Fotos: Julio Cavalheiro/Secom

O governador Raimundo Colombo e o vice Eduardo Pinho Moreira inauguraram nesta sexta-feira, 15, a pavimentação asfáltica do acesso ao Farol de Santa Marta, em Laguna, uma antiga reivindicação da comunidade. Para pavimentação do acesso, o Governo do Estado investiu, por meio do Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra) e Secretaria de Estado da Infraestrutura, de R$ 3,9 milhões, do Pacto por SC.

“É uma região importante. Nossa preocupação era que se passasse mais um verão sem a obra pronta. Queríamos entregar até dezembro e conseguimos. Então fica nosso reconhecimento ao empenho de todos os envolvidos. O Farol de Santa Marta é uma obra emblemática para Santa Catarina, pois representa valores, belezas, potenciais de desenvolvimento e um povo que preservou a sua história. Laguna é uma cidade especial e é muito bom ver essa perspectiva de desenvolvimento, com toda infraestrutura sendo melhorada”, disse o governador.

>>> Mais imagens na galeria de fotos

O vice-governador disse que o acesso é uma conquista histórica. Lembrou que desde criança frequenta o farol. “Era uma viagem para chegar até aqui. Hoje o asfalto está trazendo o progresso, qualidade de vida para aqueles que moram aqui e vai estimular o turismo, que é uma atividade econômica impressionante e importante para Laguna e toda região”, disse. 

O novo acesso, com 2,4 quilômetros de extensão, recebeu os serviços de terraplenagem, pavimentação, drenagem, obras de arte corrente, sinalização, obras complementares, obras de arte especiais e serviços diversos. Acompanharam o ato o presidente do Deinfra, Wanderley Agostini, os secretários da Infraestutura, Luiz Fernando Vampiro, da Justiça e Cidadania, Ada Faraco de Luca, de Articulação Nacional, Acélio Casagrande, da ADR de Laguna, Luiz Felipe Remor, deputados, outras autoridades e comunidade.

O secretário da Infraestrutura, Luiz Fernando Vampiro, salientou que a obra é muito importante para Santa Catarina e para o país. “É muito mais qualidade e com um visual que encanta a todos que conhecem. Ela é uma estrada humanizada, moderna com via de acesso, ciclofaixa e pista de caminhada. E, daqui uns dias, será feito o deck de madeira tratada com visual para o mar, nos metros finais da estrada”, explicou.

Aleém de levar ao Farol de Santa Marta, o trecho liga a comunidade à SC-100 que liga Laguna a Jaguaruna - e durante todo o ano é o acesso de visitantes a 11 praias. O farol foi construído em 1891 por franceses e é considerado o maior da América Latina, com 29 metros de altura.

“Aqui tem muita beleza e história. Essa obra era de fundamental importância para a comunidade e para o desenvolvimento do turismo”, salientou o presidente Wanderley Agostini.

“Esta obra representa um novo passo para o desenvolvimento social, econômico e turístico, garantindo agilidade no deslocamento dos moradores, com mais segurança; além de auxiliar no turismo e alavancar a economia da região”, ressaltou o prefeito de Laguna, Mauro Vargas Candemil.

A importância para comunidade



O morador João Schmitz (acima, na foto), proprietário de uma pousada e restaurante, destacou que a obra vai melhorar a qualidade de vida dos moradores e turistas. “Temos a pousada desde 1970, era dos meus avós. Eles sempre sonharam com este acesso que hoje se torna realidade. O acesso era complicado, às vezes os carros quebravam, sem falar na poeira e no barro. É uma grande conquista a entrega desta obra”, comemorou.

“Para nós é uma satisfação ver essa obra pronta. Contamos agora com um acesso de qualidade, e a ciclovia ficou linda. Sentimos que vai trazer muito benefícios para os pescadores, moradores e turistas. Ela vem aprimorar nossa região com a beleza que ela tem”, relatou a vice-presidente da Associação de União dos Pescadores da região da Ilha, Maria Aparecida Ramos.

Informações adicionais para a imprensa:
Elisabety Borghelotti
Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: bety@secom.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-3014 / 98843-5460
Site: www.sc.gov.br
www.facebook.com/governosc e @GovSC


Foto: Douglas Saviato/SAN

A liberação do traçado alternativo para o acesso ao novo terminal de passageiros do Aeroporto Hercílio Luz, em Florianópolis, foi pauta de uma audiência na tarde desta qu​int​a-feira, dia 14, no Palácio do Planalto, em Brasília. O encontro, considerado como positivo, tratou da licença ambiental necessária para o traçado de 2,1 quilômetros de extensão.  

O trecho está em uma área considerada de preservação permanente, a poucos metros da costeira do Pirajubaé, administrada pelo ICMBio. No encontro - com a presença de representantes da Fundação do Meio Ambiente (Fatma), do Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra), da Secretaria de Articulação Nacional (SAN), da Procuradoria Geral do Estado (PGE) e do​ ​Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMbio) – foi discutido um reforçado estudo sobre o impacto ambiental da região encaminhado pelo Estado ao ICMBio.

De acordo com o presidente da Fatma, Alexandre Waltrick Rates, tudo indica que na primeira quinzena de janeiro haverá um posicionamento positivo do ICMBio para ​que a licença ambiental seja liberada e, consequentemente, a obra seja licitada e iniciada ainda no primeiro semestre de 2018. “Consideramos um grande avanço neste entrave referente à licença desta ​essencial ligação com o novo terminal de passageiros. O ICMBio fará algumas condicionantes as quais atenderemos para ​realizarmos os encaminhamentos necessários”, frisa Rates.

A previsão é que a obra seja executada em um ano, três meses antes da inauguração do novo terminal de passageiros, que tem previsão ​de conclusão​ ​para o segundo semestre de 2019. De acordo com o presidente do ICMbio, Ricardo Soavinski,​ o resultado​ ​das tratativas​ foi positivo​, tendo em vista que o encontro conseguiu construir conclusões técnicas e de engenharia.

“Obtivemos um passo importante para que possamos manter a unidade do local na sua integralidade do ponto de vista ambiental. Sendo assim, avançamos nesta questão tão importante para os habitantes e visitantes de Florianópolis. Agora, iremos nos debruçar​mos​ nesta análise mais detalhada”, adianta.

A audiência foi intermediada pelo diretor do programa da Secretaria de Articulação de Políticas Públicas, Pedro Bruno Barros de Souza. Participaram da reunião também o diretor de planejamento de projetos do Deinfra, Carlos Alberto Ferrari, ​​a secretária adjunta da Secret​aria de Articulação Nacional, Lourdes Coradi, ​a procuradora de Santa Catarina, Ana Carolina de Carvalho Neves, a diretora de licenciamento ambiental da Fatma, Ivana Becker, ​e a especialista em regulação da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Janaína Maduro e Lorenzo.

Informações adicionais para a imprensa
Douglas Saviato
Assessoria de Imprensa
Secretaria Executiva de Articulação Nacional
E-mail: douglas@san.sc.gov.br
Fone: (61) 3101-0900 / 99304-0198
Site: www.san.sc.gov.br 


Foto: Paula Darós / ADR 

O governador Raimundo Colombo e o vice, Eduardo Pinho Moreira, cumprem agenda no Sul do Estado nesta sexta-feira, 15. Após a entrega da pavimentação do acesso ao Farol de Santa Marta, em Laguna, participam da solenidade de inauguração das obras de ampliação e reforma do Hospital São José, em Criciúma e as obras de mobilidade urbana, em Içara.


Foto: Divulgação / ADR

O governador Raimundo Colombo inaugura nesta sexta-feira, 15, às 9h, a pavimentação asfáltica do Acesso ao Farol de Santa Marta, em Laguna. Para pavimentação do acesso, o Governo do Estado investiu por meio do Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra) e Secretaria de Estado da Infraestrutura de R$ 3,9 milhões, do Pacto por SC.

O novo acesso, com 2,4 quilômetros de extensão, recebeu os serviços de terraplenagem, pavimentação, drenagem, obras de arte corrente, sinalização, obras complementares, obras de arte especiais e serviços diversos.

O trecho liga a comunidade à SC-100, e durante todo o ano é o acesso de visitantes e surfistas a 11 praias, além de levar a um dos principais pontos turísticos da região Sul.

Serviço:

O que: Inauguração da pavimentação asfáltica do Acesso ao Farol de Santa Marta
Quando: 15 de dezembro, às 9h
Onde: Estacionamento do Acesso ao Farol 

Informações adicionais para a imprensa
Fabrícia Silveira Carneiro
Assessoria de Imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Laguna
E-mail: imprensa@lga.sdr.sc.gov.br
Fone: (48) 3647-7707 / 98843-3563
Site: sc.gov.br/regionais/laguna


Foto: ADR Braço do Norte

Moradores e motoristas estão ansiosos para a inauguração da segunda ponte em São Ludgero. Os trabalhos de construção avançam e começam a tomar forma sobre o Rio Braço do Norte.

Conforme o motorista Adolfo Soares, 49 anos, a expectativa é grande para que a obra seja concluída. “Nossa vida irá mudar muito quando a ponte for inaugurada. Hoje nosso trânsito é bem difícil, pois a rodovia passa pelo meio da cidade. Facilitará muito a minha vida como morador e ainda mais como motorista”, afirmou.

>>> Mais imagens na galeria de fotos

Os quatro pilares, de um total de seis, na margem esquerda do rio já foram levantados e concretados com base no estudo hidrológico, bem como preparada e concretada as últimas duas longarinas de um total de oito. A previsão para esta semana é preparar e concretar as duas transversinas que faltam dentro do Rio Braço do Norte. Na próxima semana, os trabalhos seguem com a preparação para concretagem das oito longarinas que serão utilizadas na obra no lado direito do Rio Braço do Norte.

De acordo com a empresa Fraga Construções e Engenharia, empresa responsável pela obra, mais de 15 homens e quatro máquinas trabalham para finalizar os pilares que devem ser construídos sobre os blocos. A obra está orçada em pouco mais de R$ 3 milhões, sendo R$ 1,5 milhão do Governo do Estado. 

Informações adicionais para a imprensa:
Chênia Priscila Cenci
Assessoria de Imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Braço do Norte
E-mail:  imprensa@bon.adr.sc.gov.br
Telefone: (48) 3651-1804 / 99114-6076
Site: www.adrs.sc.gov.br/adrbracodonorte


Foto: Airton Fernandes / Secom

Com a sanção da lei que autoriza a extinção da autarquia que administra o Porto de São Francisco do Sul, o Governo do Estado deu início às providências para a constituição e registro na Junta Comercial do Estado de Santa Catarina (Jucesc) da Sociedade de Propósito Específico (SPE) que passará a administrar o terminal portuário. Reuniões realizadas na Secretaria da Casa Civil com a participação da SCPar, empresa pública à qual será vinculada a SPE, além de servidores do porto, trataram das questões relacionadas à transição entre autarquia e SPE.

De acordo com o secretário da Casa Civil, Nelson Serpa, a sociedade de propósito específico está sendo criada para atender a uma exigência do Governo Federal. “Essa foi uma condição estabelecida em 2011 para renovação por mais 25 anos da concessão do Porto de São Francisco do Sul ao Governo do Estado de Santa Catarina”, explica. A SPE será uma subsidiária da empresa estadual SCPar, assim como a SCPar Porto de Imbituba, criada para administrar o porto do Litoral Sul desde 2012.

Conforme o presidente da SCPar, Gabriel Ribeiro, o capital social autorizado da SPE do Porto de São Francisco do Sul é de R$ 250 milhões. “O capital social próprio se constituirá, inicialmente, pelos recursos disponíveis e que serão integralizados pelo Estado, logo após a criação da SPE, e que serão transferidos na exata medida das necessidades econômico-financeiras”, destaca, ressaltando que não haverá descontinuidade da atividade portuária nem prejuízo às necessidades de custeio e investimento.



O plano de investimentos elaborado para os próximos anos prevê recursos na ordem de R$ 140 milhões e contempla uma série de ações, como, sistema elétrico, pavimentação asfáltica, novo gate, aquisição de equipamentos, derrocagem entre berços, monitoramento do calado, reforma e readequação da subestação, reforma do corredor de exportação, entre outros. “Nosso objetivo é que o porto ganhe mais competitividade e seja reconhecido pela excelência no serviço”, afirma Ribeiro.

Diálogo com os servidores

Nesta terça-feira, 12, o secretário Nelson Serpa e o presidente Gabriel Ribeiro receberam, no Centro Administrativo do Governo do Estado em Florianópolis, servidores do Porto de São Francisco do Sul para tratar da situação funcional a partir da constituição da SPE e esclarecer dúvidas. “Nenhum servidor perderá as garantias existentes. Não mudará nada”, declarou Serpa, observando que os atuais servidores continuarão exercendo as atividades normalmente no porto, sem nenhuma perda remuneratória.

Durante o encontro, Gabriel Ribeiro ponderou que a SCPar sempre esteve aberta ao diálogo com os servidores e a administração do porto e que, após a constituição da SPE, todos os ajustes necessários serão avaliados e implementados. “A SPE será criada a exemplo da SCPar Porto de Imbituba, cujo sócio único é o Governo do Estado. Portanto, a empresa a ser constituída será 100% pública”, explicou o presidente aos participantes da reunião.

Informações adicionais para a imprensa
Maiara Gonçalves
Assessoria de Imprensa
Secretaria de Estado da Casa Civil - SCC
E-mail: comunicacao@casacivil.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-2005 / 98843-3497
Site: www.scc.sc.gov.br

Ilson Chaves
Assessoria de Comunicação
SCPar
ilsonchaves@yahoo.com.br
(48) 3665-3273 / (48) 99982-8506


Fotos: Paulo Knoll / Deinfra 

O rebaixamento de 56 centímetros do vão central da estrutura da Ponte Hercílio Luz, em Florianópolis, foi concluído na madrugada desta quarta-feira, 6. Na primeira noite de operação, na segunda-feira e na madrugada de terça, foram rebaixados 28 centímetros e, nesta última, mais 28 centímetros. O engenheiro fiscal da obra, Wenceslau Diotallévy, disse que os trabalhos começaram às 23h e foram até perto das 6h, nas duas operações.

O Ministério das Cidades divulgou a primeira lista de propostas pré-selecionadas no Avançar Cidades – Mobilidade Urbana Grupo 1. A publicação refere-se à terceira etapa do processo, portanto, diz respeito à divulgação das propostas pré-selecionadas. A lista conta com protocolos de 13 estados do país, sendo que 113 cidades de Santa Catarina participam do programa com 155 iniciativas pré-selecionadas​.

A lista contendo todas as propostas, que somam 348, ratifica o pré-enquadramento das cartas-consulta cadastradas no sistema que foram recepcionadas e analisadas pelos agentes financeiros até o dia 30 de novembro de 2017. Este é um pré-requisito para que cada proposta passe à etapa seguinte do programa. De acordo com o secretário de Articulação Nacional de Santa Catarina, Acélio Casagrande, o ​Avançar Cidades é divido em dois grupos, tendo em vista que o primeiro deles é composto por municípios com população igual ou inferior a 250 mil habitantes.

Na próxima etapa, os municípios cujas propostas constarem da lista de pré-seleção deverão apresentar ao agente financeiro o projeto básico do empreendimento e as demais documentações necessárias para a análise de risco. As propostas que tiverem o parecer favorável serão validad​a​s pelos agentes financeiros. Na sequência, o Ministério das Cidades publicará periodicamente a seleção final, sendo este o momento em que os recursos disponíveis para o programa serão alocados para cada proposta.

O programa

O Programa Avançar Cidades – Mobilidade Urbana tem o objetivo, de acordo com Casagrande, de melhorar a circulação das pessoas nos ambientes urbanos por intermédio do financiamento de ações de mobilidade urbana voltadas à qualificação viária, ao transporte público coletivo sobre pneus, ao transporte não motorizado (transporte ativo) e à elaboração de planos de mobilidade urbana e de projetos executivos.

Os recursos disponibilizados para o programa são de financiamento, oriundos do FGTS, conforme disposições constantes no Programa de Infraestrutura de Transporte e da Mobilidade Urbana – Pró-Transporte, regulamentado pela Instrução Normativa nº 27/2017.​

>>> Confira a lista completa das cidades selecionadas 

Informações adicionais para a imprensa
Douglas Saviato
Assessoria de Imprensa
Secretaria Executiva de Articulação Nacional
E-mail: douglas@san.sc.gov.br
Fone: (61) 3101-0900 / 99304-0198
Site: www.san.sc.gov.br 


Fotos: James Tavares / Secom

Foi concluída nesta terça-feira, 28, a retirada de 272 barras de olhal do total de 360, processo que faz parte da restauração da Ponte Hercílio Luz, em Florianópolis. As 88 peças restantes, que ficam na parte central da ponte e estão na parte superior das treliças, serão retiradas na segunda quinzena de dezembro deste ano.

“Para retirada destas peças será necessário executar a quarta fase da transferência de carga, que consistirá em rebaixar a treliça do vão central trazendo do ponto inicial em que foi levantada. Ou seja, baixar 53 centímetros e após esta operação elevar somente os dois extremos da treliça. O objetivo é de comprimir a corda superior da treliça para que seja possível retirar as barras de olhal. Essa operação deverá ocorrer em 15 dias”, explicou o engenheiro fiscal da obra, Wenceslau Diotallévy.


Fotos: James Tavares/Secom

O governador Raimundo Colombo inaugurou neste sábado, 25, em Jaraguá do Sul, no Norte do estado, a revitalização da Rodovia Wolfgang Weege (SC-110), no trecho que vai da empresa Malwee até o pé da serra de Pomerode. O trecho de 12,2 quilômetros recebeu investimento de quase R$ 14 milhões do Governo do Estado, por meio do Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra).

“Era uma reivindicação forte da comunidade, muito necessária e justa. A obra proporcionou uma infraestrutura bem melhor, mais segurança e boa trafegabilidade em uma região muito desenvolvida, que gera muitos empregos e que precisa de qualidade”, enfatizou o governador.

>>> Galeria de fotos

A via recebeu trabalhos de terraplenagem, pavimentação asfáltica, drenagem, obras de arte correntes, obras de arte especiais, obras de contenção, iluminação e meio ambiente. Também foram feitos alargamento da pista, construção de calçadas, saídas de ônibus e acostamento, além de toda sinalização horizontal e vertical.

O contrato foi assinado em 2014, com investimento inicial de R$ 12,6 milhões e, depois de alterações necessárias no projeto, os recursos aplicados chegaram a R$ 14 milhões. “Mais uma obra importante, principalmente nessa região, onde nós podemos observar o movimento que tem. Essas rodovias no perímetro urbano são um grande desafio, principalmente na questão da sinalização. Agora essa estrada tem uma sinalização moderna para garantir conforto, mas acima de tudo, segurança para quem trafega por ela”, destacou o presidente do Deinfra, Wanderley Agostini.

Um destaque da rodovia é o projeto “Vamos Florir” idealizado pela ADR Jaraguá do Sul em que os alunos da Escola Professor João Romário Moreira plantaram flores em 80 vasos para distribuir nos 40 pontos de ônibus ao longo da via revitalizada. “É uma ação muito bonita e espero que o povo mantenha esse projeto, que será único no Estado. Os nossos moradores já têm o hábito de enfeitar e fazer um belo jardim, então com o tempo podemos melhorar ainda mais”, disse o morador Ivani Schwanz.

Os secretário de Estado da Segurança Pública, César Grubba; do Desenvolvimento Econômico Sustentável, Carlos Chiodini; e os secretários executivos da região de Joinville, Simone Schramm, e de Jaraguá do Sul, Leonel Pradi Floriani, também participaram da inauguração.

Informações adicionais para a imprensa:
Rafael Vieira de Araújo 
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: rafael@secom.sc.gov.br  
Telefone: (48)  3665-3018 / 99116-8992
Site: www.sc.gov.br
www.facebook.com/governosc e @GovSC