Encontre serviços oferecidos pelo Governo de SC

Reunimos neste site tudo o que o Governo pode fazer por você

Notícias em destaque

Serviços em destaque

Vídeos

Henrique visitando o Helicóptero Águia 4 - 04/04/2017

Henrique visitando o Helicóptero Águia 4 - 04/04/2017


Henrique Ribeiro, de 10 anos, sonhava em conhecer o helicóptero Águia 4, da Polícia Militar de Santa Catarina, em Lages.

Oportunidades

Próximos eventos


Foto: Edinéia Rauta/SED

Para a estudante Nicole Martinez, 17 anos, aluna do terceiro ano do ensino médio da Escola Estadual Jacó Anderle, de Florianópolis, a presença dos pais em sua vida escolar sempre foi constante, desde o pré-primário. Por isso, a participação da mãe neste sábado, 8, na segunda edição do Dia Estadual da Família na Escola, foi mais uma atividade comum na vida dos Martinez. “Se minha mãe não viesse, eu ia me sentir excluída. Ia parecer que aquilo que eu faço não é tão importante”, diz a garota. 

Este sentimento não é apenas da Nicole, prova disso foi a movimentação em mais de mil estabelecimentos de ensino da rede pública estadual e do Sistema S. Durante todo o sábado, pais e outros familiares dos estudantes participaram dos eventos com o objetivo de estimular a participação das famílias na vida escolar dos filhos.

Para o secretário de Estado da Educação, Eduardo Deschamps, o jovem precisa identificar valor em tudo o que faz. “Quando você traz a família para a escola, pelo exemplo, os pais estão demonstrando para o jovem e a criança que o processo educacional é algo muito valoroso e que vai ter muita influência no seu futuro de vida. Essa presença faz com que o jovem comece a identificar isso. Por isso, a importância da participação da família no ambiente escolar, não apenas neste dia”, avalia. 

Buscando atrair os pais e incentivar a participação, as escolas organizaram diferentes atividades para serem desenvolvidas entre família. Passeio ciclístico, ginástica, dança, gincanas esportivas, oficinas, ações para emissão de RG e CPF, esclarecimentos sobre Imposto de Renda e Previdência Social, roda de chimarrão, palestras, apresentações musicais e de teatro, feira do livro, orientações sobre vacinações, aferição de pressão arterial, glicemia, exposição de trabalhos, recreação, revitalização de horta e jardinagem foram algumas delas. 

Para a gerente de Educação de Canoinhas, Maria Celina Murar, “a participação dos pais na vida escolar dos filhos contribui para um aprendizado melhor dentro e fora da escola. Acompanhar de perto seu dia a dia e conhecer mais o ambiente escolar, aproximando a comunidade da escola é fundamental”.

Graziella Haverot, professora de matemática da escola Jaco Anderle, complementa: “A intervenção da família na escola faz com que o aluno se sinta mais seguro no ambiente escolar. A presença dos pais faz com que o trabalho dos professores e da instituição seja mais fácil porque os alunos sentem-se apoiados tanto pela escola quanto pela família”.

Segundo Deschamps, esse movimento da família na escola resulta muito do trabalho de parceria dos catarinenses e da sociedade de abraçar a questão educacional. “O movimento Santa Catarina pela Educação prova que é possível unir setor público, o terceiro setor, a iniciativa privada e a sociedade de maneira geral em prol da melhoria cada vez mais da educação”, diz

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc), Glauco José Côrte, destaca que a família influencia no rendimento escolar dos alunos. “Por isso, estamos fazendo esse movimento e conclamando todos os pais a acompanharem a vida escolar dos filhos. Isso traz resultados muito positivos para o estudante na formação escolar e, mais tarde, como cidadão e como bom profissional”, afirma lembrando que esse entendimento está se disseminando nas escolas do Sesi e do Senai e nas escolas públicas. “Queremos formar bons profissionais, mas também bons cidadãos que se integram na sua comunidade e oferecem uma parte do seu tempo para trabalhos voluntários, além da ética e da responsabilidade social que fazemos questão de discutir e repassar para nossos alunos”, evidencia.

Katiane Martinez, mãe de Nicole, salienta que sempre participou com a filha em todas as atividades. “Estar presente é sinal que amo minha filha, acompanhando o que ela está fazendo, porque, na verdade, o que vamos deixar de herança são os estudos. Então tem que participar. Acompanho os trabalhos de aula, venho direto na escola, converso com diretores e coordenadores”. E a filha, lembrando que o pai também é presente, completa: “É muito bom ter o acompanhamento. Acho que todos os pais deveriam fazer isso”.

Para Ari Rabaiolli, presidente da Fetrancesc, entidade que integra o Movimento Santa Catarina pela Educação, a iniciativa “aproxima e integra pais, educadores, filhos e a direção das escolas. Essas atividades disponíveis pelo Sistema S para com os alunos é de fundamental importância”. 

Bolsa de Estudo

Durante a visita à Escola Estadual Jacó Anderle, Côrte, Deschamps e o presidente da Fundação Esag, Constantino Assis, assinaram termo de cooperação para o fornecimento de bolsas de estudo no Curso Técnico em Automação Industrial do Senai em Florianópolis. Serão 40 bolsas integrais concedidas pela FSAG a estudantes da escola Jacó Anderle, com critério de seleção será pelo índice de carência. As aulas começam nesta segunda-feira, 10. O secretário Eduardo Deschamps destaca que a cooperação é um exemplo da articulação realizada pelo Movimento Santa Catarina pela Educação. "Esse programa de bolsas que foi assinado permite o desenvolvimento educacional dos nossos jovens, unindo esforços entre todos os atores da sociedade”, declarou.

Informações adicionais para a imprensa
Edinéia Rauta
Assessoria de Imprensa SED
Secretaria de Estado da Educação  - SED
E-mail: edineiarauta@sed.sc.gov.br
Fone: (48) 3664-0353 / 3664-0161 / 3664-0356 / 98843-5084
Site: www.sed.sc.gov.br


Foto: Defesa Civil

A Secretaria de Estado da Defesa Civil concluiu a certificação do radar que vai cobrir o Extremo-Sul de SC. O trabalho foi realizado na fábrica do aparelho nos EUA. Nesta segunda-feira, 10, o grupo composto pelo gerente de Monitoramento e Alerta, Frederico Rudorff; gerente de Tecnologia e Informação Rafael Damiani; diretora Administrativa Financeira, Adriana Dorfey; e o secretário Rodrigo Moratelli, estará de volta a Santa Catarina.

>>> Confira mais fotos

Eles estiveram na empresa norte-americana fazendo testes de aceitação em fábrica. O aparelho ficará em Araranguá, no mesmo espaço do Centro Integrado de Gerenciamento de Riscos e Desastres Regional.

O secretário Rodrigo Moratelli explica que foram verificados os itens estruturais do reboque e adequação à legislação brasileira, de acordo com o Termo de Referência; geração de energia; estrutura e procedimentos de manutenção da antena e do gabinete de dados; conferência das peças sobressalentes; e análise do software de operação do radar.

"Foram apontados itens para adequação antes do envio do radar para Santa Catarina, o que deve ser finalizado em menos de um mês. Também será instalado um sistema de climatização redundante para garantir a segurança do equipamento", disse Moratelli.

O secretário afirma ainda que, além da parte técnica, foram ajustados os procedimentos para a importação a fim de evitar problemas e garantir o prazo estipulado em contrato. "O objetivo é garantir o cumprimento das especificações técnicas, a estabilidade e a qualidade do produto. Tudo isso para que a equipe de meteorologia e especialistas em desastres possa utilizar da melhor forma os dados gerados pelo aparelho. Toda essa estrutura de radares em SC é para tornar nosso Estado mais seguro e adequado aos padrões internacionais", afirma Moratelli.  

Operação do Radar Sul

Depois que o radar Sul estiver pronto para operar, será feito o treinamento de operação com as equipes de meteorologia e especialistas em desastres. Após o treinamento, será realizada a operação assistida por mais 30 dias.

O investimento do governo do Estado, através da Secretaria de Estado da Defesa Civil, é de R$ 3.401.222,00. Os recursos são do Pacto por SC, financiados pelo Banco do Brasil.

Radares banda X operam com comprimentos de onda entre 2,5-4 cm e frequência entre 8-12 GHz. O gerente de Monitoramento e Alerta, Frederico Rudorff, explica que por ter comprimento de onda menor, os radares banda X são mais sensíveis e podem detectar partículas menores. "Esses radares são frequentemente utilizados para pesquisa e apresentam melhor desempenho para detectar precipitação leve e neve. Por serem menores e mais leves, podem ser fabricados como unidades transportáveis, como é o caso deste radar que está sendo adquirido", esclarece. O alcance do radar banda X é entre 100km e 150km. Ele vai cobrir cerca de 52 municípios.

O radar está numa carreta de 2,63m de largura e 5,64m de comprimento. A altura da base até o topo da radome (que protege a antena) é de 3,50m. Ele é rebocado por uma caminhonete. 

Informações adicionais para a imprensa
Cleiton Ferrasso
Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado da Defesa Civil
Fone: (48) 3664-7009 / 99185-3889
E-mail: defesacivilsc@gmail.com
Site: www.defesacivil.sc.gov.br

 


Foto: Jeferson Baldo/GVG

No Oeste do Estado, nesta quinta-feira, 6, o vice-governador Eduardo Pinho Moreira garantiu recursos para auxiliar a reconstrução de uma fábrica de móveis de Sul Brasil e inaugurou obras do Fundo de Apoio aos Municípios (Fundam) em Modelo. O primeiro ato foi em Sul Brasil durante a tarde. No município, o vice-governador visitou a fábrica Meneghetti, que foi destruída por um incêndio.

>>>Mais fotos de Sul Brasil 

Eduardo Pinho viu os estragos e garantiu o repasse de R$ 1 milhão, via Agência de Desenvolvimento Regional de Maravilha, para a reconstrução da fábrica, que representa mais de 50% da economia do município. "Não podemos deixar de ser parceiros dessa causa. Com esse recurso, a indústria vai conseguir manter todos os 155 funcionários que aguardam para retornar ao trabalho, e garantir o salário para o sustento de 155 famílias", disse o vice-governador.

>>>Mais fotos de Modelo

Em seguida, Eduardo Moreira seguiu para Modelo, onde foram investidos mais de R$ 149 mil em obras via Fundam. No município, foram entregues duas quadras de areia, dos bairros de Palmeira e Alvorada. áreas de convivência com instalação de parques infantis nos bairros de Palmeiras, Alvorada e Primavera, além da sede do Estádio Municipal (veteranos) na linha Janguta e academia de ginástica ao ar livre, próximo à Unidade de Saúde. “Hoje fiquei feliz em percorrer a cidade na companhia do prefeito Ricardo Maldaner, e conferir de perto as obras e verificar a boa aplicação dos recursos públicos", destacou Eduardo Moreira.

Mais informações para a imprensa
Sabryna Sartott
Assessoria do Gabinete do Vice-Governador
E-mail: sabrynasartott@gmail.com
Fone: (48) 3665-2283 / 99138-8722
Site: www.sc.gov.br


Foto: Secretaria de Estado da Infraestrutura

O secretário de Estado da Infraestrutura, Luiz Fernando Vampiro, acompanhado do secretário executivo da ADR Taió, Jardel Fronza e da prefeita de Salete, Solange Aparecida Bitencourt Schlichting, assinou nesta quinta-feira, 6, a ordem de serviço para recuperação de trechos da SC-114, que liga Salete a Taió. O investimento do Governo do Estado será de R$ 1,2 milhão. A empresa vencedora da licitação é a LZK Construtora, de Pouso Redondo.

Conforme o secretário Jardel Fronza, os trechos danificados da rodovia vão receber melhorias. “São três pontos que serão recuperados e que vão oferecer segurança aos motoristas. A assinatura da ordem de serviço foi uma conquista conjunta da ADR, prefeitura, vereadores e deputados”, destacou.  

Estavam também presentes no ato o vice-prefeito Adroaldo Brocardo; o vereador Genoir Kniss; o deputado estadual Mauricio Escudlarck e o deputado federal Jorginho Mello. 

Informações adicionais:
Estela Stange Purnhagen
Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional de Taió
E-mail: informacao@tao.sdr.sc.gov.br
Telefone: (49) 98801-6642


Fotos: Jeferson Baldo/GVG

>>> Confira a galeria de fotos

Foi inaugurada no município de Galvão, na tarde desta quinta-feira, 6, a nova Estação de Tratamento de Água da Casan. A solenidade foi realizada no próprio local onde funciona a Estação de Tratamento e contou com a presença do vice-governador Eduardo Pinho Moreira, do presidente da Casan, Valter Gallina e demais lideranças.

Página 10 de 18