Negociação com a Sinotruk avançou e contrato deve ser assinado agora em setembro

 

Começou, neste sábado, em todo o Estado a Campanha de Multivacinação, com o objetivo de imunizar crianças menores de cinco anos contra até 18 tipos de doenças, dentre elas sarampo, rubéola, caxumba, hepatite B, poliomielite, coqueluche, pneumonia, tétano, alguns tipos de meningites e formas graves de tuberculose. A campanha segue até sexta-feira, dia 30 de agosto. A orientação da Secretaria de Estado da Saúde é para que os pais levem seus filhos aos postos de vacinação dos 295 municípios do Estado, portando a caderneta de vacinação.

vacinacao 20130824 1654493874
Vacinação em Orleans, 24 de agosto de 2013. Foto: Neiva Daltrozo/SECOM

O dia “D” de mobilização nacional foi neste sábado. Conforme explica o gerente de imunização da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (DIVE), Eduardo Macário, em Santa Catarina, 425.388 crianças menores de 5 anos de idade deverão comparecer aos postos de vacinação. “As crianças serão avaliadas em relação a sua situação vacinal e aquelas que estiverem com alguma vacina em atraso serão vacinadas”, destaca Macário. 

Os 1.087 postos de vacinação do Estado funcionarão das 8h às 17h durante o período da campanha. Serão disponibilizados 11 tipos de vacinas que fazem parte do calendário básico infantil do Programa Nacional de Imunização (PNI): BCG, hepatite B, pentavalente, poliomielite inativada (VIP), poliomielite oral (VOP), rotavírus, pneumocócica 10-valente, meningocócica C conjugada, febre amarela, tríplice viral (sarampo, rubéola e caxumba) e DTP (difteria, tétano e coqueluche).

De acordo com Luciana Amorim, chefe da Divisão de Imunização da DIVE, o esforço de mobilização nacional nesta semana tem o objetivo de aumentar as coberturas vacinais. “Com isto, espera-se reduzir a ocorrência de doenças para as quais as vacinas garantem proteção. E, assim, ajudar a eliminar do Brasil doenças como sarampo e poliomielite”, enfatiza.

Luciana lembra que as crianças só podem ser consideradas imunizadas de fato quando completam todo o esquema vacinal. "A grande maioria das vacinas no Brasil exige mais de uma dose, acrescida do reforço", explica a chefe de imunização.

As crianças que apresentarem alguma contraindicação para vacinação ou que estiverem com alguma doença febril aguda serão avaliadas e orientadas quanto à continuidade do esquema. "Por isso é tão importante que pais ou responsáveis levem seus filhos ao posto de vacinação mais próximo", reforça o gerente de imunização da DIVE.

Confira o boletim produzido pela Rádio Secom:

  Baixar áudio

Informações adicionais:
Ana Paula Bandeira
Secretaria de Estado da Saúde
E-mail:   anap@saude.sc.gov.br
Telefone: (48) 9113-6065

O governador Raimundo Colombo participou, neste sábado, 24, da cerimônia de abertura das comemorações do centenário de emancipação do município de Orleans, no Sul do Estado. Na visita, o governador assinou o contrato de financiamento no valor de R$ 2,5 milhões pelo programa Badesc Cidades Juro Zero com a prefeitura para realização de obras de pavimentação de vias públicas.

parcerias com orleans 20130824 1814941630
Governador com o prefeito de Orleans (direita) . Foto: Neiva Daltrozo/Secom

O governador Colombo destacou que, além do financiamento pelo Badesc, o governo do Estado autorizou o repasse de R$ 2,6 milhões pelo Fundo de Apoio aos Municípios (Fundam) para a prefeitura, totalizando investimentos no valor de R$ 5,1 milhões para a cidade de Orleans. O Fundam vai disponibilizar R$ 500 milhões em investimentos para os 295 municípios catarinenses.

"É um grande prazer participar deste momento histórico, um momento de alegria em que temos muito o que comemorar, reconhecendo e reverenciando as ações de quem viveu e de quem ainda vive nesta cidade. Orleans é um exemplo de que vale a pena viver em Santa Catarina. Neste momento de comemoração, reafirmo o compromisso do Governo do Estado de uma parceria forte para promover uma região cada vez mais forte e um Estado cada vez mais justo", afirmou o governador Colombo.

O prefeito de Orleans, Marco Antonio Bertoncini Cascaes, diz que o repasse de R$ 2,5 milhões para a prefeitura pelo programa Badesc Cidades Juro Zero será utilizado para obras de infraestrutura e pavimentação de estradas principalmente dos bairros João Paulo II, São Gerônimo e Rio Novo. O programa da Agência de Fomento de Santa Catarina (Badesc) oferece financiamentos de médio e longo prazo para ações de melhorias de infraestrutura e de serviços nas cidades catarinenses, promovendo o crescimento econômico com geração de emprego e renda. Neste ano, estão disponibilizados R$ 350 milhões, com 100% dos juros subsidiados pelo Governo do Estado. Em 2012, o Badesc financiou R$ 196 milhões para o setor público.

Centenário de Orleans
O prefeito Cascaes agradeceu também o apoio do Governo do Estado para as comemorações do centenário de Orleans. O Estado participou com R$ 150 mil na organização das festividades, que seguem até o dia 1º de setembro. Veja a programação aqui.

O distrito de Orleans do Sul nasceu em 2 de outubro de 1888 e o município de Orleans foi criado pela Lei Estadual número 981 de 30 de agosto de 1913, emancipando-se da cidade de Tubarão. O novo município foi festivamente instalado em 20 de outubro daquele mesmo ano.


A região onde mais tarde seria criado o município foi um presente de Dom Pedro II para o casamento da Princesa Isabel e o Conde d´Eu, ocorrido em 15 de outubro de 1864. A colônia chegou a ser denominada inicialmente Grão-Pará. O nome Orleans foi uma homenagem sugerida pelo próprio Conde como referência à cidade francesa Orleães.

Hoje, a cidade de 22 mil habitantes tem uma economia diversificada, com indústria e agricultura fortes e vocação turística diante da riqueza em belezas naturais. A cidade também é conhecida como Terra da Cultura e tem entre as suas atrações mais famosas as esculturas feitas pelo artista local Zeca Diabo em paredões de pedra.

Entre as autoridades presentes no evento deste sábado, também estavam o deputado federal Edinho Bez; o presidente da Assembleia Legislativa de Santa Catarina, Joares Ponticelli; o deputado estadual José Nei Ascari; o presidente do Badesc, João Paulo Kleinübing; e o secretário de Desenvolvimento Regional de Braço do Norte, Roberto Kuerten Marcelino.

Rádio Secom

Ouça e baixe a entrevista com o governador Raimundo Colombo

  2013.08.26_bol_01.mp3" download="">Baixar áudio

 

{text}

Integrando o plano de prevenção de cheias em Santa Catarina, o governador Raimundo Colombo e o secretário de Estado da Defesa Civil, Milton Hobus, assinaram, nesta sexta-feira, 23, a ordem de serviço no valor de R$ 3,1 milhões para a elaboração dos projetos executivos e estudo de conformidade ambiental do Rio Itajaí Mirim. Depois de prontos, os projetos serão utilizados para a realização das obras de retificação do canal Itajaí Mirim e construção de duas comportas.

“Considero um momento importante, assinar o início para a realização de obras contra as enchentes. Essa ação vai ajudar a proteger e cumprir um papel essencial na prevenção de cheias”, disse Colombo.

projeto rio itajai-mirim 20130823 1096015786
Foto James Tavares/Secom. Mais imagens na galeria de fotos

A assinatura da ordem de serviço será para a realização dos projetos ambientais e executivos de desassoreamento do canal com o objetivo de aumentar a capacidade de escoamento. Após a conclusão dos projetos, previstos para o primeiro trimestre de 2014, serão executadas as obras que irão melhorar o canal Itajaí Mirim, com limpeza e desassoreamento, construção de duas comportas e diques de proteção. Uma comporta será utilizada para conter o excesso de água do rio e a outra para controle da maré alta, evitando o retorno das águas vindas do mar.

Para essa ação, no canal Itajaí Mirim, os investimentos chegam a R$ 94 milhões, com recursos do governo federal. “É uma etapa importante de todo o plano de prevenção de cheias do Vale do Itajaí e serão aplicados, para a primeira fase, R$ 600 milhões. Os recursos estão disponíveis, sendo parte do governo federal e a outra com financiamentos do Estado”, explicou o secretário Milton Hobus.

Liberação de recursos
Na oportunidade, o governador assinou a liberação de recursos de aproximadamente R$ 1 milhão para a Região do Vale do Itajaí. Navegantes recebeu R$ 650 mil para a construção de um ginásio de esportes. Para o município de Camboriú, foram liberados R$ 400 mil, para a aquisição de uma retroescavadeira, que será usada na secretaria municipal de obras e de um micro-ônibus. O veículo será para o programa do município que atende a terceira idade.

convenios - fundo social 20130823 1110740306
Foto James Tavares/Secom. Mais imagens na galeria de fotos

Rádio Secom

Ouça e baixe a entrevista com o governador Raimundo Colombo

  Baixar áudio

 

 

{text}

O novo caminhão do Corpo de Bombeiros de Braço do Norte foi entregue pelo governo do Estado, através da Secretaria de Desenvolvimento Regional, na tarde desta sexta-feira, 23, na sede da companhia. A unidade atende aos municípios de Braço do Norte, São Ludgero, Santa Rosa de Lima, Grão-Pará, Rio Fortuna e Gravatal.

Para o secretário Regional, Roberto Kuerten Marcelino, a região necessitava de um caminhão desse porte. “O governo não mediu esforços para que a realização desse sonho fosse concretizada. É uma forma de agradecimento dos serviços prestados nestes 15 anos de implantação da guarnição no município. Agora partiremos na busca da construção de uma sede maior do Corpo de Bombeiros”, completa Marcelino.

A nova aquisição foi fruto de um convênio entre a prefeitura, Fundo Municipal de Reequipamento do Corpo de Bombeiros (Funrebom), e o Governo do Estado no valor de R$ 300.000,00.  O caminhão modelo Ford Cargo 1723 servirá para combate ao incêndio, salvamento e resgate e tem capacidade de quatro mil litros. O antigo veículo servirá para auxílio em ocorrências.

Participaram do ato o deputado estadual, José Nei Ascari, o prefeito Ademir Matos, o comandante do Corpo de Bombeiros estadual, Coronel Marcos de Oliveira, comandante do 8º Batalhão, Tenente-Coronel, Djalma Alves, vereadores e autoridades locais. 

Confira o boletim produzido pela Rádio Secom:

  Baixar áudio

Assessoria de Imprensa
Chênia Cenci

Chapecó se prepara para sediar mais uma edição da maior feira multissetorial do Sul do Brasil. A prefeitura de Chapecó e o governo do Estado de Santa Catarina lançaram, na semana passada, a 19ª Efapi.  O governo do Estado é parceiro,  com investimento de R$ 800 mil através da secretaria da Agricultura e Pesca e da secretaria de Turismo, Cultura e Esporte. A Efapi será realizada de 4 a 13 de outubro no Parque de Exposições Tancredo Neves.

O evento contará com diversos shows. Ao todo, serão 22 artistas nacionais no palco principal da Efapi. “Será a maior concentração de shows nacionais em um só evento. O público esperava dez e recebeu 22 shows de projeção nacional”, destaca o presidente da comissão organizadora e secretário de Estado da Agricultura e Pesca, João Rodrigues. O valor máximo dos ingressos será de R$ 26.

Os shows anunciados são: sexta-feira (04), Luan Santana e Michel Teló; no sábado (05), Banda SantoGraau, Léo Rodriguez e o grupo de pagode Só Pra Contrariar; no domingo (06), Skank e Comunidade Nin-Jitsu; segunda-feira (07), com entrada gratuita no parque, shows com a banda Indexão, Grupo Chama e a dupla sertaneja Cezar e Paulinho; terça-feira (08) será a vez da dupla sertaneja Jorge & Matheus; na quarta-feira (09) a entrada também será gratuita no dia do tradicionalismo.

Na quinta-feira (10), a atração ficará por conta das duplas sertanejas Munhoz & Mariano e Victor & Léo e também a banda de pop rock Jota Quest. Na sexta-feira (11), a programação musical tem Humberto & Ronaldo, Guilherme & Santiago e o cantor sertanejo Israel Novaes. No sábado (12), tem dobradinha com Gusttavo Lima e Paula Fernandes e, no domingo (13), haverá shows com João Neto & Frederico e grupo Sambô.


>>> Confira a programação completa

Feira
Considerada a maior festa, exposição e feira multissetorial do sul do Brasil, a Efapi 2013 terá a participarão de 650 expositores e a previsão de público é 550 mil visitantes. Os negócios devem atingir R$ 120 milhões.

vacinacao 20130607 1078341039

Neste sábado, 24, começa em todo o Estado a Campanha de Multivacinação, cujo objetivo é imunizar crianças menores de cinco anos contra até 18 tipos de doenças, dentre elas sarampo, rubéola, caxumba, hepatite B, poliomielite, coqueluche, pneumonia, tétano, alguns tipos de meningites e formas graves de tuberculose. A campanha segue até dia 30 de agosto. A orientação da Secretaria de Estado da Saúde é para que os pais levem seus filhos aos postos de vacinação dos 295 municípios do Estado, portando a caderneta de vacinação.

O dia “D” de mobilização nacional será neste sábado. Conforme explica o gerente de imunização da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (DIVE), Eduardo Macário, em Santa Catarina, 425.388 crianças menores de 5 anos de idade deverão comparecer aos postos de vacinação. “As crianças serão avaliadas em relação a sua situação vacinal e aquelas que estiverem com alguma vacina em atraso serão vacinadas”, destaca Macário. 

Os 1.087 postos de vacinação do Estado funcionarão das 8h às 17h. Serão disponibilizados 11 tipos de vacinas que fazem parte do calendário básico infantil do Programa Nacional de Imunização (PNI): BCG, hepatite B, pentavalente, poliomielite inativada (VIP), poliomielite oral (VOP), rotavírus, pneumocócica 10-valente, meningocócica C conjugada, febre amarela, tríplice viral (sarampo, rubéola e caxumba) e DTP (difteria, tétano e coqueluche).

De acordo com Luciana Amorim, chefe da Divisão de Imunização da DIVE, o esforço de mobilização nacional nesta semana tem o objetivo de aumentar as coberturas vacinais. “Com isto, espera-se reduzir a ocorrência de doenças para as quais as vacinas garantem proteção. E, assim, ajudar a eliminar do Brasil doenças como sarampo e poliomielite”, enfatiza.

Luciana lembra que as crianças só podem ser consideradas imunizadas de fato quando completam todo o esquema vacinal. "A grande maioria das vacinas no Brasil exige mais de uma dose, acrescida do reforço", explica a chefe de imunização.

As crianças que apresentarem alguma contraindicação para vacinação ou que estiverem com alguma doença febril aguda serão avaliadas e orientadas quanto à continuidade do esquema. "Por isso é tão importante que pais ou responsáveis levem seus filhos ao posto de vacinação mais próximo", reforça o gerente de imunização da DIVE.

Ouça e faça download do boletim da Rádio Secom:

  Baixar áudio

Informações adicionais:
Ana Paula Bandeira
Secretaria de Estado da Saúde
E-mail:  anap@saude.sc.gov.br
Telefone: (48) 9113-6065

Municípios filiados à Associação dos Municípios do Extremo Oeste de Santa Catarina receberam nesta sexta-feira, 23, em São Miguel do Oeste, os discos rígidos com os dados geoespaciais do programa Levantamento Aerofotogramétrico. No programa foram investidos R$ 12 milhões pelo governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS).

levantamento aerofotogrametrico 20130823 1239066944
Foto: Rafael Paulo/SDS

"Acreditamos que a utilização da ferramenta fará uma importante diferença na atuação das prefeituras, pois, ao contrário de hoje, quando os engenheiros e projetistas ainda trabalham com estimativas, a partir de agora os técnicos terão à sua disposição informações precisas para diversas finalidades", explicou o chefe de gabinete da SDS, Christiano Lopes de Oliveira, que representou o secretário Paulo Bornhausen no encontro. O Levantamento Aerofotogramétrico auxiliará os municípios na gestão territorial, podendo ser utilizado na elaboração de planos diretores, regularização fundiária, zoneamento ambiental, entre outras atividades.

Para o secretário do Desenvolvimento Regional de São Miguel do Oeste, Volmir Giumbelli, o encontro serviu para que os prefeitos conhecessem o levantamento para que possam orientar os servidores municipais a fazerem o melhor uso da ferramenta. "Os dados são fundamentais para quaisquer municípios que queriam pensar em se organizar e se planejar no seu desenvolvimento", disse Giumbelli. Também participou do evento o secretário do Desenvolvimento Regional de Itapiranga, Rolf Trebian.

O promotor do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) na Comarca de São Miguel do Oeste, Maycon Robert Hammes, agradeceu ao Governo do Estado pela execução do Levantamento Aerofotogramétrico. "Já fizemos uso dos dados em nossas atividades; é muito útil e válida a atuação de órgãos públicos, como a Fundação do Meio Ambiente e o Ministério Público", avaliou Hammes. Um dos usos apontados pelo promotor é a identificação e recuperação de nascentes para preservação dos recursos hídricos. "Se fizermos isso, não teremos tantos problemas com secas como temos", finalizou.

No evento desta sexta-feira, os discos rígidos foram entregues aos prefeitos de Bandeirante, Belmonte, Descanso, Guarajú do Sul, Itapiranga, Mondaí, Palma Sola, Paraíso, São João do Oeste, São Miguel do Oeste e Tunápolis; os vice-prefeitos de Barra Bonita, Guaraciaba, Iporã do Oeste e Princesa.

 levantamento aerofotogrametrico 20130823 1338172030
Imagem aérea de Dionísio Cerqueira. Foto Divulgação SDS

Noroeste recebeu dados nesta quinta-feira
Na noite desta quinta-feira, 22, os discos rígidos foram entregues em São Lourenço do Oeste aos prefeitos vinculados à Associação dos Municípios do Noroeste Catarinense (Amnoroeste). O presidente da associação e prefeito de São Bernardino, Ivo José Ludwig, considerou o Levantamento Aerofotogramétrico um instrumento de ajuda aos municípios. "O trabalho de três ou quatro dias agora será feito em poucas horas", detalhou o prefeito.

Para o secretário do Desenvolvimento Regional de São Lourenço do Oeste, Tomé Francisco Etges, os dados representam uma "conquista administrativa de grande impacto". Etges acredita que os municípios viveram outra realidade a partir do uso do levantamento. "Será uma ferramenta fundamental para realizações das ações, preservar o meio ambiente, garantir qualidade de vida e planejar bem o futuro", conclui.

O promotor de Justiça Eraldo Antunes do MPSC na Comarca de São Lourenço do Oeste destacou o potencial do levantamento para a fiscalização. "Será muito útil para o Ministério Público na atuação ambiental e na recuperação de áreas degradadas." A juíza de direito da comarca Érica Ferreira também participou do evento.

Na ocasião, os prefeitos de São Lourenço do Oeste, São Bernardino, Coronel Martins, Galvão e Jupiá retiraram os discos rígidos.

Mais sobre o projeto:

• Governo do Estado entrega levantamento de fotos aéreas dos municípios da região Norte

• Dados geospaciais são entregues para prefeitos da região do Alto Rio Uruguai

• Levantamento do território Catarinense é entregue no Meio-Oeste

• Levantamento Aerofotogramétrico é disponibilizado para Alto Vale e Região do Contestado

• Municípios do Planalto Serrano recebem discos rígidos com seus dados de referência

• Dados geoespaciais são entregues para mais 72 municípios catarinenses

• Secretaria do Desenvolvimento Econômico Sustentável entrega dados geoespaciais para municípios da Foz do Rio Itajaí

• Levantamento aerofotogramétrico é entregue aos municípios do Sul de SC

• Governo entrega fotos aéreas para municípios do Vale do Itapocu e Médio Vale do Itajaí

• Municípios da Grande Florianópolis recebem o Levantamento Aerofotogramétrico

Assessoria de Comunicação
SDS - Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável
www.sds.sc.gov.br - www.facebook.com/SustentavelSC - www.twitter/SustentavelSC
Rodovia SC 401, KM 5, nº 4600, Centro Administrativo, bl. 3, 1º andar - Saco Grande II - Florianópolis/SC - CEP 88032-000 Telefone: (48) 3665-2257

 

A Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) encerrará na próxima sexta-feira, 30, o período para candidatos solicitarem isenção no pagamento da taxa de inscrição do Vestibular de Verão 2014 pelo critério socioeconômico.

O benefício vale para aqueles que comprovarem que não têm condições de pagar, mas não para quem fizer as provas por experiência.

Até a data final, os interessados devem preencher um formulário específico e apresentá-lo com os outros documentos pessoalmente ou por representante legal em uma das cidades listadas em portaria. Entregas pelo correio não serão aceitas.

A Comissão Avaliadora do Vestibular analisará as solicitações e poderá fazer visita domiciliar e/ou contato telefônico aos requerentes. A lista dos pedidos aprovados será divulgada no Portal Udesc a partir de 12 de setembro.

Quem obtiver a isenção deverá efetivar a participação no vestibular durante o período geral de inscrições, que está previsto para começar em 16 de setembro.

Mais informações podem ser obtidas com a Coordenadoria de Vestibulares e Concursos da Udesc pelos telefones (48) 3321-8098 e 8147, das 13h às 19h, ou por mensagem para vestiba@udesc.br.

Doadores de sangue
A isenção pode ser requerida pelos candidatos que tenham doado sangue em órgão oficial ou em entidade credenciada pela União, pelo Estado ou por município, conforme determina a Lei Estadual nº 10.567/1997.

Os interessados devem preencher um formulário específico e entregá-lo pessoalmente, por representante legal ou via correio à Coordenadoria de Vestibulares e Concursos, das 13h às 18h, até 6 de setembro. O setor fica no prédio da Reitoria da Udesc, em Florianópolis.

Além disso, é necessário apresentar declarações para comprovar que houve, no mínimo, três doações no período de um ano, que precisam ser firmadas pelo hemocentro. A universidade anunciará as solicitações concedidas em 12 de setembro, na página do vestibular.

Confira o boletim produzido pela Rádio Secom:

  Baixar áudio

Leia mais:
19/8/2013 - Udesc divulga relação das obras literárias do Vestibular de Verão 2014

Assessoria de Comunicação da Udesc
Jornalista Rodrigo Brüning Schmitt
E-mail: rodrigo.schmitt@udesc.br
Telefones: (48) 3321-8142/8143

Nesta quinta-feira, 22, diretores da Celesc receberam comitiva formada por mais de 40 representantes de entidades empresariais e autoridades políticas do Extremo Sul do Estado, interessadas em obras de ampliação do sistema que atende a região.

celesc 20130823 2088925883
Divulgação Celesc

O presidente da Celesc, Cleverson Siewert, apresentou as principais obras realizadas e previstas, como a ampliação e melhoria nas subestações Siderópolis e Urussanga, e a construção de duas novas linhas de transmissão: a primeira conectando a subestação Turvo à subestação de Forquilhinha e a segunda ligando a subestação Turvo à subestação Ermo, que ampliam de forma efetiva a disponibilidade de energia e a confiabilidade do sistema. Além dessas, o presidente também anunciou obras que serão realizadas no sistema de média tensão. "Em setembro, entrará em operação novo alimentador para a região de Sombrio. Araranguá também receberá um novo alimentador, que atenderá empresas localizadas na margem direita da BR 101", afirmou Siewert.

A Celesc também vai lançar edital para concluir a construção de novo alimentador para o município de Balneário Arroio da Silva. A obra foi dividida em duas etapas: na primeira (até trevo Arroio da Silva) já foram realizadas as trocas de postes e está sendo iniciado o lançamento dos cabos cobertos/rede compacta. Em Jacinto Machado, a Empresa possui alimentador que atende a Cooperativa da região. Em junho de 2013, realizou manutenção neste alimentador para melhorar a qualidade de energia (troca de 91 cruzetas, melhoria do isolamento, retensionamento de condutores e prumagem de postes). Maracajá também recebeu, em outubro de 2012, novo alimentador. Desde 2011, os investimentos realizados pela Empresa na região somam mais de R$ 13,5 milhões.

Integravam a comitiva, diversos representantes de cooperativas de eletrificação rural que respondem pelo atendimento de vários municípios na região. As cooperativas apresentaram alguns pleitos de ampliação do sistema de abastecimento, que a Celesc entende serem de responsabilidade das próprias empresas solicitantes e que serão encaminhados junto ao Governo do Estado. "Há regras claras no relacionamento entre concessionária e cooperativas, que apontam para o conceito de investimento prudente, que definem a participação financeira de cada agente no processo", assinalou o presidente.

{text}