Foto: Mauricio Vieira/ Secom

O governador Carlos Moisés recebeu nesta quarta-feira, 26, na Casa d'Agronômica, o chefe de desenvolvimento global do grupo Hard Rock, Todd Hricko. O executivo manifestou interesse em investir em Santa Catarina e ouviu de Moisés as vantagens competitivas do estado. Inspirada no gênero musical rock 'n roll, a Hard Rock é uma marca conhecida mundialmente, dona de hotéis, restaurantes e cassinos, além de comercializar peças colecionáveis e de vestuário da grife.

Em um primeiro momento, o grupo demonstrou interesse em instalar o empreendimento em Florianópolis. Durante a reunião, a equipe do Governo do Estado mostrou a diversidade de Santa Catarina e o potencial de outras cidades. "O Estado oferece oportunidades de investimento em várias regiões. Nosso desafio é fazer com que todas as regiões se desenvolvam de forma equânime. Santa Catarina é o Estado mais eficiente do Brasil", disse Moisés.

Hricko destacou a extensão da rede no mundo e os planos de expansão para os próximos anos. "Hoje temos 180 cafés e 29 hotéis pelo mundo e estamos buscando uma expansão a uma média de 11 hotéis por ano. Estamos com 18 mil quartos abertos e agora vamos praticamente dobrar. Nos últimos dias, tivemos reuniões em São Paulo, Atlanta, Chicago, Barcelona, Madrid e outras cidades", afirmou.

O presidente da Arena Petry, Sandro Petry, a presidente da Santur, Flávia Didomenico, e o secretário de Articulação Internacional, Derian Campos, participaram da reunião, assim como o senador Dario Berger.

Informações adicionais para a imprensa
Renan Medeiros
Assessoria de Imprensa
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: renan@secom.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-3058 / (48) 99605-9196
Site: www.sc.gov.br 
www.facebook.com/governosc e @GovSC

Foto: Mauren Rigo/Casa Civil

A Casa Civil está coordenando os trabalhos de elaboração de uma lei específica para regulamentar o apoio do Governo do Estado na realização de eventos em Santa Catarina. O chefe da Casa Civil, Douglas Borba, reuniu-se com o secretário da Fazenda, Paulo Eli, e os presidentes da Fesporte, Rui Godinho, da Santur, Flávia Didomênico, e da Fundação Catarinense de Cultura (FCC), Ana Lúcia Coutinho, para discutir a proposta, na manhã desta terça-feira, 25. O encontro ocorreu no Centro Administrativo, em Florianópolis.

“Precisamos fazer o regramento adequado do encaminhamento de recursos para eventos no Estado, no intuito de aumentar a segurança jurídica e a transparência nos repasses”, afirmou Douglas Borba. 

Desde o advento da Lei federal n.º 13.019/2014, que estabelece o regime jurídico das parcerias voluntárias entre administração pública e organizações da sociedade civil para atividades de interesse público, e a sua regulamentação no Governo do Estado em 2017, o Poder Executivo de Santa Catarina carece de um regramento jurídico adequado aos projetos que compreendem o repasse de recursos financeiros para a realização de eventos. Tal necessidade ficou mais latente com a nova estrutura implantada com a Reforma Administrativa, e o Governo pretende resolvê-la com um projeto de lei que será encaminhado ao Parlamento em breve.

Segundo o assessor técnico da Casa Civil, Névelis Scheffer Simão, o novo modelo propõe uma análise mais criteriosa dos eventos patrocinados pelo Estado e traz conceitos da legislação federal. A iniciativa deve ser ampliada para as demais áreas do Governo. “Durante a reunião com os setores de Turismo, Cultura e Esporte, concordamos que a nova política de apoio deveria se estender a eventos de todos os setores, como Tecnologia e Agricultura, por exemplo”, afirmou Névelis.

Informações adicionais à imprensa
Mauren Rigo
Assessoria de Comunicação
Casa Civil
E-mail: comunicacao@casacivil.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-2005 / 98843-3497
Site: www.scc.sc.gov.br
www.fb.com/casacivilsc / @CasaCivilSC

 Fotos: Julio Cavalheiro/ Secom

A vice-governadora Daniela Reinehr participou na noite desta sexta-feira, 14, da abertura da 31ª edição da Festa Nacional do Pinhão, no Parque de Exposições Conta Dinheiro, em Lages, na Serra catarinense. O evento, que segue até o domingo, 23 de junho, tem como principais atrativos a gastronomia regional, além de shows nacionais e apresentações culturais. 

:: VEJA GALERIA DE FOTOS

“A Festa Nacional do Pinhão é um orgulho para todos nós catarinenses. Mostra o que Lages e a Serra Catarinense tem de bom para oferecer para Santa Catarina, para o Brasil e até para o mundo. Somos um estado de muitos talentos, de uma diversidade encantadora e aqui nessa festa temos a oportunidade de ver isso, além da amizade, carinho e a hospitalidade desse povo. Parabenizo aos lageanos por este grande evento”, disse a vice-governadora.

O evento, que deve reunir mais de 200 mil pessoas, movimenta o comércio e a economia, além de difundir e fortalecer a cultura e o tradicionalismo regional. A ocupação hoteleira chega a 100%. Os visitantes podem conferir pratos com receitas á base de pinhão, como o entrevero e a paçoca, e bebidas como o poncho, quentão e outras delícias típicas. O evento conta ainda com o Shoppinhão, espaço para o comércio em geral. A festa também gera empregos temporários e permanentes.

O prefeito de Lages, Antonio Ceron, destacou que a Festa Nacional do Pinhão é uma das marcas fortes de Lages. O evento mostra a cultura e a história regional, além de aquecer a economia do município e da serra catarinense. “A festa está no calendário, na história e no coração dos Lageanos”.

Antes do evento, a vice-governadora também participou de reunião na Associação dos Municípios da Região Serrana (Amures) e visitou o Recanto do Pinhão, estrutura que funciona no centro da cidade.

Operação Inverno

Ainda no evento, ocorreu o lançamento da Operação Inverno da Polícia Militar. Este é o terceiro ano que ela ocorre e será realizada em seis municípios da região, Lages, São Joaquim, Urubici, Urupema, Bom Jardim da Serra e Bom Retiro. Depois da Veraneio, essa é a mais complexa operação de Santa Catarina, pela mobilização de polícias e números de atividades coordenadas. Ela teve início em 8 de junho e segue até 31 de agosto.

A presença policial será mais constante nesse período de 100 dias, especialmente em eventos, estabelecimentos e pontos turísticos. Atuarão na orientação aos turistas, ações de segurança preventiva de patrulhamento e barreiras policiais.

Informações adicionais para a imprensa:
Assessoria do Gabinete da Vice-Governadora
Elisabety Borghelotti
Fone: (48) 3665-2281 | (48) 98843-5460
E-mail: comunicacao@gvg.sc.gov.br

Foto: Ramiro Zinder/SCPar

O governador Carlos Moisés afirmou na manhã desta terça-feira, 28, durante o Exame Fórum PPPs e Concessões, em São Paulo (SP), que Santa Catarina está aberta a trabalhar lado a lado com a iniciativa privada. Durante o evento, o Governo de Santa Catarina lançou o Programa de Parcerias e Investimentos (PPI-SC), liderado pela SCPar, com o objetivo de atrair empresas interessadas em investir no Estado e melhorar a infraestrutura e os serviços oferecidos à população.

“Temos um grande potencial e muito ainda por fazer. As parcerias público-privadas (PPPs) e concessões não são apenas uma ferramenta para reduzir os custos de projetos de infraestrutura, mas sim um meio para que os serviços públicos sejam mais eficazes para a população”, destacou Moisés.

A carteira de projetos do PPI-SC inclui arrendamento portuário, ativos imobiliários, equipamentos turísticos, parques tecnológicos e centros de inovação. De acordo com o governador, Santa Catarina conta com diferenciais econômicos, sociais e segurança jurídica para a consolidação de PPPs e concessões.

Também participaram do evento outros 12 governadores, o presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Joaquim Levy, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, e o ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Bruno Dantas, além de empresários, prefeitos e gestores públicos.

 Foto: Divulgação/ Secom

Santa Catarina esteve representada pelo governador Carlos Moisés, os secretários de Estado Douglas Borba (Casa Civil), Lucas Esmeraldino (Desenvolvimento Econômico Sustentável) e Carlos Hassler (Infraestrutura), o presidente da SCPar, Gustavo Salvador Pereira, e o secretário executivo de PPPs, Ramiro Zinder.

Mais emprego e renda para SC

Na avaliação de Esmeraldino, a união de esforços entre o Governo do Estado e a iniciativa privada resultará em maior eficiência na prestação de serviços, além de favorecer a geração de emprego e renda decorrente dos futuros investimentos.

Para o presidente da SCPar, a participação no Exame Fórum PPPs e Concessões é o momento ideal para dar o início à aproximação com potenciais parceiros. “É muito oportuno Santa Catarina participar de um evento desse porte, porque dá condições para que nos apresentemos ao mercado, mostrando que nosso Estado está disposto a entrar nesse mercado da desestatização”, avalia Pereira.

As informações detalhadas sobre os projetos do PPI estão no site ppi.sc.gov.br. Lançada pelo governador no evento, a ferramenta foi criada pela Secretaria de Estado da Comunicação (Secom), com apoio do Ciasc e conteúdo produzido pela SCPar.

Informações adicionais para a imprensa
Renan Medeiros
Assessoria de Imprensa
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: renan@secom.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-3058 / (48) 99605-9196
Site: www.sc.gov.br 
www.facebook.com/governosc e @GovSC

 Foto: Cristiano Estrela/ Secom

A entrega da premiação da 19ª edição do Iron Man Brasil mobilizou centenas de competidores no Clube 12 de Agosto, em Florianópolis, na manhã desta segunda-feira, 27. A prova realizada no domingo recebeu apoio do Governo do Estado e reuniu 1500 inscritos de 38 países. 
 

Flávia Didomenico, presidente da Santur, Adriano Grams, da Secretaria de Turismo, Lazer e Esporte (Sol) (C), e Carlos Galvão (D), CEO do Iron Man

O maior circuito de triatlhon do mundo premia os competidores nas categorias masculina, feminina, pessoa com deficiência (PCD) e elite em ambos os naipes. A presidente da Santur, Flavia Didomenico, representou o governador Carlos Moisés na entrega da premiação aos seis primeiros colocados de cada categoria. Os campeões das categorias elite masculino e feminino são atletas dos Estados Unidos. Andrew Potts finalizou a prova em 8h02min57s e Sarah Piampiano garantiu o título com recorde, completando o percurso em 8h40min48s.

Na categoria PCD, o destaque é do competidor Adriano Grams, de Florianópolis, que finalizou a prova em 11h53min07s, ficando em 695º lugar geral. O administrador de 45 anos é servidor efetivo da Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL), onde atua como secretário-adjunto. Ele começou a treinar há três anos. Na ocasião, descontente com sua forma física, passou a dedicar-se aos treinos e perdeu 15 quilos. Adriano não possui uma articulação do braço direito, em função de um acidente na infância.

Os resultados completos podem ser acessados aqui. http://ironmanbrasil.com.br/novo/fln/resultados/

Evento movimenta cerca de R$ 50 milhões

O Ironman foi realizado pela primeira vez em Florianópolis no ano de 2001. A prova de triathlon é composta por 3,8 quilômetros de natação, 180,2 quilômetros de ciclismo e 42,2 quilômetros de corrida. Durante o evento, cerca de R$ 50 milhões em negócios são gerados na cidade, uma vez que cada atleta traz uma média de 3,8 acompanhantes. 
 

Informações adicionais para a imprensa:
Ana Paula Flores
Assessoria de Imprensa Santur
Santa Catarina Turismo S.A - Santur
E-mail: imprensa@santur.sc.gov.br
Fone: (48) 3212-6311 / (48) 98844-1240
Site: www.turismo.sc.gov.br

 Foto: Marcos Porto/ Prefeitura de Itajaí

Santa Catarina está na briga para receber mais uma vez uma parada da "The Ocean Race", a maior regata do mundo e anteriormente conhecida como Volvo Ocean Race. Em encontro na Casa d’Agronômica, na tarde desta quinta-feira, 16, o governador Carlos Moisés e o prefeito de Itajaí, Volnei Morastoni, formalizaram a proposta que será encaminhada nesta sexta-feira para a organização da competição.

Além de Santa Catarina, também estão no páreo São Paulo (cidade de São Sebastião) e Bahia (Salvador). A proposição também contou com o aval da vice-governadora Daniela Reinehr, da presidente da Santur, Flavia Didomenico, e do deputado estadual Onir Mocellin. 

Itajaí entra na disputa depois de Governo do Estado e prefeitura entrarem em consenso sobre o investimento para a regata que começa em 2021 e chega ao Brasil em 2022. A iniciativa privada também participará da execução do evento. "O governo vai apoiar, pois trata-se de um evento importante para o fomento do turismo no Estado, com retorno em ICMS, um impacto importante na economia e geração de emprego e renda", frisou Moisés durante a audiência.

O prefeito Morastoni reforçou a importância do evento para a economia. Desde que recebeu a primeira edição da prova, Itajaí viu sua rede hoteleira triplicar, passando de mil para aproximadamente três mil leitos: "Não é só uma regata. Toda a economia do mar é fomentada, gerando desenvolvimento. Itajaí vem se tornando um verdadeiro polo náutico”.  

 Foto: Julio Cavalheiro/Secom

A vice-governadora Daniela Reinehr destaca a visibilidade internacional que o evento traz para Santa Catarina. Segundo ela, todos na reunião concordaram que a Ocean Race é um investimento para a imagem do estado: “Esperamos ter êxito com a nossa proposta. Esse é um evento que leva o nome de Santa Catarina para muitos lugares, é a maior regata mundial e garante a internacionalização do estado”.

Presidente da Santur, Flavia Didomenico lembrou que a proposta ainda precisa ser avaliada pela organização da regata, que tem até o dia 28 de junho para anunciar o vencedor da concorrência: “O apoio do Estado é uma parte muito importante desse evento. Santa Catarina tem toda a condição de continuar a receber a regata. Seria a quarta vez. Aqui se firma essa grande parceria entre o Governo do Estado, a prefeitura e a iniciativa privada”.

Quem também saiu otimista do encontro foi o deputado Mocellin. Ele ressaltou que Itajaí tem tudo para manter a prova por dispor da  experiência de já ter sediado outras três ocasiões: “The Ocean Race é a cara de Itajaí e de Santa Catarina, que merecem manter essa iniciativa. É uma grande oportunidade de negócios", destacou o vice-líder do governo na Alesc.

Informações adicionais para a imprensa
Leonardo Gorges
Assessoria de Imprensa
Secretaria Executiva de Comunicação 
E-mail: leonardogorges@secom.sc.gov.br 
Fone: (48) 3665-3045
Site: www.sc.gov.br 
www.facebook.com/governosc e @GovSC 

 Foto: Marcos Porto/ Prefeitura de Itajaí

O apoio do Governo do Estado à Ocean Race 2021 foi tema de uma reunião realizada na manhã desta segunda-feira, 6, em Florianópolis, entre a Santur e a prefeitura da cidade de Itajaí, que já recebeu escalas da competição em três ocasiões. O objetivo é estabelecer a parceria entre o Governo e o Município para fechar o valor global de apoio financeiro à maior regata do mundo. 

A presidente da Santur, Flavia Didomenico, se comprometeu a levar a proposta pleiteada para o governador Carlos Moisés ainda nesta segunda-feira, 6. O valor final deve ser mantido em sigilo, já que há uma disputa de propostas no país, incluindo cidades do Rio de Janeiro e Bahia, além da recente entrada no páreo de São Sebastião, em São Paulo. A formalização da oferta financeira deve ser feita até o próximo dia 17 de maio.

Na visão do secretário de turismo da cidade, Evandro Neiva, a oferta financeira é um critério relevante, mas a experiência em realizar o evento com profissionalismo é outro fator de peso: "A cada edição, o desempenho de Itajaí foi mais elogiado. Com a formalização do apoio do Estado ao evento, estamos confiantes de levar uma proposta mais robusta à organização do evento".

A próxima edição da Ocean Race inicia em Alicante, na Espanha, em 2021 e termina na Europa, em 2022. Haverá até nove portos de escala, conhecidos como Stop Over.

 Reunião na Santur - Foto: Ana Paula Flores/Santur

Santa Catarina Stop Over

Para a presidente da Santur, o evento oferece uma oportunidade de projetar o estado de forma mais assertiva, participando de forma direta no planejamento de comunicação e promoção. "Nossa intenção é aproveitar efetivamente dsse evento para divulgar o Estado. Precisamos valorizar os produtos Made in SC, sobretudo os relacionados à economia do mar, incluindo gastronomia, enxoval, etc", afirma Flavia.

Outro acordo proposto na reunião foi a concessão de direitos de nome da etapa para o Estado, tornando-a Santa Catarina Stop Over. Nas edições anteriores o nome promovido era o da cidade do litoral catarinense.

Além da presidente e do secretário, participaram ainda da reunião o diretor da secretaria de Turismo de Itajaí, Darlan Martins, o diretor de planejamento e desenvolvimento turístico da Santur, Leandro "Mané" Ferrari, o gerente da Secretaria Executiva de Articulação Internacional (SAI) Douglas Gonçalves, o publicitário da Secretaria de Turismo, Cultura e Esporte, Renato Tristão e a consultora jurídica, Adriana Lessman.

 

Informações adicionais para a imprensa:
Ana Paula Flores
Assessoria de Comunicação
Santa Catarina Turismo S.A - Santur
E-mail: imprensa@santur.sc.gov.br
Fone: (48) 3212-6311 / (48) 98844-1240
www.turismo.sc.gov.br

Foto: Mauren Rigo/Casa Civil

O secretário da Casa Civil, Douglas Borba, reuniu-se na tarde desta quinta-feira, 02, com o prefeito de Balneário Camboriú, Fabrício Oliveira, e com os presidentes da Santur, Flavia Didomenico, e da SC Par, Gustavo Pereira, na sede do Governo. Em pauta, os encaminhamentos para a gestão do calendário do centro de eventos do município.

A presidente da Santur informou que uma comissão de servidores do Estado está dedicada à elaboração do pacote de documentos para a abertura da licitação para a concessão do local: "Estamos encaminhando os trabalhos de finalização da obra física e da concessão de maneira paralela para que haja celeridade no processo", afirma Flavia.

Como se trata de um equipamento robusto, a equipe atua com cuidado para modelar o pacote: "Tratam-se de documentos com grande complexidade, é preciso passar segurança jurídica para o investidor", destaca o presidente da SC Par.

Foram feitos diversos estudos para a definição de premissas de mercado e benchmarking, incluindo visitas a equipamentos de porte semelhante em outros estados. Além disso, os documentos levam em conta o potencial receptivo da cidade e da região Costa Verde & Mar, no que se refere à capacidade hoteleira, variedade de atrativos, de gastronomia e a proximidade com dois aeroportos internacionais (Navegantes e Florianópolis).

Uma nova reunião com a equipe de turismo da Prefeitura deve ser realizada antes de os documentos serem enviados para Consulta Pública, etapa necessária para concessões desse porte.

 Foto/Divulgação

Agenda de eventos

A Santur anunciou, no fim de abril, que fará a gestão temporária da agenda de eventos enquanto ocorre a finalização da obra civil, a instalação de equipamentos complementares (divisórias móveis, sistema de climatização e elevadores) e o processo licitatório da concessão.

Uma equipe de captação de eventos será contratada ainda em maio e será responsável também por contatar as empresas que demonstraram interesse em realizar eventos anteriormente, para alinhamento dos procedimentos.

A partir de junho de 2019, será aberta a estrutura para captação de eventos, executados a partir de junho de 2020. No entanto, a futura empresa concessionária poderá agendar e executar eventos imediatamente a partir do momento em que assumir a gestão.

A estratégia de agendar eventos que serão realizados a partir do segundo semestre de 2020 é uma forma de resguardar os prazos legais para a instalação dos equipamentos e a finalização da obra física. Além disso, essa postura tem como objetivo assegurar a captação de eventos que necessitam de certa antecedência para sua realização.

O secretário Douglas reforçou que todo o Governo está empenhado em colocar o Centro de Eventos de Balneário Camboriú em pleno funcionamento com a brevidade necessária: “Entendemos a urgência e a importância do equipamento para todos os envolvidos, mas temos prazos e ritos legais a cumprir. Esperamos que o centro esteja em funcionamento tão logo a obra seja concluída e todas as licenças sejam aprovadas”, finaliza.

Informações adicionais para a imprensa:
Ana Paula Flores
Assessoria de Imprensa Santur
Santa Catarina Turismo S.A - Santur
E-mail: imprensa@santur.sc.gov.br
Fone: (48) 3212-6311 / (48) 98844-1240
Site: www.turismo.sc.gov.br

 

 Foto: Saul Oliveira/ Ascom Sol

A Santur assumirá de forma temporária a gestão dos centros de eventos de Balneário Camboriú e Canasvieiras, enquanto o Governo de Santa Catarina trabalha na finalização dos estudos de concessão à iniciativa privada. A entidade formará uma equipe técnica para gerenciar a captação e o agendamento de eventos nas estruturas. 

A previsão é que a contratação dos profissionais seja feita no início de maio e que, a partir de junho, seja iniciada a captação de eventos e agendamento para  realização a partir de junho de 2020. No caso de Balneário Camboriú, que se encontra em obras de acabamento (instalação de divisórias, elevador e climatização), a equipe fará contato com as empresas que já demonstraram interesse em realizar eventos para alinhamento.

"É uma solução que atende aos anseios de todo o trade de turismo, tanto de Balneário quanto de Florianópolis, para darmos uma destinação adequada a ambos os equipamentos", afirma a presidente da Santur, Flavia Didomenico.

 Foto: Jaqueline Noceti / Arquivo/ Secom

Futura concessão

Finalizado em 2018, o estudo mostrou que a concessão à iniciativa privada é a alternativa mais viável. No entanto, estão sendo revisadas premissas de mercado apresentadas nesse documento, diante do atual cenário político e econômico, visto que elas interferem nos valores finais de outorga.

"Temos ciência de que esses equipamentos trarão um inegável impacto econômico ao nosso Estado e trabalhando em parceria com os municípios e com o trade, faremos uma gestão técnica e especializada", afirma a presidente.

Informações adicionais para a imprensa:
Ana Paula Flores
Assessoria de Imprensa Santur
Santa Catarina Turismo S.A - Santur
E-mail: imprensa@santur.sc.gov.br
Fone: (48) 3212-6311 / (48) 98844-1240
Site: www.turismo.sc.gov.br


Foto: Divulgação / Osterfest 

O feriado prolongado atrai visitantes de todas as idades para as diversas atrações do período de Páscoa em Santa Catarina. Eventos voltados para a fé, a tradição e a cultura germânica ocorrem em todo o estado. Também há opções para quem busca entreter as crianças e degustar as delícias típicas dessa época do ano. Acompanhe abaixo a programação das principais cidades, elencadas por região turística.

Vale Europeu

Pomerode destaca-se como a cidade mais alemã do Brasil e realiza a 11ª edição da Osterfest, que iniciou em março e segue até este domingo, 21 de abril. A cidade veste um colorido especial para celebrar as mais genuínas tradições de Páscoa que os imigrantes alemães trouxeram de sua terra de origem. O evento conta com a Osterbaum, a maior árvore de Páscoa do mundo, enfeitada com 100 mil casquinhas de ovos naturais e o maior ovo decorado, com mais de 15 metros de altura. A festa ocorre no Centro Cultural da cidade de quinta a domingo, com atrações para todas as idades. O acesso é gratuito.

 Foto: Avipomerode/ Divulgação

Blumenau festeja a Páscoa até domingo, 21, com a Osterdorf, a tradicional Vila de Páscoa. A Vila Germânica, o Parque Ramiro Ruedizer e o Ginásio Galegão se enfeitam para receber os visitantes.

Entre as atividades programadas estão a Pintura de Casquinhas, Pintura de Orelhinhas de Coelho, Pintura Facial, Osterbaum, Cestinhas, teatro e contação de histórias, com destaque para a Ostergarten, a Horta Urbana. Além da horta, no espaço também é realizada uma oficina de plantio em casquinhas, compostagem e também distribuição de sementes para plantio em casa com dicas de sustentabilidade. Também no anel externo do Ginásio do Galegão é possível visitar a feira de artesanato com itens de páscoa e os brinquedos infláveis.

Na Sexta-feira Santa a Vila de Páscoa estará funcionando entre 10h e 21h. Mesmo horário que aos fins de semana. No domingo de Páscoa também estará aberta ao público, das 10h às 14h.

A Osterdorf é organizada pela Associação blumenauense de Turismo, Cultura e Eventos (Ablutec) em conjunto com o Parque Vila Germânica e a Secretaria Municipal de Turismo e Lazer. Conta ainda com patrocínio da Brandili e apoio do curso de Ciências Biológicas da Universidade Regional de Blumenau (Furb) e o curso de Medicina Veterinária da Unisociesc.

Já Nova Trento apresenta a La Seconda Pasqualina, na Praça Getúlio Vargas, com diversas atrações musicais e culturais. O evento conta ainda com a presença do Coelho, oficina de pintura de casquinhas, comércio de produtos artesanais doces e decorações, árvores com 52 mil casquinhas. Ocorre até dia 21, das 18h às 22h.

 Foto: James Tavares/ Secom

O Santuário Santa Paulina realiza a celebração da Paixão de Cristo, na Sexta-feira Santa, às 15h. O local de peregrinação sedia ainda no domingo, 21, oito missas solenes em alusão à Ressurreição de Cristo, na Igreja Matriz São Vigílio (8h e 18h30), no santuário Nossa Senhora do Bom Socorro (10h) e no Santuário Santa Paulina (6h, 8h, 10h, 14h e 16h).

Grande Florianópolis

Florianópolis sedia na Sexta-feira Santa, 19, a tradicional encenação da Paixão de Cristo, realizada pelo Movimento de Emaús há mais de 20 anos. O evento reserva momentos de reflexão e oração aos fieis e acompanha o trajeto de Cristo, desde sua condenação até a morte na Cruz. Haverá duas apresentações, uma às 17h30, e outra às 20h30, no Teatro Ademir Rosa (CIC), na Agronômica. O preço do ingresso é de R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia entrada). A organização solicita a doação de alimentos não-perecíveis que serão entregues a duas entidades assistenciais.

 Foto: Arquidiocese de Florianópolis/Divulgação

Haverá ainda encenação da Paixão de Cristo ao ar livre, também no dia 19 de abril, às 17h, na escadaria da Catedral Metropolitana, no Centro da cidade. O acesso é gratuito.

Costa Verde e Mar

Itajaí também entra no clima de Páscoa. A decoração temática para o feriado já está pronta na Praça Arno Bauer, no Centro. Haverá brinquedos para as crianças e um cenário com coelhos, ovos e cestas para visitação de moradores e turistas. Um gira-gira temático e um escorregador podem ser usados gratuitamente por crianças a partir de três anos.

 Foto: Marcos Porto/ Prefeitura de Itajaí

No cenário também há coelhos tridimensionais, cestos, cogumelo gigante, ovos de páscoa e grama sintética para diversão de crianças e adultos. O público poderá visitar o espaço até o dia 28 de abril.

A Praça Arno Bauer recebe ainda adereços temáticos montados pelos artesãos da cidade, como pinturas, coelhos, entre outras decorações para visitação do público. A Feira Culturada de Páscoa, promovida pela Fundação Cultural de Itajaí, acontece até o próximo sábado (20), com exceção da sexta-feira Santa (19). Diversos tipos de artesanatos para data estarão à venda das 9h às 18h, em frente à Casa da Cultura Dide Brandão.

Mais de 20 artesãos do município divulgarão seus trabalhos na feira, que tem parceria com a Associação dos Artesãos de Itajaí e o Centro Público de Economia Solidária (Cepesi). Estarão à venda no evento guirlandas e artigos de decoração, peças de crochê, tricô, ponto cruz, quadros, patchwork, madeira, bordados, comidas artesanais, roupas para cachorro, biscuit, entre outros itens. 

Encantos do Sul

Garopaba realiza a tradicional encenação da Paixão de Cristo pela sétima vez. O evento ocorre na Sexta-feira Santa, 19, após a celebração das 15h, na igreja Matriz de Garopaba. A realização é do Grupo de Oração Jovem Juventude, Amor e Fé (GOJJAF), com apoio da Paróquia São Joaquim e da Prefeitura da cidade.

A cidade do sul do estado realiza também a 4ª edição da Feira Cultural Lagoa das Capivaras, na sexta-feira,19, e sábado, 20. Haverá novidades culturais e gastronômicas, além das tradicionais exposições de artesanato, apresentações artísticas e praça de alimentação com Foodtrucks. O evento contará ainda com oficinas culturais e uma programação voltada para as crianças.

Informações adicionais para a imprensa:
Ana Paula Flores
Assessoria de Imprensa Santur
Santa Catarina Turismo S.A - Santur
E-mail: imprensa@santur.sc.gov.br
Fone: (48) 3212-6311 / (48) 98844-1240
Site: www.turismo.sc.gov.br