Dionísio Cerqueira - Convênio Apaes
Foto: Manoely Dias Cogo/ ADR Dionísio Cerqueira

Foram assinados na semana passada, na sede da Agência de Desenvolvimento Regional de Dionísio Cerqueira, os convênios de cooperação técnico-pedagógica entre Estado e as Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais das cidades de Anchieta, São José do Cedro, Palma Sola e Guarujá do Sul.

Na Regional de Dionísio Cerqueira serão 195 alunos beneficiados, além de profissionais que atendem essas instituições. Os convênios tem objetivo de cooperação técnico pedagógica entre as partes, visando o estabelecimento de condições adequadas para o atendimento de pessoas com deficiência.

Através destes convênios o Governo do Estado cede, por meio da FCEE, professores efetivos do seu quadro de magistério e admitidos em caráter temporário para o exercício de atividades nas instituições especializadas conveniadas (APAES e congêneres).

O secretário regional Norberto Hart destacou que a assinatura destes convênios é de extrema importância. “Sabemos a importância dessas associações que oferecem atendimentos aos alunos de forma adequada e com os recursos que são necessários para o desenvolvimento dos alunos”.

Informações adicionais para a imprensa:
Manoely Dias Cogo
Assessoria de Imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Dionísio Cerqueira
E-mail: comunicacao@dcq.adr.sc.gov.br
Fone: (49) 3644-3317 / 99145-7142
Site: sc.gov.br/regionais/dionisiocerqueira
 

Já está aberto o período de inscrição dos Planos de Gestão Escolar, em que as escolas estaduais EEB Dr. Theodureto Carlos de Faria Souto, EEF Dalilo Quintino Pereira, EEB Jacob Maran, EEB Catharina Seger e CEJA, da Regional de Dionísio Cerqueira, irão definir as novas equipes de direção.

Essa é uma nova forma de escolha da função de diretor na rede estadual de ensino, por meio da seleção de Plano de Gestão Escolar. O processo segue o Decreto nº 1.794, de 15 de outubro de 2013, e as alterações introduzidas pelo Decreto SC nº 243, de 1º de julho de 2015.

As inscrições devem ser feitas até o dia 24 de agosto no sistema WEBGESC no portal eletrônico da Secretaria de Estado da Educação. O portal também abriga outras informações, como o Edital nº 1957 que regulamenta o processo de escolha do Plano de Gestão Escolar 2017. 

Os planos dos professores inscritos serão avaliados pelo grupo de consultores da Secretaria de Estado da Educação e, se cumprirem as exigências básicas, serão votados pelos alunos, pais, professores e funcionários. O gestor que tiver seu plano escolhido assume o cargo a partir de dezembro de 2017. Em caso de alguma escola não ter pretendentes ao cargo, um diretor pro tempore será indicado.

De acordo com a Gerente de Educação, Tânia Gasperin dos Santos, a nova forma de seleção valoriza a participação da comunidade escolar nos processos de planejamento e decisão. “É um processo que mostra a importância que o estado dá para a comunidade, que tem a oportunidade de escolher quem estará à frente da direção da escola e mostra a transparência das ações pedagógicas e administrativas”.

Requisitos básicos 

O profissional interessado em elaborar o Plano de Gestão Escolar deve ser professor, especialista em assuntos educacionais ou assistente técnico pedagógico, efetivo do quadro do magistério público estadual; optar pelo regime de dedicação exclusiva; não ter sido destituído da função de diretor; ter concluído o transcurso de 12 meses a partir da remoção.

Informações adicionais para a imprensa:
Manoely Dias Cogo
Assessoria de Imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Dionísio Cerqueira
E-mail: comunicacao@dcq.adr.sc.gov.br
Fone: (49) 3644-3317 / 99145-7142
Site: sc.gov.br/regionais/dionisiocerqueira
 

Iporã do Oeste - Grupo de trabalho de Educação Ambiental da Região Hidrográfica 1 realiza reunião
Foto: Divulgação/ADR Dionísio Cerqueira

O grupo de trabalho de Educação Ambiental da Região Hidrográfica 01 (GTEA- RH 01),  da Bacia Hidrográfica do Rio Peperi-Guaçu e Rio das Antas esteve reunido no município de Iporã do Oeste, para falar sobre o regimento interno, elaboração do cronograma de atividade e encontros do grupo para o segundo semestre de 2017.

O GTEA- RH 01 é composto por 29 municípios com representantes de instituições e entidades de setor público, privado, ONGs, cooperativas e sindicatos, e tem como objetivos identificar, analisar e propor ações de Educação Ambiental, promover a articulação com políticas voltadas à melhoria da qualidade socioambiental, promover eventos, discussão das práticas, experiências e políticas, relacionadas com a educação ambiental da Região Hidrográfica 01.

No encontro, ficou definido que uma ação será realizada no dia 21 de setembro, dia da árvore. O grupo irá buscar parcerias com escolas municipais e estaduais, prefeitos e equipes, para que atividades alusivas à data como plantio de árvores nativas e frutíferas. 

Informações adicionais para a imprensa:
Manoely Dias Cogo
Assessoria de Imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Dionísio Cerqueira
E-mail: comunicacao@dcq.adr.sc.gov.br
Fone: (49) 3644-3317 / 99137-8637
Site: sc.gov.br/regionais/dionisiocerqueira

 

Aplicativo Escolas Dionísio Cerqueira
Foto: Gered/ADR Dionísio Cerqueira

Para tornar o processo de contagem da alimentação escolar mais ágil, econômico e transparente a Secretaria de Estado da Educação (SED) desenvolveu um aplicativo de  contagem automática das refeições servidas aos alunos. A estimativa é economizar em até 10% em 2017, sendo que em 2016 o investimento em alimentação escolar foi de R$ 130 milhões.

Foram desenvolvidos dois métodos com linguagens diferentes para serem utilizados de acordo com a realidade de cada escola. Dessa forma a contagem poderá ser feita por meio das câmeras digitais dos tablets fornecidos a escola via QR Code ou por código de barras lido através do aparelho leitor de código de barras identificado no computador. “Cada estudante terá a própria Carteira de Identificação Estudantil emitida pelo Sistema de Gestão Escolar de Santa Catarina (Sigesc) o que garante precisão na contagem”, explica o diretor de Articulação com os Municípios, Osmar Matiola.

Cerca de 180 mil estudantes terão acesso ao aplicativo no momento das refeições. Os dados computadorizados serão transferidos para o sistema de registros da alimentação escolar, repassando a quantidade de refeições a serem pagas por estudante em cada escola. “Em algum momento nós teríamos que dar esse passo para informatizar o sistema da alimentação e colocar ele dentro de uma tendência atual mundial”, frisa o coordenador da Gerência de Tecnologia da SED, Luiz Alberto Rosa.

Regional de Dionísio Cerqueira

Nos municípios da Agência de Desenvolvimento Regional de Dionísio Cerqueira três escolas estão implantando o sistema de contagem das refeições via tablet, a EEB Theodureto Carlos de Faria Souto, EEB Claudino Crestani e EEB Irineu Bornhausen.

Nesta semana, a equipe da Gerência de Educação esteve na EEB Claudino Crestani, em Palma Sola, para acompanhar a implantação da nova ferramenta. Segundo a Gerente de Educação Tânia Gasperin dos Santos o aplicativo de contagem automática das refeições está em fase de testes no educandário, e em breve deverá estar funcionando 100%.

Formação

Para usar o aplicativo, 320 profissionais das escolas entre gestores, assistentes de Educação e profissionais das Gerências de Educação estão passando por uma formação no mês de maio a setembro para conhecer o novo sistema e aperfeiçoar o uso dos tablets. “O processo é uma forma de legitimar a quantidade e garantir a qualidade da merenda proporcionando segurança aos estudantes e profissionais em relação ao que consta no cardápio”, enfatiza a participante do curso e diretora da EEB Arnoldo Agenor Zimmermann do município de Gaspar, Doris Vargas Ramos.

O diretor Matiola ressalta que a ideia é levar ainda em 2017 a todas as escolas o novo método de contagem. “Neste primeiro momento 270 escolas da rede estadual de ensino, com mais de 900 alunos terão acesso ao aplicativo e até o final de 2018 todas as escolas da rede estadual passarão a utilizar o novo sistema”, diz.

Atualmente, os estudantes entregam uma fichinha de papel para a profissional responsável pelo acesso do aluno ao refeitório, que conforme apurado pela SED e em auditorias internas pode resultar em imprecisão dos números finais das refeições servidas e pagas às empresas prestadoras do serviço de alimentação escolar.

Informações adicionais para a imprensa

Dafnée Canello
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado de Educação

Manoely Dias Cogo
Assessoria de Imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Dionísio Cerqueira
E-mail: comunicacao@dcq.adr.sc.gov.br
Fone: (49) 3644-3317 / 99145-7142
Site: sc.gov.br/regionais/dionisiocerqueira