Encontre serviços oferecidos pelo Governo de SC

Reunimos neste site tudo o que o Governo pode fazer por você

Notícias em destaque

Serviços em destaque

Vídeos

Medalha Zilda Arns

Medalha Zilda Arns

A medalha Zilda Arns é uma justa homenagem a quem dedica a vida para fazer o bem às pessoas. Nesta semana, o governador Eduardo Pinho Moreira entregou o título ao médium Divaldo Pereira Franco. Homem que desenvolveu um belíssimo trabalho caritativo, fruto da vontade de servir o próximo.

Oportunidades

Próximos eventos


Foto: Epagri

O método de seleção e produção de abelhas rainhas Apis mellifera desenvolvido pela Epagri acaba de entrar para a plataforma de Boas Práticas para o Desenvolvimento Sustentável da FAO/ONU. O projeto, iniciado em 2010 pela Estação Experimental de Videira (EEV), buscou vencer desafios como a baixa produtividade de mel no Estado e o manejo inadequado das colônias.

Para esse trabalho, oito apiários de seleção regional foram instalados em diferentes municípios do Estado. Nesses locais, as colônias foram selecionadas pela observação das características e do comportamento das abelhas. O objetivo foi identificar atributos como resistência a doenças e parasitas e alta produtividade de mel.

Com base nas informações obtidas junto aos apicultores, os técnicos da Epagri selecionaram 96 colônias que passaram por avaliação técnica durante duas safras apícolas quanto à produtividade de mel, ao comportamento higiênico e maior resistência ao ácaro Varroa destructor. As colônias que se destacaram foram selecionadas e reproduzidas na EEV para avaliação nas safras seguintes.

A reprodução desse material foi feita pelo método de transferência de larvas. “Esse método permite eleger as colônias que darão origem às rainhas e determinar a qualidade delas, uma vez que é possível selecionar as que apresentam melhores características morfológicas, como peso e tamanho ao nascer”, explica Tânia Schafaschek, pesquisadora da Epagri.

A Epagri, então, forneceu rainhas selecionadas para um grupo de apicultores e iniciou o acompanhamento dos apiários nessas propriedades. Os apicultores também foram capacitados e incentivados a produzir as próprias rainhas. Em torno de 50 produtores aderiram à tecnologia e vêm aumentando gradativamente a porcentagem de colônias em que substituem as rainhas anualmente.

O projeto tem atuação em todo o Estado, com ênfase no Planalto Norte e no Meio-Oeste. Os resultados se refletem no incremento de 8 toneladas de mel por safra, o que significa aumento de 30% da produção, e na melhoria sanitária dos apiários, com redução de até 43% na infestação por varroa em abelhas adultas. A renda por colmeia cresceu cerca de R$ 100 por safra. “Além disso, esse sistema fornece condições para a criação de um novo segmento de geração de renda para a agricultura familiar: a produção de rainhas”, destaca Tânia.

A plataforma é um espaço digital criado pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO/ONU) para disseminação e compartilhamento de iniciativas replicáveis de boas práticas desenvolvidas na Região Sul do Brasil. O conteúdo, já disponível em português, será em breve traduzido para inglês, espanhol e francês. Essa é a 12ª tecnologia da Epagri incluída na plataforma.

>>> Confira mais detalhes

Mais informações e entrevistas: Tânia Patricia Schafaschek - TaniaS@epagri.sc.gov.br – (49) 3533-5629 e (47) 99667-8946.

Informações para a imprensa:
Cinthia Andruchak Freitas
Assessoria de imprensa 
Epagri
Fone: (48) 3665-5344 / 99112-9259
E-mail: cinthiafreitas@epagri.sc.gov.br
Site: www.epagri.sc.gov.br


Foto: Douglas Saviato / SAN

O projeto de integração das polícias no Brasil foi tema de audiência em Brasília, nesta quinta-feira, 15, entre todos os secretários da Segurança do país, convocados pelo ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann. Santa Catarina foi representada pelo secretário Alceu Oliveira Pinto. Esta é mais uma ação de Jungmann após assumir o recém-criado ministério que visa coordenar e promover a integração da segurança pública em todo o território nacional em cooperação com os Estados.

Com a ausência do ministro, que precisou viajar às pressas ao Rio de Janeiro por conta da morte da vereadora Marielle Franco, o encontro foi conduzido pelo secretário Nacional de Segurança Pública (Senasp), coronel Santos Cruz, que reforçou a necessidade da integração das atuações e dos dados de inteligência das policias civil, militar e da guarda municipal. Cruz salientou, ainda, a importância da padronização e do incremento da tecnologia, como em laboratórios e balística.


Fotos: Julio Cavalheiro / Secom

Ao empossar cinco novos secretários de Estado e o chefe da Casa Militar, nesta quinta-feira, 15, o governador Eduardo Pinho Moreira fecha mais um ciclo de alterações no primeiro escalão do Governo. O ato, no Teatro Pedro Ivo, em Florianópolis, ocorreu às vésperas de Moreira completar o primeiro mês como governador do Estado. Tomaram posse os secretários de Estado de Agricultura e Pesca; Assistência Social, Trabalho e Habitação; Desenvolvimento Econômico Sustentável; Infraestrutura e Justiça e Cidadania, além do coronel PM que vai comandar a secretaria executiva da Casa Militar, vinculada à Casa Civil.

“Este é o time que eu desejo que esteja comigo até o final do mandato. É um governo curto, que vai exigir rigor no controle dos gastos públicos e muita dedicação às ações de bem coletivo”, afirmou o governador. Ele reforçou que as ações de todos os setores devem convergir às prioridades do Governo na Saúde e na Segurança Pública. “O dinheiro é curto, e nós escolhemos concentrar os esforços onde estão os maiores anseios dos catarinenses. Todos terão o compromisso de ajudar o Governo nessa missão”, enfatizou. Moreira também falou da responsabilidade com a folha de pagamentos dos servidores, garantindo que os salários do funcionalismo público estadual continuarão rigorosamente em dia.

>>> Ouça o boletim da Rádio Secom sobre o assunto

Compromisso

As mudanças no secretariado atendem a um pedido pessoal do governador, para garantir o ritmo das ações, já que a intenção de muitos dos secretários que deixaram os cargos é concorrer às eleições de 2018. “É ano eleitoral, e é natural que cada um tenha seu projeto político, mas o compromisso é com Santa Catarina e a equipe precisa estar alinhada e com diretrizes bem definidas”, observou Moreira.



>>> As fotos de todos os empossados estão disponíveis na galeria

O novo secretário de Estado de Infraestrutura, Paulo França, falou em nome dos empossados destacando que diante dos desafios, será preciso fazer mais com menos recursos. “Temos demandas sociais e econômicas para atender, teremos que ser criativos e cuidadosos para, num período curto, levar à sociedade o nosso melhor e um serviço de qualidade”, afirmou França. O secretário responderá também pelo Departamento Estadual de Infraestrutura de Santa Catarina (Deinfra).

Quem assume

Secretaria de Estado de Agricultura e Pesca: Airton Spies

Airton Spies é Doutor em Economia dos Recursos Naturais e Mestre em Ciências Agrícolas. Tem graduações como Engenheiro Agrônomo, Administrador de Empresas e Técnico Agrícola. É filho de agricultor familiar, natural de Itapiranga, e cresceu em Tunápolis, no Oeste de Santa Catarina. Spies é aposentado pela Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri), onde exerceu a função de extensionista rural e pesquisador, sendo chefe do Centro de Socioeconomia e Planejamento Agrícola (Epagri/CEPA). Em 2010 foi convidado para ser secretário de Estado da Agricultura e da Pesca de Santa Catarina, onde permaneceu até 2018. No período de abril e dezembro de 2014 assumiu como titular da pasta. Tem vasta experiência internacional adquirida em seis anos de estudos no exterior e várias missões técnicas a diversos países, particularmente para estudar as cadeias produtivas de leite da Nova Zelândia, Austrália e Uruguai. Estudou Administração Pública na Fundação Getúlio Vargas do Rio de Janeiro, RJ; Fez especialização em Administração Rural pela Universidade Federal de Lavras, em Lavras, MG; Fez mestrado em Ciências Agrícolas na Universidade Lincoln na Nova Zelândia de 1994 a 1996; Fez doutorado na Universidade de Queensland, na Austrália de 1999 a 2003.

Secretaria de Estado de Assistência Social, Trabalho e Habitação: Romanna Remor

É formada em Relações Internacionais com ênfase em política e economia internacional, com mestrado em administração pública. Foi eleita vereadora em Criciúma em 2008 e em 2011 assumiu por um período como deputada federal suplente. Atualmente, exercia atividade empresarial em Palhoça, na Grande Florianópolis.

Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Sustentável: Adenilso Biasus

Natural de Xanxerê, é formado em Direito com especialização em Direito Público. Exerceu o cargo de procurador jurídico de diversos municípios e Câmara de Vereadores da região Oeste. Foi professor universitário na área do Direito Constitucional. Foi eleito vereador de Xanxerê em 2013. Atualmente exercia a advocacia nas áreas pública e privada.

Secretaria de Estado de Infraestrutura: Paulo França

Paulo França é engenheiro civil graduado pela Universidade Regional de Blumenau (FURB) em 1979. Contribuiu na execução do programa de pavimentações de estradas do Pacto Por Santa Catarina e em outras áreas de infraestrutura no âmbito do governo catarinense, especialmente no último ano como adjunto da Infraestrutura e presidente interino do Deinfra. Na atuação profissional destacam-se também: 1975 a 1979 – Escritório de fiscalização do Departamento de Estradas e Rodagem de Santa Catarina (DER); 1980 a 1983 – Diretor de Obras da Prefeitura Municipal de Blumenau; 1983 a 1988 – Secretário Municipal de Obras da Prefeitura de Blumenau; 1997 a 1998 – Diretor de Obras do Departamento de Estradas e Rodagem de Santa Catarina (DER); 2002 a 2003 – Presidente da Eletrosul ; 2003 a 2010 – Secretário de Estado de Desenvolvimento Regional – Blumenau; Junho a Setembro de 2014 – Deputado Estadual Santa Catarina.

*Paulo França também responderá pela presidência do Departamento Estadual de Infraestrutura de Santa Catarina (Deinfra).

Secretaria de Estado de Justiça e Cidadania: Leandro Lima

Leandro Antônio Soares Lima é agente penitenciário desde setembro de 1986. Pedagogo, formado pela Universidade do Vale do Itajaí (Univali), teve publicações científicas na Revista do Observatório Internacional de Educação nas Prisões do Instituto da Unesco para Educação e no I Fórum Internacional de Ações Socioeducativas nas Prisões, tendo sido agraciado com a medalha do Mérito Acadêmico em 2005. Ao longo de sua carreira no Sistema de Justiça e Cidadania de Santa Catarina atuou como Gerente de Apoio Operacional do Hospital de Custódia e Tratamento Psiquiátrico, Gestor da Casa do Albergado de Florianópolis, Diretor da Penitenciária Estadual de Florianópolis, Diretor do Departamento de Administração Prisional de Santa Catarina. Atuava como secretário adjunto de Estado da Justiça e Cidadania.

Secretaria Executiva da Casa Militar: Antônio João de Mello Junior

Antônio João de Mello Júnior é coronel da Polícia Militar de Santa Catarina e bacharel em Direito. Possui especialização em Administração Pública e em Educação Ambiental. Ingressou na Polícia Militar em 1987, atuando no Batalhão de Polícia Militar de Chapecó e também no Batalhão de Polícia Militar Ambiental. Há 10 anos exerce suas atividades na Secretaria Executiva da Casa Militar, sendo que nos últimos sete anos atuou como Ajudante de Ordens do Governador em Exercício, Eduardo Pinho Moreira, o que agregou experiência sobre o funcionamento da Administração Pública catarinense.

Informações adicionais para a imprensa
Francieli Dalpiaz
Assessoria de Imprensa
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: francieli@secom.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-3018 / 98843-5676
Site: www.sc.gov.br 
www.facebook.com/governosc e @GovSC

Mãe de um bebê prematuro de 34 semanas e residente em Otacílio Costa, Joyce Pereira da Silva, 26 anos, usa a Casa Mãe Tereza, em Lages, para ficar mais próxima do filho, internado na UTI Neonatal do Hospital Tereza Ramos (HTR). O espaço está aberto desde o dia 19 de dezembro de 2017 para acolher gestantes, puérperas e bebês da região da Serra Catarinense.



Joyce visita o filho Ryan no HTR a cada três horas para amamentá-lo e, para não precisar se deslocar entre Otacílio Costa e Lages todos os dias, conta com o conforto da Casa Mãe Tereza, onde também participa dos programas de saúde relacionados à maternidade, como a Rede Cegonha. “Não sei como iria fazer se não tivesse a Casa Mãe Tereza para eu ficar. Está sendo bem bom”, avalia.

A sede da Casa Mãe Tereza, em frente ao HTR, foi escolhida por estar localizada estrategicamente em um raio de 500 metros do hospital, como é preconizado pelo Ministério da Saúde. O local é utilizado por gestantes, que necessitam de vigilância frequente das condições de saúde em regime ambulatorial, puérperas (mães em situação de resguardo ou quarentena), e bebês, dos municípios da Serra Catarinense, inclusive, Lages.

Casa Mãe Tereza acolhe gestantes, puérperas e bebês da Serra catarinense

Assim, podem estar próximas ao hospital para realização do parto, ou acompanhar o bebê recém-nascido em casos de internação na UTI Neo Natal e berçário, garantindo também uma amamentação adequada. “O objetivo da casa não é só apoiar as mães, mas também as gestantes que vem para a maternidade quando não está bem na hora do trabalho de parto”, explica a enfermeira obstetra, responsável pela Rede Cegonha no HTR, Maiura Rosa

Vale destacar que a inclusão da gestante, do recém-nascido e das puérperas é feita pelo estabelecimento hospitalar ao qual a gestante ou puérpera está vinculada e também a partir de demanda das Redes de Atenção Básica ou de Atenção Especializada, de acordo com os critérios estabelecidos entre secretarias municipais de saúde e a coordenação da casa Mãe Tereza.

O novo espaço conta com quartos mobiliados com camas e berços, sala de estar, banheiro, lavanderia e uma cozinha disponível para apoio dessas mães. O espaço físico foi totalmente adequado para a prestação do serviço, reforma esta que foi submetida aos trâmites burocráticos, como licitação, e técnicos, como análise de viabilidade de adequação da estrutura para fins assistenciais, em um trabalho da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Lages em parceria com a direção do Hospital Tereza Ramos.

Casa Mãe Tereza acolhe gestantes, puérperas e bebês da Serra catarinense

Uma equipe multiprofissional, já capacitada, faz o monitoramento das gestantes e também atendimento ambulatorial. Esta equipe é composta por coordenadora, enfermeiras obstetras, médicos obstetras, técnicas de enfermagem e zeladoria. “É mais um serviço prestado pelo Hospital Tereza Ramos, com todo o carinho, atenção e cuidado que as nossas mães e gestantes merecem”, completa a diretora do Hospital Tereza Ramos, Beatriz Montemezzo.

Informações adicionais para imprensa
Cristiano Rigo Dalcin
Gerente de Comunicação ADR Lages
(48) 99984-3619/(049) 98839-1727 
imprensa.sdrlages@gmail.com

 


Foto: Antonio Prado / Fesporte

Será lançada oficialmente na quinta-feira, 22, em Caçador, a 58ª edição dos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc). A cerimônia começa às 20h no auditório da Uniarp (Rua Victor Baptista Adami, 800, Centro) com a presença de autoridades, dirigentes esportivos e atletas.

Haverá a apresentação da mascote da competição, uma capivara que representa a fauna da região de Caçador, cujo nome ainda será escolhido por consulta popular entre as crianças da cidade.

Durante a cerimônia, os convidados poderão conhecer o troféu transitório dos Jasc, oferecido ao campeão-geral, e também a logomarca da competição, lançada oficialmente em Caçador em fevereiro.

A etapa estadual dos Jasc ocorre de 6 a 16 de setembro. Será a terceira vez que o maior evento esportivo de Santa Catarina será realizado em solo caçadorense. A primeira vez foi em 1978 e a segunda em 2012. Os Jasc são uma realização do governo de Santa Catarina por intermédio da Fesporte. Na etapa estadual, tem a parceria da prefeitura de Caçador.

Texto Antonio Prado
(48) 9 9696-3045

Informações adicionais para a imprensa
Antônio Prado
Assessoria de Imprensa 
Fundação Catarinense de Esporte - Fesporte
Fone: (48) 3665-6126/ 99696-3045
E-mail: prado@fesporte.sc.gov.br
Site: www.fesporte.sc.gov.br

 



Página 25 de 305