Foto: ADR Itajaí

A EEB Adelaide Konder, em Navegantes, sediou nesta terça-feira, 15, a 2º EMIEP - Ensino Médio Integrado à Educação Profissional. O encontro reuniu mais de 400 alunos que cursam o ensino médio das escolas estaduais de Itajaí, Navegantes, Bombinhas e Penha, que tiveram a oportunidade de expor trabalhos e trocar experiências adquiridas com o ensino médio profissionalizante.

Na área de abrangência da Agência de Desenvolvimento Regional de Itajaí, quatro escolas oferecem cursos técnicos. A EEB Manoel Henrique de Assis, em Penha, e a EEB Maria Rita Flor de Bombinhas, adotaram o ensino médio técnico em Hospedagem. Já a EEB Adelaide Konder, em Navegantes, emprega o ensino médio técnico em Segurança do Trabalho.

A EEB Nereu Ramos, de Itajaí, oferece curso técnico em Alimentos. “Os cursos técnicos são a oportunidade do estudante conhecer suas aptidões para o trabalho e escolher uma profissão. A procura por vagas nestas escolas tem sido cada vez maior e os alunos concluem o médio já com boas oportunidades”, disse a gerente regional da Educação, Cleonice Berejuk.

Mais informações para a imprensa
Silvia Daleffe
Assessoria de imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Itajaí
E-mail: sdritajai@gmail.com
Fone: (47) 3398-5950 e (47) 99903-3836
Site: sc.gov.br/regionais/itajai

Aproximadamente 1,3 mil unidades consumidoras dos bairros Alto Perequê, Santa Luzia, Sertão de Santa Luzia e Sertão do Valongo, em Porto Belo, passam a contar com energia elétrica de mais qualidade e confiabilidade a partir desta quarta-feira, 16, com a energização da Subestação Porto Belo, recém-ampliada pela Celesc.

Com a obra, estas comunidades, que eram supridas a partir da subestação Tijucas, passam a ser atendidas pela subestação de Porto Belo, muito mais próxima às localidades. "A mudança vai impactar na qualidade da tensão que a energia chegará nas casas dos clientes e no tempo de recomposição do sistema, no caso de algum desligamento não programado", explica o chefe da Agência Regional da Celesc em Itajaí, Pedro Paulo Molleri.

Ainda em janeiro de 2017, o presidente da Celesc, Cleverson Siewert, assumiu compromisso com o prefeito de Porto Belo, Emerson Stein, para que o problema fosse corrigido tão logo fosse possível. As obras tiveram início em março deste ano. Ao todo, foram investidos cerca de R$ 450 mil na instalação de um novo transformador com potência de 5MVA e tensão de 23kV da subestação.

Vale destacar que após a instalação do novo transformador, os bairros terão duas opções para receber energia. Dessa forma, em caso de desligamentos emergenciais, os bairros ainda poderão ser atendidos pela subestação de Tijucas.

Informações adicionais para a imprensa
Assessoria de Imprensa 
Centrais Elétricas de Santa Catarina - Celesc 
E-mail: comunica@celesc.com.br
Atendimento 24h: 0800-480120
Site: www.celesc.com.br

O comando do 1º Batalhão de Polícia Militar apresentará resultados e experiências da Rede de Vizinhos, na reunião plenária da Associação Empresarial de Itajaí (ACII), nesta terça-feira, 15, às 18h30, na sede da entidade. O comandante, tenente-coronel Jonathan Regis, o major Luis Carlos dos Santos e o capitão Rodolfo Batista foram convidados pelo presidente Eclésio da Silva para falar sobre o programa, aberto no município em janeiro deste ano e que já conta com mais de mil cidadãos em grupos de 16 bairros de Itajaí.

O capitão Batista explica que a Rede de Vizinhos é composta por grupos de pessoas que se comunicam por um aplicativo de celular (WhatsApp) e ficam atentas a qualquer atitude suspeita nas imediações do bairro. “No Santa Regina, localidade pioneira no programa, foi possível a prisão em flagrante de uma pessoa que cometia furtos em diversas residências graças a uma mensagem enviada no grupo”, destaca o policial.  

Para ser incluído no grupo, o cidadão deve procurar um representante líder do bairro e preencher um cadastro com dados pessoais, para posterior análise da Polícia Militar. “A Rede de Vizinhos é mais uma ferramenta para controle da criminalidade e dela fazem parte cidadãos engajados em transformar o lugar onde vivem”, completa o capitão. A reunião da ACII é aberta ao público. A entidade está localizada na Rua Hercílio Luz, 381, 1º andar, sala 1. 

Mais informações para a imprensa
Silvia Daleffe
Assessoria de imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Itajaí
E-mail: sdritajai@gmail.com
Fone: (47) 3398-5950 e (47) 99903-3836
Site: sc.gov.br/regionais/itajai

O concurso público da Secretaria de Estado da Educação, a ser realizado no dia 8 de outubro, abrirá 41 vagas em escolas na região de abrangência da Agência de Desenvolvimento Regional de Itajaí. 

Conforme a gerente da Educação, Cleonice Berejuk, 26 vagas serão destinadas ao cargo de professor nas disciplinas de química, matemática, língua portuguesa, história, geografia, física, biologia, sociologia, filosofia, inglês, espanhol, educação física e 1º ao 5º ano. “Serão duas vagas por disciplina que poderão ser abertas em qualquer unidade escolar dos nove municípios, o que só saberemos com exatidão no fechamento do ano letivo atual, para ingresso dos profissionais no início de 2018”, explica a gerente.

O concurso abrirá ainda cinco vagas para o cargo de assistente de educação, sete vagas para supervisor escolar, duas vagas para orientador escolar e uma para administrador escolar para atuação na região. As inscrições para o preenchimento de mil vagas em todo o estado estão abertas até 12 de setembro pelo site www.acafe.org.br/concurso/magisterio.

Conforme o secretário de Estado da Educação, Eduardo Deschamps, o concurso é resultado de muito esforço e responsabilidade com o equilíbrio das contas da Secretaria e de todo o governo, sendo que o mais recente foi realizado em 2012.

A jornada de trabalho para o cargo de professor de ensino médio corresponde à carga horária de dez horas semanais, para o professor do ensino fundamental corresponde à carga horária de 20 horas semanais e para os cargos de assistente de educação, supervisor escolar, administrador escolar e orientador educacional correspondem à carga horária de 40 horas semanais.

O concurso prevê duas provas, sendo que na primeira fase será prova objetiva eliminatória/classificatória e a segunda fase será prova de títulos, classificatória.

Certificação

Professor: Diploma e histórico escolar de conclusão de curso superior de Licenciatura Plena na disciplina que se candidatar.

Administrador escolar: Diploma e histórico escolar de conclusão de curso de Licenciatura Plena em Pedagogia com habilitação na área de Administração Escolar; ou diploma e histórico escolar de conclusão de curso superior de Pedagogia e certificado e histórico escolar de conclusão de Pós-Graduação Latu Sensu - especialização em Administração Escolar

Assistente de educação: Formação em nível superior em Pedagogia

Orientador educacional: Diploma e histórico escolar de conclusão de curso de Licenciatura Plena em Pedagogia com habilitação na área de Orientação Educacional; ou diploma e histórico escolar de conclusão de curso superior de Pedagogia e certificado e histórico escolar de conclusão de Pós-Graduação Latu Sensu - especialização em Orientação Educacional

Supervisor escolar: Diploma e histórico escolar de conclusão de curso de Licenciatura Plena em Pedagogia com habilitação na área de Supervisão Escolar; ou diploma e histórico escolar de conclusão de curso superior de Pedagogia e certificado e histórico escolar de conclusão de Pós-Graduação Latu Sensu - especialização em Supervisão Escolar

Mais informações para a imprensa
Silvia Daleffe
Assessoria de imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Itajaí
E-mail: sdritajai@gmail.com
Fone: (47) 3398-5950 e (47) 99903-3836
Site: sc.gov.br/regionais/itajai