Termina no próximo dia 30 o prazo de envio das informações para a atualização do Mapa do Turismo Brasileiro. Os dados dos municípios deverão ser inseridos no Sistema de Informações do Programa de Regionalização do Turismo.


Fotos: James Tavares / Secom

O governador Raimundo Colombo esteve em Blumenau na tarde desta quinta-feira, 22, para apresentar aos municípios do Médio Vale do Itajaí a segunda edição do Fundo de Apoio aos Municípios (Fundam 2). O encontro ocorreu no auditório da Associação dos Municípios do Médio Vale do Itajaí (Ammvi), onde estiveram reunidos representantes dos 14 prefeitos da região, entre eles Ascurra, Benedito Novo, Doutor Pedrinho, Indaial, Rio dos Cedros, Rodeio e Timbó, pertencentes à 34ª Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) Timbó.

Segundo Colombo, o projeto para a segunda edição foi aprovado na Assembleia Legislativa nesta quarta-feira, 21, sendo que ainda será definido o valor repassado a cada município. Nesta sexta-feira, 23, o governador participa de reunião com a diretoria do BNDES para tratar do repasse dos recursos.

Conforme explicou Colombo, o Fundam é um programa para fortalecer e preservar o modelo de sucesso de Santa Catarina, baseado em municípios fortes e desenvolvidos, permitindo levar investimento e melhorias para todas as cidades. Em todo o Estado, o investimento previsto para esta nova edição do Fundam é de R$ 700 milhões e a meta é contemplar todos os 295 municípios catarinenses, assim como ocorreu na primeira edição.

Somente na primeira edição do Fundam, os 14 municípios que fazem parte da Ammvi (Apiúna, Ascurra, Benedito Novo, Blumenau, Botuverá, Brusque, Doutor Pedrinho, Gaspar, Guabiruba, Indaial, Pomerode, Rio dos Cedros, Rodeio e Timbó) receberam R$ 44,4 milhões para investimentos em obras de infraestrutura, construção de pontes e parques e compra de veículos e equipamentos.

Durante o evento de apresentação do Fundam 2 aos municípios do Médio Vale do Itajaí, estiveram presentes a secretária executiva da ADR Timbó, Lúcia Steinheuser Gorges e os secretários executivos das ADRs de Blumenau e Brusque, Emerson Antunes e Ewaldo Ristow Filho, além dos prefeitos dos 14 municípios associados à Ammvi, entre outras lideranças da região.

Assinatura de ordens de serviço

Neste ato, Colombo também assinou duas ordens de serviço: para a construção do Centro de Inovação e Tecnologia de Brusque, que terá investimento do Estado de R$ 5,89 milhões e para a revitalização da Rodovia Jorge Lacerda, a SC-412, no município de Itajaí, orçada em R$ 33,5 milhões. O governador Colombo assinou, ainda, convênio no valor de R$ 76,6 mil para repasse à Fundação Universidade Regional de Blumenau (Furb) para manutenção da rede de monitoramento da Bacia do Rio Itajaí-Açu.

Informações adicionais para a imprensa:
Alexandre Lenzi
Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: lenzi@secom.sc.gov.br
Telefone: (48) 3665-3018 / 98843-4350
Site: www.sc.gov.br
www.facebook.com/governosc e  @GovSC

Informações adicionais para a imprensa:
Bruna Laline Ramos
Assessoria de Comunicação
34ª Agência de Desenvolvimento Regional Timbó
E-mail: comunicacao.adr34@tio.sdr.sc.gov.br  
Telefone: (47) 3399-3023
Sites: www.sc.gov.br / www.adrs.sc.gov.br/adrtimbo  


Foto: Bruna Laline Ramos / ADR Timbó

Os profissionais das Vigilâncias Sanitárias (Visas) dos oito municípios pertencentes à 34ª Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) estiveram reunidos no início deste mês com profissionais da Vigilância Sanitária da Regional de Saúde Timbó para esclarecer assuntos pertinentes ao setor, como SISÁGUA, Dengue, uso de Hipoclorito de Sódio, Conferência Macrorregional de Vigilância em Saúde, entre outras questões. 

O encontro entre os profissionais ocorreu na tarde do dia 8, no auditório da ADR de Timbó e contou com a presença de representantes da Visa Regional, bem como dos municípios de Apiúna, Ascurra, Benedito Novo, Doutor Pedrinho, Indaial, Rio dos Cedros, Rodeio e Timbó. Durante a reunião, foram realizados esclarecimentos sobre SISÁGUA, um sistema informatizado do Ministério da Saúde, onde foi discutido a possibilidade da realização de coletas de água não tratada (água de poço, nascente, poço semi-artesiano e outros), para que se tenha uma estatística de como está a qualidade dessa água consumida pela população.

Outro assunto abordado foi a Dengue, onde destacou-se o dever dos municípios em desenvolver ações de controle para evitar a presença do mosquito transmissor da doença. Além disso, ficou esclarecido que os agentes de endemias, ao verificar local propício de proliferação, deverão comunicar a Vigilância Sanitária local para tomar as medidas cabíveis.

Os profissionais também obtiveram conhecimento a respeito do Hipoclorito de Sódio, sendo que os municípios, através das Agentes Comunitárias de Saúde, poderão fazer a distribuição do produto à população que o utiliza para tratamento da água não tratada para consumo humano (água de poço, nascente, fonte, poço-semi artesiano e outros). No evento ficou esclarecido que, segundo o Ministério da Saúde, o Hipoclorito de Sódio não poderá ser utilizado para a limpeza e desinfecção de reservatório de água, nem higienização de frutas e verduras.

Ainda no decorrer da reunião, foi apresentado o cronograma de fiscalização em trânsito (blitz), com intuito de verificar o transporte de alimentos. As ações serão realizadas mensalmente pela Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc), em diversos municípios da macrorregião, contando com apoio das Visas Regional e municipais.

Também foi esclarecido quanto a instalação do Processo Administrativo Sanitário nos municípios, sendo que neste mês de junho a Visa Regional está visitando as Prefeituras para verificar, juntamente com prefeitos, assessores jurídicos e secretários municipais de Saúde, se a legislação municipal prevê esse assunto.

Ainda em relação às prefeituras, foi orientado sobre a aprovação dos Planos de Ação das Visas municipais 2017-2019, sendo que a partir de agora os municípios atuarão na maioria dos estabelecimentos, ficando de responsabilidade das Visas municipais a fiscalização e cobrança de taxa do Alvará Sanitário.

Além disso, foi esclarecido aos profissionais das Vigilâncias Sanitárias municipais da 34ª ADR sobre a Conferência Macrorregional de Vigilância em Saúde, que ocorrerá entre os dias 7 de julho a 18 de agosto.

De acordo com o técnico em Vigilância Sanitária e Saúde Ambiental da ADR de Timbó, Odemar Slomp, esses encontros ocorrem bimensalmente e têm o objetivo de discutir ações e, principalmente, prestar os devidos esclarecimentos aos profissionais das Visas dos municípios da regional.

Informações adicionais para a imprensa:
Bruna Laline Ramos
Assessoria de Comunicação
34ª Agência de Desenvolvimento Regional de Timbó
E-mail: comunicacao.adr34@tio.sdr.sc.gov.br
Telefone: (47) 3399-3023

Sites: www.sc.gov.br / www.adrs.sc.gov.br/adrtimbo

Projetos da ADR Timbó são classificados para a final do Concurso Escola Promotora de Saúde
Foto: ADR Timbó

O Governo de Santa Catarina, por meio da Secretaria Estadual de Educação (SED), da Secretaria Estadual de Saúde (SES), está realizando o 1º Concurso Escola Promotora de Saúde, cujo objetivo é valorizar e premiar projetos pedagógicos desenvolvidos nas escolas de Educação Básica do Estado, com foco na prevenção e combate ao Aedes aegypti, transmissor da Dengue, Chikungunya e Zika vírus.

Na etapa regional do Concurso, quatro escolas pertencentes à 34ª Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) tiveram projetos pedagógicos inscritos: Escolas Osvaldo Cruz e Senador Francisco Benjamin Gadotti, de Rodeio e Escola Professor Juvenal Cardoso Zanella, de Timbó, na modalidade Escola; e Escola Professor Giovanni Trentini na modalidade estudantes.

Dos três trabalhos da modalidade Escola, apenas um seria classificado para a final do Concurso. Após serem avaliados, a comissão julgadora da 34ª ADR - formada pela supervisora de Políticas Educacionais, Samira Valcanaia; integradora educacional, Virgínia Donner; coordenadora da Atenção Básica, Alexandra Stortti; técnica em alimentação escolar, Neide Maria Felippi; e a multiplicadora Graciela Minatti - escolheu como vencedor da etapa regional, na modalidade estudantes, o projeto apresentado pela Escola Professor Juvenal Cardoso Zanella. Já o projeto apresentado pela Escola Professor Giovanni Trentini, na modalidade estudantes, também foi selecionado como finalista do Concurso.

Os vencedores da etapa estadual do I Concurso Escola Promotora de Saúde serão conhecidos no dia 4 de julho de 2017. O resultado será publicado no site do Concurso: www.sed.sc.gov.br/educacaosaude.

Informações adicionais para a imprensa:
Bruna Laline Ramos
Assessoria de Comunicação
Agência de Desenvolvimento Regional de Timbó
E-mail: comunicacao.adr34@tio.sdr.sc.gov.br
Telefone: (47) 3399-3023
Sites: www.sc.gov.br / www.adrs.sc.gov.br/adrtimbo