Neste sábado, 29, o governador eleito Moisés anunciou, via redes sociais, mais um nome para compor a equipe de governo. O comando da Fapesc- Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação de Santa Catarina ficará com o advogado, professor universitário e incentivador de tecnologia e inovação, Fábio Zabot Holthausen.

Vinculada à secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico e Sustentável, a Fapesc é responsável pelo financiamento de projetos e programas de incentivo à pesquisa e inovação, que resultem em melhorias no acesso a serviços ou que promovam o desenvolvimento do Estado.

Sobre o futuro diretor

Fábio Zabot Holthausen é autor de livros na área do Direito e organizador de polos e eventos de fomento à inovação, comunicação e tecnologia no Estado. Tem MBA em Gestão Empresarial (2003) e em Liderança e Gestão de IES, tem Mestrado em Direito Constitucional, além de outras qualificações. Na área profissional, também já atuou como advogado e nas áreas de empreendedorismo e coordenador de pesquisa universitária.

-------------------------------------

Equipe de Transição
Coordenador de Comunicação: Ricardo Dias
Contato: (48) 99146-2247

 
 

Foto: Susi Padilha

O governador eleito Moisés anunciou nesta sexta-feira, 28, o nome que faltava para completar o secretariado do primeiro escalão do Governo. Natalino Uggioni vai assumir a Secretaria de Estado da Educação. Com perfil inovador e tecnológico, um dos principais desafios da pasta será tornar o ambiente escolar um espaço cada vez mais atrativo para os jovens estudantes catarinenses. Moisés destaca que o trabalho deverá ser conduzido em parceria com servidores de carreira, construindo a ponte entre o ensino básico e o profissionalizante.

O novo secretário

Natalino Uggioni possui graduação em Ciências pela Universidade do Sul de Santa Catarina e mestrado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina. Atuou como superintendente do Instituto Euvaldo Lodi de Santa Catarina, focando principalmente nos seguintes temas: gerenciamento de estágios, elaboração e gerenciamento de projetos de inovação, consultoria em sistemas de gestão da inovação e melhoria da competitividade industrial; atualmente, é consultor autônomo.

Secretariado completo

Com o anúncio de Natalino Uggioni na Educação, o governador eleito completa o quadro de secretários setoriais. A equipe de Moisés tem ainda os seguintes nomes:

- Administração, Jorge Eduardo Tasca;
- Administração Prisional e Socioeducativa, Leandro Lima;
- Agricultura e Pesca, Ricardo de Gouvêa;
- Casa Civil, Douglas Borba;
- Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável e Turismo, Lucas Esmeraldino.
- Desenvolvimento Social, Maria Elisa da Silveira de Caro;
- Secretaria de Estado da Fazenda, Paulo Eli;
- Infraestrutra e Mobilidade, Carlos Hassler;
- Secretaria de Estado da Saúde, Helton de Souza Zeferino;
- Colegiado da Segurança Pública: Carlos Alberto de Araújo Gomes Júnior (PM), João Valério Borges (CBMSC), Giovani Adriano (IGP) e Paulo Koerich (PCSC);

Conforme projeto de reforma administrativa proposto pelo futuro Governo, Comunicação, Articulação Nacional e Defesa Civil passarão a ser secretarias executivas. As duas primeiras vinculadas à Casa Civil e a Defesa Civil, ao gabinete do governador. O projeto prevê ainda a criação da secretaria de Governança, Integridade e Transparência.

------------------------------

Equipe de Transição
Coordenador de Comunicação: Ricardo Dias
Contato: (48) 99146-2247

Foto: Susi Padilha/Secom

O governador eleito Moisés divulgou o nome de mais um integrante de seu futuro governo: Gustavo Salvador Pereira será o diretor-presidente da SC Participações e Parcerias S/A (SCPar), responsável pelos investimentos e contratos nos regimes de parcerias público-privadas (PPPs) ou de concessão de serviços públicos para exploração de bens de infraestrutura como rodovias, portos, aeroportos e ferrovias. 

Graduado em Direito e com MBA em Gestão Estratégica de Negócio pela Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul), Pereira tem experiência em estruturação de PPPs, inovação e empreendedorismo com foco em desenvolvimento de negócios, investimentos e geração de parcerias.  

O futuro diretor-presidente da estatal também já atuou nas áreas de organização e logística documental, energia, logística em portos, aeroportos e rodovias, e em mobilidade urbana, em conjunto com empresas do Parque Científico e Tecnológico da Unisul.

Diretoria Executiva

Na sexta-feira, também foram divulgados os nomes dos demais integrantes da diretoria da SCPar: Fabiano Ramalho irá acumular a Diretoria Jurídica e a Diretoria Técnica e de Participações; Ricardo Elói Espíndola será o diretor de Planejamento e Finanças; e Joel Alves será responsável pela Diretoria Administrativa.

A SCPar

Criada em janeiro de 2005, a estatal tem como missões a duplicação de rodovias, conclusão e restauração da BR-282, exploração e concessão de rodovias, bens e utilidades públicas; a ampliação, modernização e construção de portos, a ampliação dos sistemas de águas e esgoto; ampliação, construção e reforma de instalações de equipamentos destinados ao entretenimento, lazer e incremento do turismo.

Equipe de Transição
Coordenador de Comunicação: Ricardo Dias
Contato: (48) 99146-2247

Foto: Susi Padilha

Mais um nome para o futuro Governo do Estado foi confirmado. A Secretaria de Estado da Infraestrutura será chefiada pelo Coronel do Exército Brasileiro Carlos Hassler. Com ampla experiência na coordenação de obras de engenharia urbana, como construção, recuperação e pavimentação de rodovias, pontes e estruturas portuárias ou de transporte, Hassler comandou o 1° Batalhão Ferroviário de Lages e já foi Adido do Exército Brasileiro junto à Embaixada do Brasil na África do Sul. Ele é Mestre em Operações Militares e tem doutorado em Ciências Militares pela Escola de Comando e Estado-Maior do Exército.

No currículo, o coronel também foi responsável pela entrega de importantes obras de infraestrutura do estado, como a recuperação e construção do molhe do Porto de Imbituba e construção do Berço 101, para atracação de navios no porto de São Francisco do Sul, a pavimentação da rodovia SC 114 - Caminhos da Neve (entre os municípios de Bom Jesus, no Rio Grande do Sul e Bom Retiro, em Santa Catarina) e a recuperação emergencial da rodovia de acesso ao Morro da Igreja em Urubici.

Com a reforma administrativa, a Secretaria de Infraestrutura também vai abranger a de Planejamento.

Equipe de Transição
Coordenador de Comunicação: Ricardo Dias
Contato: (48) 99146-2247

Foto: Susi Padilha

Nesta quinta-feira, 20, o governador eleito Moisés se reuniu com os representantes de cada um dos órgãos de Segurança Pública, em Florianópolis. Além da conversa pontual sobre a situação do Estado com cada instituição, o governador apontou os nomes para a atuação na nova estrutura.

A reunião teve a participação do Comandante-Geral da Polícia Militar (PMSC), Coronel PM Carlos Alberto de Araújo Gomes Júnior e do Subcomandante-Geral do Corpo de Bombeiros Militar (CBMSC), Coronel BM Vanderlei Vanderlino Vidal, representando o Comandante-Geral, o Coronel BM João Valério Borges. Também estavam presentes o Diretor-Geral do Instituto Geral de Perícias, Giovani Eduardo Adriano, e futuro Delegado-Geral da Polícia Civil (PCSC), delegado Paulo Norberto Koerich.

Colegiado Superior de Segurança Pública

Com a reforma administrativa, a atual Secretaria de Estado da Segurança Pública será gerida pelo Colegiado Superior de Segurança Pública. Os comandantes de cada uma das instituições vão fazer um revezamento na presidência. O Colegiado será constituído pela PMSC, CBMSC, PCSC e o IGP/SC. Para que os trabalhos administrativos sigam sem alterações, entre a transição de um presidente e outro, existirá um Diretor-Geral, nomeado também pelo governador eleito.

O modelo é inovador no Brasil e terá um regimento próprio, garantindo maior integração entre as forças de segurança, trazendo mais resultados e aproveitamento dos recursos para aprimorar os serviços de atendimento ao cidadão.

Critério para o rodízio da presidência

A cada ano um dos comandantes deverá assumir a presidência do Colegiado. O sistema de rodízio será feito de acordo com a quantidade de servidores efetivos de cada órgão. O primeiro presidente será o Comandante-Geral da Polícia Militar, seguido pelo Delegado-Geral da Polícia Civil, depois o Comandante-Geral do Corpo de Bombeiros Militar e, então, o Diretor-Geral do Instituto Geral de Perícias.

Nomes anunciados

Após a reunião, Moisés e a vice-governadora eleita Daniela Reinehr anunciaram os nomes que irão compor o futuro Colegiado Superior de Segurança Pública. O Comando-Geral da Polícia Militar de Santa Catarina segue com o Coronel PM Carlos Alberto de Araújo Gomes Júnior. Já no Corpo de Bombeiros, o Comando-Geral se mantém com o Coronel BM João Valério Borges, até fevereiro de 2019, quando o futuro Comandante-Geral deve ser anunciado.

O Delegado-Geral da Polícia Civil, como previamente anunciado, será Paulo Norberto Koerich, e o IGP segue sob a direção de Giovani Eduardo Adriano. A Diretoria-Geral do Conselho de Segurança Pública ficará com o Coronel BM RR Flávio Rogério Pereira Graff.

Equipe de Transição
Coordenação de Comunicação: Ricardo Dias
Contato: (48) 99146-2247

Foto: Susi Padilha

Seguindo a proposta priorizar a nomeação de servidores de carreira, o governador eleito Moisés e a vice-governadora Daniela Reinehr oficializaram com a equipe mais um nome para compor o futuro governo. A Agência de Fomento do Estado de Santa Catarina – Badesc – será dirigida pelo atual gerente de Auditoria Interna da pasta, Eduardo Alexandre Corrêa de Machado.

Economista e contador, Machado é mestre em Administração e funcionário concursado do Badesc desde 2006, como Técnico de Fomento. Entre os desafios da gestão, ele destaca a ampliação da plataforma digital para facilitar o acesso ao crédito e o acompanhamento dos resultados aos empreendedores por meio virtual. Além de ampliar a possibilidade de crédito no meio rural e de investidores privados de maneira geral, de forma segura, ágil e produtiva.

Equipe de Transição
Coordenação de Comunicação: Ricardo Dias
Contato: 48- 99146-2247

Foto: Susi Padilha

Desde que foi criado, em 1966, por Decreto Nacional, esta é a primeira vez que o Departamento Estadual de Trânsito (Detran) terá uma mulher como diretora. A delegada Sandra Mara foi escolhida para a direção do cargo.

Delegada de Polícia Civil, desde 1993, já atuou em delegacias de comarca e como delegada Regional de São José. Também presidiu o Conselho Estadual de Entorpecentes (Comem). Desde 2015, responde pela Corregedoria-Geral da Polícia Civil.

O nome de Sandra Mara foi oficializado pelo governador eleito Moisés e pela vice Daniela, na manhã desta terça-feira,18, por meio das redes sociais.

Equipe de Transição
Coordenador de Comunicação: Ricardo Dias
Contato: (48) 99146-2247

Foto: Susi Padilha

Após o anúncio do secretário de Estado da Agricultura e Pesca, Ricardo de Gouvêa, e da procuradora-Geral do Estado, Célia Iraci da Cunha, mais um nome foi anunciado no início da noite desta segunda-feira, 17, para compor o governo Moisés e Daniela Reinehr, desta vez para o Instituto do Meio Ambiente (IMA). Valdez Rodrigues Venâncio é coronel da Polícia Militar da Reserva e iniciou sua carreira no Estado em 1987 e será o presidente da instituição.

Venâncio frequentou o curso de Formação de Oficiais pela Academia de Polícia Militar de Santa Catarina, é graduado em Direito pela Universidade do Vale do Itajaí (Univali), especialista em Educação Ambiental pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), em Administração de Segurança Pública pela Unisul, em Gestão Estratégica de Segurança Pública pela Unisul e mestre em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Participou do grupo de estudos de Direito Ambiental e Ecologia na Sociedade de Risco (GPDA), integra a Academia de Letras do Militares Estaduais (ALMESC), ocupando a cadeira nº 2 e atuou por 10 anos junto ao Conselho Estadual do Meio Ambiente (CONSEMA-SC), sendo Presidente da Câmara Técnica jurídica do Conselho nos anos de 2004 e 2005, Também atuou na câmara técnica de Florestas e no Conselho Estadual de Recursos Hídricos (CERH-SC).

Na PM, auxiliou na implantação da Polícia Ambiental, onde atuou por 15 anos e foi comandante do Batalhão (BPMA). Foi comandante da 3ª/2º BPM – Chapecó. Também foi gerente de projetos da Secretaria de Estado da Segurança Pública e Chefe da Casa Militar da Assembleia Legislativa de Santa Catarina.

O IMA, na futura estrutura de governo, estará vinculado à Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável e Turismo.

 

Equipe de Transição
Coordenador de Comunicação: Ricardo Dias
Contato: (48) 99146-2247

Foto: Susi Padilha

A segunda mulher anunciada para compor a equipe do futuro Governo do Estado foi confirmada pelo governador eleito Moisés após reunião na tarde desta segunda-feira, 17, em Florianópolis. Célia Iraci da Cunha será a Procuradora Geral do Estado a partir de janeiro de 2019.

Funcionária pública estadual desde 2001, quando ingressou como Técnica Judiciária no Tribunal de Justiça, Célia Iraci entrou para a Procuradoria-Geral do Estado em 2006, por meio de concurso público. Por cinco anos atuou como Procuradora Regional de Chapecó, nas áreas fiscal e contenciosa.

Em 2012, passou a atuar na Capital, nas áreas do Contencioso: gestão de ações repetitivas, patrimonial, administrativa e execução de sentença; Consultoria Jurídica; e em pareceres nas mais diversas áreas. Ela é a segunda mulher a comandar a Procuradoria-Geral desde de 1997.

Equipe de Transição
Coordenador de Comunicação: Ricardo Dias
Contato: (48) 99146-2247

Foto: Susi Padilha

Na tarde desta segunda-feira, 17, o governador eleito Carlos Moisés e a vice Daniela Reinehr anunciaram o futuro secretário de Agricultura e Pesca. Ricardo de Gouvêa tem mais de 30 anos de experiência no agronegócio e assumirá o comando da pasta. Antes do anúncio, o chefe da pasta conversou com a vice-governadora, que atua fortemente no setor, para uma troca de informações essenciais ao desenvolvimento da área.

Sobre o futuro secretário

Gouvêa é conselheiro-executivo e fundador do Instituto Catarinense de Sanidade Agropecuária (ICASA), diretor-executivo do Sindicato das Indústrias de Carnes e Derivados no Estado de Santa Catarina (SINDICARNE) e da Associação Catarinense de Avicultura (ACAV). Também é membro do Conselho Temático do Agronegócio na Confederação Nacional da Indústria (COAGRO/CNI), além de fazer parte do Conselho da Associação de Proteína Animal (ABPA).

Ainda é membro da Câmara Temática do Sistema Unificado da Atenção a Sanidade Agropecuária (SUASA), do Conselho da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Santa Catarina (FAESC), da Câmara de Produção Integrada da ABPA e também do Fórum Nacional do Sistema de Integração (FONIAGRO).

Além de todo o envolvimento com as instituições, acompanhou missões internacionais para abertura de novos mercados, tais como Rússia, Cingapura, Japão e Coreia do Sul e desenvolveu o trabalho de contratação e acompanhamento da assessoria prestada pelo Instituto Vincenzo Caporale, na Itália, por três anos, ao sistema de Defesa Sanitária no Estado de Santa Catarina.

Equipe de Transição
Coordenador de Comunicação: Ricardo Dias
Contato: (48) 99146-2247