O governador Raimundo Colombo cumpre agenda nesta segunda-feira, 24, em Florianópolis, para entrega de veículos da Polícia Civil e assinatura de convênios com sete cidades, no valor total de R$ 4,7 milhões do Fundo de Apoio aos Municípios (Fundam).

Na parte da manhã, às 10h, Colombo entrega viaturas para as Delegacias de Polícia. Serão 81 veículos, sendo 24 Fiat Palio Weekend com cela e 57 Ford Fiesta, que vão atender dez municípios da Grande Florianópolis. Os investimentos foram de R$ 3,1 milhões. O ato será na Academia da Polícia de Santa Catarina (Acadepol), na Rodovia Tertuliano Brito Xavier, 209, em Canasvieiras, no Norte da Ilha.

Durante almoço, o encontro será no gabinete do governador, no Centro Administrativo do Governo do Estado, com os prefeitos de Águas Frias, Monte Carlo, Águas Mornas, Novo Horizonte, Pinheiro Preto, Pouso Redondo e Rio do Oeste, para assinatura de convênios com o Fundam.  Os recursos serão aplicados na aquisição de máquinas, equipamentos, veículos e caminhões.

{text}

Nesta terça-feira, 25, ocorrerá a primeira reunião do ano do Núcleo Estadual de Integração da Faixa de Fronteira do Estado de Santa Catarina no CTG Porteira Aberta, em São Miguel do Oeste, a partir das 9h30min. Serão discutidos os temas segurança pública e turismo na faixa de fronteira.

O secretário de Planejamento, Murilo Flores, destaca: “Segurança pública e desenvolvimento econômico, por meio do turismo, estão entre as prioridades definidas pelo Plano de Desenvolvimento e Integração Fronteiriço de Santa Catarina (PDIF/SC)”. O documento foi elaborado por 300 representantes de 60 instituições do setores público e privado, instituições de ensino superior e pesquisa e entidades representativas da sociedade civil organizada sob a coordenação da Secretaria de Estado do Planejamento, com apoio do Sebrae. 

No encontro do Núcleo realizado em outubro de 2013, em Chapecó, foi apresentado o andamento do consórcio de saúde na Faixa de Fronteira, o ensino bilíngue de português/espanhol em Dionísio Cerqueira, a qualificação da mão de obra na região e a internacionalização do Aeroporto Serafim Enoss Bertaso, em Chapecó.

Instalado em agosto de 2013, o Núcleo Estadual de Integração da Faixa de Fronteira do Estado de Santa Catarina tem o objetivo de coordenar ações e proposição de medidas que visem ao desenvolvimento de iniciativas e a implementação de políticas públicas para a região fronteiriça.

Números da região da Faixa de Fronteira:
- 11 Secretarias de Desenvolvimento Regional;
- 85 municípios;
- Área de 21.002 km²;
- 828.368 habitantes (13,26% da população total de Santa Catarina);
- Densidade Demográfica: 39,44 hab/Km²;
- PIB: R$ 17.971.798.000,00 (2010)
- Cidades trigêmeas – cidades fronteiriças vinculadas: Dionísio Cerqueira (SC); Bernardo de Irigoyen (Província de Misiones/Argentina); e Barracão (PR).

SERVIÇO:
O quê: Reunião do Núcleo Estadual de Integração da Faixa de Fronteira do Estado de Santa Catarina 
Quando: 25 de fevereiro de 2014
Horário: 9h30min
Onde: CTG Porteira Aberta - São Miguel do Oeste

Informações adicionais:
Rosália Dors Pessato
Secretaria de Estado do Planejamento
E-mail: rosalia@spg.sc.gov.br
Telefone: (48) 9186-9740

Uma coletiva realizada nesta quinta-feira, 20, na Câmara Temática de Fronteira e Núcleo Integrado de Inteligência de Fronteira da Delegacia Regional de Chapecó, reuniu integrantes das polícias Civil, Militar e Rodoviária Federal, com o objetivo de definir estratégias de enfrentamento e repressão à criminalidade na região Oeste de Santa Catarina, principalmente em Chapecó. O secretário de Desenvolvimento Regional, Américo do Nascimento Jr., também participou do encontro, representando o Governo do Estado. Em parceria, as três polícias vão promover, a partir de segunda-feira, 24, uma megaoperação batizada de ‘Torniquete’, em alusão ao estrangulamento rápido das ações criminosas. 

Durante a operação, haverá um incremento de 70 policiais civis em Chapecó, além do efetivo da Polícia Militar e a presença de um helicóptero da Polícia Civil. A PRF também atuará com bloqueios e barreiras nas rodovias, com incremento no efetivo, apoio de aeronave e scanner, aparelho de raio-x com alta tecnologia, que ajuda a perceber a presença de pessoas, armas e drogas. A operação estará concentrada tanto no Centro quanto em pontos estratégicos de Chapecó, conforme um mapa de criminalidade já elaborado pelos órgãos de segurança.

Para a diretora de Polícia de Fronteira do programa Enafron (Estratégia Nacional de Fronteiras), delegada Tatiana Klein Samuel, com relação aos crimes de roubo, o que chama atenção é o número de adolescentes envolvidos. “Em muitos casos, os menores já não são mais a mão de obra para o crime, eles são os mentores das ações criminosas”, explica. Já com relação aos homicídios, a principal motivação está relacionada ao tráfico de drogas ou acerto de contas por rixas entre criminosos. “Para se ter uma ideia, de todos os autores de homicídios já identificados pela polícia, 71,7% deles já possuem passagem criminal. E das vítimas, 50,5% também já somam passagens pela polícia”, destaca o novo delegado regional de Polícia, Ronaldo Moretto.

A decisão de realizar esta megaoperação foi tomada ainda na quarta-feira, 19, em reunião da cúpula da Polícia do Estado em Florianópolis. De acordo com o secretário de Segurança Pública, César Augusto Grubba, o encontro veio em resposta ao pedido de representantes políticos e comunitários de Chapecó, que apontam um pico nos registros de homicídios e roubos em residências. “É preciso agir rápido e enfrentarmos estratégica e pontualmente estes índices negativos nos crimes contra a vida e contra o patrimônio para evitarmos problemas futuros e continuarmos garantindo segurança para a população. Este trabalho deve ser feito a três mãos: com as forças da segurança pública, com a comunidade e com a imprensa”, disse.

Na tarde desta terça-feira (18), o secretário regional de Rio do Sul, Ítalo Goral, entregou um veículo Fiat Palio Weekend zero quilômetro, com cela, ar acondicionado e caracterizado, ao diretor do Presídio Regional de Rio do Sul, Nei Feuser, para a melhoria nos serviços de transporte e em escoltas de detentos.

O veículo faz parte de um lote de novas viaturas similares entregues em todo o Estado, seguindo o Programa de Renovação da Frota, da Secretaria de Justiça e Cidadania, com recursos residuais advindos do Fundo Penitenciário. É a segunda viatura destinada ao Presídio Regional de Serra Canoas, em Rio do Sul, que tem 400 presidiários. Em dezembro, houve a entrega de uma caminhonete GM Chevrolet S-10 com as mesmas características.

Conforme disse na oportunidade o diretor penitenciário Nei Feuser, "estas aquisições contribuem para melhorar as condições de trabalho dos policiais". O secretário Ítalo Goral afirmou que, com a entrega destas novas viaturas em substituição às antigas, o Estado está renovando toda a frota operacional do setor da Segurança, garantindo melhores condições de trabalho aos servidores, economia operacional e mais segurança à população.

O investimento do Governo do Estado para a renovação da frota foi de R$ 2.651.850,00 e não inclui apenas as viaturas, mas também kits de proteção individual para todos os policiais, câmeras de videomonitoramento em todas as regiões e revitalizações de algumas unidades. 

>>> Confira o boletim da Rádio Secom e faça download

Informações adicionais
Homero Buzzi
Email:imprensa@rsl.sdr.sc.gov.br
Telefone: (47) 3526-3014

Nesta segunda-feira, 10, o secretário de Estado da Segurança Pública, César Augusto Grubba, inaugurou a nova Central Regional de Emergência, na sede do 1º Batalhão de Polícia Militar de Itajaí.

A instalação, que substitui o Copom, atende chamados pelo número 190 das cidades de Itajaí, Navegantes, Penha e Balneário Piçarras. A CRE conta com equipamentos modernos, entre eles, o sistema que monitora o posicionamento das viaturas em ronda, por meio de um mapa online. A recepção das imagens captadas pelas câmeras de vigilância também é feita pela central, que conta com apoio de funcionários da Coordenadoria Municipal de Trânsito e estagiários contratados pela Univali.

De acordo com Grubba, o modelo implantado pelo Governo do Estado nas centrais de emergência reduz o tempo de resposta aos atendimentos de ocorrências. "As viaturas serão deslocadas mais rapidamente para os locais em que a população comunicou alguma ocorrência. A CRE também reduz o custo de manutenção deste serviço, pois quatro cidades são atendidas no mesmo local e com a mesma eficiência", disse o secretário da Segurança Pública. 

O investimento do Governo do Estado na compra de equipamentos foi de R$ 480 mil, com apoio da Prefeitura de Itajaí no valor de R$ 106 mil para reforma da sala.

Renovação da frota

Na solenidade, o secretário formalizou a entrega de 59 viaturas para renovação da frota das polícias militar, civil e Instituto Geral de Perícias. Para a PM, foram entregues 34 viaturas. A Civil recebeu 23, e o IGP, outras duas.

No final de dezembro de 2013, a PM já havia recebido outros 48 veículos, completando 107 viaturas. Neste lote, 15 municípios foram beneficiados: Balneário Camboriú, Balneário Piçarras, Barra Velha, Bombinhas, Camboriú, Canelinha, Itajaí, Itapema, Luis Alves, Navegantes, Nova Trento, Porto Belo, São João Batista, São João do Itaperiú e Tijucas. Penha e Major Gercino.

Das 59 viaturas, 36 são modelo Palio Weekend, 4 Renault Logan, 18 Ford Fiesta e uma caminhonete S10 (rabecão). O investimento do Governo do Estado foi de R$ 2.651.850,00.

entrega de 23 viaturas para a policia civil 20140210 1160407262
Foto: Polícia Civil/Divulgação

Para o secretário da César Augusto Grubba, da Segurança Pública, estas aquisições contribuem para a melhoria das condições de trabalho dos policiais. “A compra dessas novas viaturas e a substituição de toda a frota operacional garantirão melhores condições de trabalho aos servidores da Segurança Pública. Os investimentos não incluem apenas as viaturas, mas também kits de proteção individual a todos os policiais, câmeras de videomonitoramento, construções e revitalizações de novas sedes e unidades”, disse o secretário.

O secretário regional Claudir Maciel, e o prefeito de Itajaí, Jandir Bellini, participaram da cerimônia, acompanhados de prefeitos da região, delegados, comandantes de polícia militar e vereadores. 

>>> Confira o boletim da Rádio Secom e faça download

{text}

O Governo do Estado, através da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), entregou 23 viaturas para a Polícia Civil durante uma solenidade realizada nesta segunda-feira, 10, no Centro de Itajaí. Os veículos serão distribuídos entre as regiões policiais de Itajaí e Balneário Camboriú, contemplando 11 municípios. Desta frota para a Polícia Civil, 9 são Fiat Pálio, 11 Ford Fiesta e 3 Renault Logan.

Também foram entregues viaturas para o Instituto Geral de Perícias e Polícia Militar, totalizando 59 veículos – um investimento de R$ 2651850,00.Os veículos, advindos da verba do Pacto por Santa Catarina, fazem parte da nova frota que está sendo distribuída pela SSP.

Neste ano, já foram entregues 943 viaturas, de um total de 1677 que serão distribuídas até o final de 2014. Desde 2011, está sendo feita a renovação da frota de todas as viaturas dos órgãos desta secretaria. No caso da Polícia Civil, todas as viaturas com mais de 5 anos serão trocadas.  

{text}

O Governo do Estado, por meio da Secretaria do Estado da Justiça e Cidadania, entrega a reforma de adequação do Casep-Centro de Atendimento Socioeducativo Provisório numa solenidade na segunda-feira, 10, às 10h30min, em Tubarão

O valor da reforma foi de R$ 591.266,97, e o novo Casep tem capacidade para abrigar 12 menores infratores. 

“Aumentamos os cômodos, todos com banheiros individualizados, solário, sala de refeição adequada, sala de atividades, de aula e cozinha reformada”, destaca o diretor do Departamento de Administração Socioeducativa (Dease), Roberto Augusto Carvalho.

O secretário de Estado da Segurança Pública, César Augusto Grubba, estará em Itajaí, na segunda-feira, 10, às 9h, para entrega de viaturas para as polícias Civil, Militar e Instituto Geral de Perícias, na sede do 1º Batalhão de Polícia Militar. O lote conta com 59 veículos.

>>> Confira quantas viaturas receberá cada cidade

Das 59 viaturas a serem distribuídas para Itajaí e região, 36 são modelo Palio Weekend, 4 Renault Logan, 18 Ford Fiesta e uma caminhonete S10 (rabecão). O investimento do Governo do Estado foi de R$ 2.651.850,00.

Para o secretário da César Augusto Grubba, da Segurança Pública, estas aquisições contribuem para a melhoria das condições de trabalho dos policiais. “A compra dessas novas viaturas e a substituição de toda a frota operacional garantirá melhores condições de trabalho aos servidores da Segurança Pública. Os investimentos não incluem apenas as viaturas, mas também kits de proteção individual a todos os policiais, câmeras de videomonitoramento, construções e revitalizações de novas sedes e unidades”, disse o secretário.

Para a PM, serão entregues 34 viaturas. A Civil receberá 23, e o IGP, outras duas. No final de dezembro de 2013, a PM já havia recebido outros 48 veículos, completando o lote de 107 viaturas. Neste lote, 15 municípios serão beneficiados: Balneário Camboriú, Balneário Piçarras, Barra Velha, Bombinhas, Camboriú, Canelinha, Itajaí, Itapema, Luis Alves, Navegantes, Nova Trento, Porto Belo, São João Batista, São João do Itaperiú e Tijucas. Penha e Major Gercino.

Central Regional de Emergência

Na solenidade, haverá a inauguração da Central Regional de Emergência de Itajaí – CRE, que funcionará no 1º Batalhão, substituindo o serviço prestado pelo Copom. A central contará com mais equipamentos, como geoprocessamento, rádio-comunicação, rastreamento da frota e videomonitoramento urbano. O investimento feito pelo Governo do Estado na aquisição de equipamentos para a CRE foi de R$ 480 mil, com contrapartida da Prefeitura de Itajaí de R$ 106 mil, utilizados na reforma e adequação das instalações.

Mais informações
Assessoria de Comunicação SDR Itajaí
Silvia Daleffe
sdaleffe@iai.sdr.sc.gov.br
(47) 3398-5950

A Secretaria de Estado da Administração fez a licitação para o sistema que irá interligar as câmeras de videomonitoramento da Secretaria de Segurança Pública à rede do Governo. Com o novo sistema, que já deve começar a ser instalado no primeiro semestre de 2014, as imagens feitas pelas câmeras espalhadas em cidades catarinenses poderão ser visualizadas de centrais do Governo do Estado. 

O pregão presencial começou na terça-feira, 28, e terminou nesta semana a etapa de lances. Dividido em 50 lotes, contou com a participação de 10 empresas catarinenses. A previsão era que o custo mensal fosse de cerca de R$ 1,6 milhão, e o final foi fechado em R$ 1,1 milhão, gerando uma economia de cerca de 30%. “Conseguimos a melhor velocidade, pelo menor preço”, garante Luiz Carlos Pereira Maroso, gerente de Redes de Comunicação da SEA.

Como será

O pregão foi dividido em lotes conforme a interligação do sistema. Nos primeiros 17 lotes, foram  licitadas as ligações de 3.018 câmeras aos Centros de Vídeo Monitoramento, presentes em vários municípios. Dos lotes 18 a 34, estavam as ligações dos 187 Centros de Vídeo Monitoramento até os Centros Regionais. Nos últimos lotes, foram licitadas as ligações dos 16 Centros Regionais às Secretarias de Desenvolvimento Regional, que já são ligadas à rede de Governo. “Com as ligações, as imagens de uma câmera em Chapecó poderão ser vistas de uma central em outra região ou até mesmo do gabinete do governador, em Florianópolis”, explica o gerente.

Informações para a imprensa:
Claudia De Conto / Texto: Carolina Lisboa
Secretaria de Estado da Administração
E-mail: comunicacao@sea.sc.gov.br
Telefone: (48) 3665-1636

Janeiro de 2014 foi o mês que registrou  o menor número de homicídios  dolosos  desde 2008. Este ano ocorreram 57 assassinatos contra 66 em 2013 e 72 em 2012. Em termos percentuais a redução foi de 13,6% em relação ao mês de janeiro de 2013 Os casos de latrocínio também registram queda neste primeiro mês do ano em comparativo com 2013. Foram três casos registrados contra seis em janeiro do ano passado, uma redução de 50%.  (clique aqui e confira o relatório estatístico de janeiro de 2014).

A taxa de homicídios por grupo de 100 mil habitantes, em janeiro de 2014, ficou em 0,91 mortes. Ocorreram assassinatos em 35 cidades de Santa Catarina assim distribuídos por regiões

Oeste – 13 assassinatos

Grande Florianópolis – 11 assassinatos

Norte – 9 assassinatos

Vale do Itajaí: 8 assassinatos

Sul: 8 assassinatos

Planalto: 8 assassinatos

Dados

Os dados constam no boletim de homicídios, organizado pelo Núcleo de Geoprocessamento e Estatística, da Diretoria de Informação e Inteligência (DINI), da Secretaria de Estado da Segurança Pública.

Chapecó, com oito assassinatos, Florianópolis, com cinco e Caçador e Criciúma, com três casos são as cidades que registraram, em números absolutos, as maiores taxas de homicídio doloso em janeiro de 2014.

Neste primeiro mês do ano, os homicídios continuaram a acontecer com maior intensidade no período compreendido entre 20 horas e meia-noite. Já o percentual de vítima e autor de crimes violentos com antecedentes policiais é alto. No caso de vítima, este número chega a 54,4% com registros anteriores na polícia. Já com relação aos autores de homicídio, 67,9% possuem antecedentes criminais.

{text}