura a manutenção do abastecimento sem alterar em nada os padrões de potabilidade exigidos pelo Ministério da Saúde, fiscalizados pelas agências reguladoras e habitualmente entregues pela Companhia.

Informações adicionais para a imprensa:
Ricardo Stefanelli 
Assessoria de Comunicação
Presidência da Casan
E-mail: rstefanelli@casan.com.br
Fone: (48) 3221-5034 / 99136-9345
www.casan.com.br


Foto: Divulgação / Casan

Em reunião realizada na manhã deste sábado, no Centro Integrado de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cigerd), o presidente da Casan, Adriano Zanotto, reafirmou que a Companhia mantém todos os sistemas de abastecimento de água operando normalmente.

Porém, como não há previsão de normalização do tráfego nas rodovias, a Companhia conta com o auxílio da população para que, de modo preventivo, limite o uso de água ao essencial.

Tratamento

Para abastecer quase 3 milhões de pessoas em 196 municípios, fornecendo 700 milhões de litros diários, a Companhia conta com 295 unidades de tratamento que exigem o consumo de produtos químicos cuja entrega está garantida graças ao auxílio de escoltas da Polícia Militar e da Polícia Rodoviária Federal.

Caminhões carregados de sulfato de alumínio líquido, hidróxido de cálcio em suspensão e cloro gás, produtos essenciais para o tratamento da água, puderam circular neste sábado e depositar suas cargas em diversas unidades da empresa espalhadas pelo Estado.

Consumo consciente

Neste período de anormalidade no país, a empresa sugere a todos que fechem a torneira ao lavar a louça, escovar os dentes e fazer a barba, tome banhos mais rápidos e use a máquina preferencialmente quando ela estiver com sua capacidade máxima de roupas sujas. A limpeza de pátios, casas, calçadas, carros e vias não deve ser feita com mangueiras e o ideal é molhar as plantas somente com o uso de regador.

“Com a colaboração de todos, a Casan assegura a manutenção do abastecimento sem alterar em nada os padrões de potabilidade exigidos pelo Ministério da Saúde, fiscalizados pelas agências reguladoras e habitualmente entregues pela Companhia”, disse o presidente Zanotto.

Mais informações para a imprensa:
Gerência de Comunicação Social da Casan
Fones: (48) 3221-5034 | 3221-5035 | 3221-5036
Arley Reis 
E-mail: areis@casan.com.br
Suzete Antunes
E-mail: santunes@casan.com.br
Ricardo Stefanelli 
E-mail: ristefanelli@casan.com.br
Fone: (48) 9136-9345
www.casan.com.br

 

 


Fotos: James Tavares / Secom

Em Santa Catarina, o cidadão que desejar agora pode solicitar pelo celular serviços da Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (Casan), relacionados a água, esgoto, consumo, faturas e outros serviços. O novo canal de comunicação já está disponível com o aplicativo Casan SC para dispositivos móveis. A novidade, que pretende estreitar os laços entre o órgão e a comunidade, foi lançada pelo presidente da companhia, Adriano Zanotto, nesta quarta-feira, 23, em Florianópolis.

“É uma nova forma de aproximação com a sociedade. Um instrumento que coloca a Casan na palma da mão de cada um dos seus clientes, além de dar mais transparência para as ações e eficiência para os pedidos e reclames da comunidade. É a valorização do cliente, que vai ter acesso a todas as informações e relacionamento com a empresa, desde a sua fatura, consumo e a possibilidade de se comunicar imediatamente com a Casan”, afirmou o presidente.

>>> Entenda como o app funciona

O app gratuito é para todos os usuários dos sistemas Android (Google Play) e iOS (App Store), cliente ou não da empresa. A ferramenta abre uma nova porta de comunicação, além das já existentes como Central de Atendimento 0800, e-Casan e o chat online, além do tradicional atendimento presencial nas agências.

O gerente de Informática da Casan, Fabrizio Ferrari, informou que o aplicativo foi desenvolvido e elaborado pela equipe interna da gerência de informática, com apoio da gerência comercial, operacional, pessoas que estão ligadas diretamente aos serviços externos e ao cidadão.



>>> Mais fotos na galeria

“O trabalho foi desenvolvido em aproximadamente nove meses. Foi feito todo um estudo de tecnologia e levantamento de processos internos para que conseguíssemos fazer o melhor possível, para trazer o cidadão mais próximo da Casan e oferecer a ele agilidade na troca de informações”, explicou o gerente Ferrari.

MAIS AGILIDADE

As ordens de serviço comunicadas pelo aplicativo serão automaticamente abertas nas demandas relacionadas com o imóvel do próprio usuário, como “falta de água na minha casa/rua” e “vazamento de água no meu cavalete”, não passando mais por triagem dos atendentes. Apenas a demanda de “vazamento na rua/calçada” não abrirá ordem de serviço automática, já que não há relação com alguma matrícula de imóvel. Esses casos, portanto, ainda passarão por triagem da Central de Atendimento.

AS PRINCIPAIS FUNCIONALIDADES DO APLICATIVO

- Comunicação imediata de um vazamento ou rompimento de rede avistado na rua, o que pode agilizar o conserto e minimizar transtornos. Essa comunicação poderá ser enviada com foto também, que automaticamente virá georeferenciada (localização em mapa).

- Usuários cadastrados com CPF ou CNPJ e o número da matrícula da unidade consumidora vão receber Avisos de Falta de Água na sua região e atualizações sobre o status do chamado aberto no Aplicativo.

- O App pode ser personalizado de modo a filtrar os Avisos de Falta de Água de seu bairro, de sua cidade ou até de outras cidades. Este mecanismo é muito útil para quem tem imóvel em outro município, como imóvel de praia.

- Visualização de forma gráfica e interativa das informações da sua fatura, como a pendência de pagamento, a quitação (sinalizada na cor verde), a data de vencimento e os valores.

- Conferir o histórico de volume fornecido, com destaque para o alto consumo. Este serviço é oferecido em forma de “gráfico pizza”, com cores diferentes que indicam os quatro últimos meses para permitir a comparação de consumo.

- Gráfico em forma de barra com histórico anual de consumo de todos os anos desde que o imóvel recebeu ligação de água.

- Utilizar o código de barras para fazer o pagamento no seu banco.

- Localizar a Agência Casan mais próxima, com mapa, telefone e horário de atendimento.

- Pelo App também é possível configurar qual a melhor maneira de receber a sua fatura, por e-mail ou impressa.

COMO ACESSAR

Para baixar o Casan SC basta procurá-lo na loja de aplicativos do seu smartphone, fazendo o login com os dados solicitados.

Para clientes: para acessar é necessário informar o CPF/CNPJ do usuário e o número da matrícula do imóvel, informação que pode ser encontrada na própria fatura da água e esgoto.

Para não clientes: não coloque CPF/CNPJ e nem matrícula. Porém, o acesso será restrito às telas Aviso de Falta de Água e Agências da Casan e Ajuda, que traz telefones de contato com a empresa e com a Ouvidoria.

Informações adicionais para a imprensa:
Elisabety Borghelotti
Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: bety@secom.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-3014 / 98843-5460
Site: www.sc.gov.br
www.facebook.com/governosc e @GovSC

Gerência de Comunicação Social da Casan

(48) 3221-5034 | 3221-5035 | 3221-5036
Jornalista Ricardo Stefanelli
ristefanelli@casan.com.br 
(48) 9136-9345