Encontre serviços oferecidos pelo Governo de SC

Reunimos neste site tudo o que o Governo pode fazer por você

Notícias em destaque

Serviços em destaque

Vídeos

Com a Palavra, o Governador - 13 de outubro de 2017

Com a Palavra, o Governador - 13 de outubro de 2017

No programa "Com a Palavra, o Governador", Raimundo Colombo fala sobre a entrega da SC-157 no Oeste do estado, do primeiro mês da nova rota internacional no Porto de Imbituba, da operação de transferência de carga da Ponte Hercílio Luz e sobre a Jucesc Digital.


Oportunidades

Próximos eventos


Fotos: Ana Paula Keller / ADR Joinville 

A inauguração dos 13 novos leitos de UTI Neonatal no Hospital Infantil Dr. Jeser Amarante Faria e a entrega da cobertura e melhorias na infraestrutura da Maternidade Darcy Vargas estão confirmadas para a última quinzena do mês de novembro. O anúncio foi feito pelo secretário de Estado da Saúde, Vicente Caropreso, nesta sexta-feira, 29, em Joinville. Acompanhado da secretária executiva da Agência de Desenvolvimento Regional de Joinville, Simone Schramm, Caropreso acompanhou as obras em ambas as unidades de saúde.


Foto: Jaqueline Noceti / Secom

A abertura de 6,1 mil novas vagas de emprego em agosto, conforme o Caged, foi um dos temas do programa Com a Palavra, o Governador desta sexta-feira, 29. Raimundo Colombo informou que o Estado só ficou atrás de São Paulo na geração de emprego, no período. “Esses números sugerem várias leituras, uma delas, é que há um sinal de melhora da atividade econômica como um todo. E o emprego é um dos indicadores mais valiosos e humanos dessa retomada”, disse o governador na abertura da entrevista. A próxima etapa de transferência de carga na ponte Hercílio Luz e o novo modelo de atendimento dos serviços de emergência pelo Corpo de Bombeiros e Samu foram os outros assuntos do semanal.


Foto de arquivo / Secom

Mais uma boa notícia para o agronegócio catarinense. A Agência de Inspeção Sanitária e Quarentena (QIA) da Coreia do Sul publicou a lista de empresas catarinenses habilitadas a exportar carne suína para o país. Inicialmente são três plantas autorizadas, sendo as únicas em todo o Brasil: BRF de Campos Novos, Aurora Alimentos de Chapecó e Pamplona Alimentos de Presidente Getúlio. A expectativa é de que Santa Catarina venda pelo menos 30 mil toneladas de carne suína por ano para a Coreia do Sul.

O governador Raimundo Colombo comemorou a notícia, lembrando que a Coreia é o quarto importador de carne suínda do mundo, sendo um grande cliente para Santa Catarina. Para ele, a conquista é a realização de um sonho. "Se transforma em emprego, em desenvolvimento, em valorização do nosso trabalho, da nossa produção. Isso é tudo que a gente queria", ressaltou. Colombo ainda lembrou o caminho percorrido para se ter esse mercado aberto, com muita negociação e conversa. 

A Coreia tem 50 milhões de consumidores. O secretário da Agricultura e da Pesca, Moacir Sopelsa, também destaca a longa jornada para essa conquista. “As negociações com a Coreia do Sul acontecem há 10 anos e o nosso status sanitário diferenciado fez toda a diferença nesse processo. Hoje somos uma referência em sanidade animal e isso abre portas para os mercados mais competitivos do mundo”.

Desde 2016, o Governo de Santa Catarina estreitou os laços com a Coreia do Sul para agilizar as exportações de carne suína. Tanto que em julho, uma comitiva catarinense, liderada pelo governador Raimundo Colombo, visitou o país e iniciou as tratativas que resultaram na habilitação de três frigoríficos catarinenses.

“Essa é uma conquista do Estado de Santa Catarina, mas, principalmente, dos produtores rurais. A parceria formada entre Governo do Estado, produtores e iniciativa privada foi fundamental para que chegássemos onde estamos hoje. A busca pela excelência sanitária está gerando frutos, trazendo mais riquezas para o nosso Estado e mostrando toda a força do agronegócio catarinense”, ressalta Moacir Sopelsa.

Suinocultura em SC

Santa Catarina é o único estado brasileiro livre de febre aftosa sem vacinação e também livre de peste suína clássica, com certificados da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE), status sanitário diferenciado que foi um fator decisivo para a abertura de novos mercados.

O Estado é o maior produtor e exportador nacional de carne suína do país. São cerca de 13 mil criadores integrados às agroindústrias e independentes, que produziram, em 2016, 969 mil toneladas de carne suína. Com um rebanho efetivo estimado em sete milhões de cabeças, o estado destina 28,3% da produção ao mercado externo.

Informações adicionais:
Ana Ceron
Assessoria de Imprensa
Secretaria de Estado da Agricultura e da Pesca
imprensa@agricultura.sc.gov.br
Fone: (48)-3664-4417/ (48) 98843-4996
Site: www.agricultura.sc.gov.br
www.facebook.com/AgriculturaePescaSC/


Fotos: Julio Cavalheiro / Secom

O governador Raimundo Colombo e o vice Eduardo Pinho Moreira reuniram nesta sexta-feira, 29, no Teatro Pedro Ivo, anexo à sede do Governo do Estado, em Florianópolis, servidores estaduais para compartilhar a conquista de Santa Catarina na segunda posição no Ranking de Competitividade dos Estado de 2017.

“Foi muito bom partilhar com toda a equipe de governo e com cada um dos servidores, mostrando que quando há uma equipe, e a direção é superar resultados e vencer desafios, a gente consegue. Os números realmente são bons e o atestado disso é a documentação feita por institutos idôneos e que mostram o que é exatamente. Santa Catarina conseguiu se superar e está vencendo a crise. É importante que a equipe continue motivada e trabalhando junto. Esse foi o objetivo dessa reunião”, disse colombo.

O secretário de Estado da Comunicação de Santa Catarina, João Debiasi, abriu a cerimônia falando do prêmio excelência em competitividade no destaque internacional. Apresentou um resumo do Ranking, onde Santa Catarina subiu o posto para segunda posição ficando atrás de São Paulo e do prêmio de Destaque Internacional. A avaliação é realizada pelo Centro de Liderança Pública (CLP) desde 2011, quando SC estava em 7º lugar.



>>> Mais imagens na galeria

“Esse prêmio mostra claramente e por instituições isentas de qualquer coisa, que é por isso que o nosso Estado foi o último a entrar​ na crise e o primeiro a sair. Comprova uma série de políticas públicas que têm sido implantadas ao longo dos anos, que traz bom desempenho de Santa Catarina. Somos o segundo mais competitivo do Brasil e quando comparado nosso índices com países desenvolvidos de primeiro mundo, nós vencemos e estamos acima de vários outros”, explicou Debiasi.

Na reunião, o governador e o vice homenagearam a servidora da Secretaria de Estado da Educação, Sofia Maria Berka Scheidt, com o troféu Destaque Internacional recebido em São Paulo durante a premiação do Ranking de Competitividade dos Estado. “Esse é um trabalho de longos anos, não é de um governo e sim do Estado. Não foi feito por uma pessoa, mas por todos nós e gostaria de entregar esse troféu para alguém que represente todos. Foi aí que escolhemos a servidora com mais tempo trabalhando no governo que, simbolicamente e justamente, seria a pessoa que deveria deter esse troféu. Está há mais de 50 anos sem licença e sem pensar em se aposentar”, explicou Colombo.

“Um gesto importante de dividir com todos os servidores pelo menos aqueles que nos ajudam a fazer com que Santa Catarina seja ainda mais competitivo e tenha indicadores sociais, econômicos e extremamente significativos a nível do Brasil. A final de contas ficamos atrás apenas de São Paulo. Isso é muito importante para o futuro de Santa Catarina”, disse o vice-governador.

Transmissão de cargo

Na ocasião o governador Raimundo Colombo entregou ao vice um presente de casamento e em seguida realizou a transmissão de cargo de chefe do poder executivo, devido a uma viagem ao exterior até a próxima semana.

Informações adicionais para a imprensa:
Rafael Vieira de Araújo 
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: rafael@secom.sc.gov.br  
Telefone: (48)  3665-3018 / 99116-8992
Site: www.sc.gov.br
www.facebook.com/governosc e @GovSC


Fotos: James Tavares/Secom

Representantes de diferentes órgãos do Governo do Estado e da Prefeitura de Florianópolis estiveram reunidos na manhã desta sexta-feira, 29, para tratar dos detalhes da próxima etapa da transferência de carga da Ponte Hercílio Luz. O plano de contingenciamento está em fase de conclusão e será apresentado oficialmente ao governador Raimundo Colombo na próxima quarta-feira, 4. A mobilização para a operação de transferência de carga tem início programado para a sexta-feira, 6, a partir das 22h.

>>> Galeria de fotos

“As diferentes reuniões realizadas, envolvendo tantos órgãos, demonstram a responsabilidade de todos os envolvidos. Essa é uma etapa importantíssima, que foi construída ao longo do tempo e que vai resultar na transferência total da carga da Ponte Hercílio Luz, procedimento essencial para darmos continuidade às próximas etapas da restauração”, afirmou o presidente do Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra), Wanderley Agostini, que acompanhou o encontro. Participaram também representantes de órgãos como Defesa Civil, Marinha, Polícia Militar e Guarda Municipal.

A nova operação dá continuidade ao trabalho iniciado em fevereiro deste ano, quando foram transferidos inicialmente cerca de 20% da carga da ponte (com deslocamento de cerca de dez centímetros) entre a noite do dia 11 e a madrugada do dia 12 de fevereiro. O procedimento é necessário para que o peso da obra original seja depositado gradativamente na estrutura provisória construída abaixo da ponte exclusivamente para a realização da restauração.

Agora os 80% restantes serão transferidos ao longo de quatro novas operações, realizadas sempre à noite, para evitar influências térmicas. A primeira delas será no dia 6 e as outras três serão também no início de outubro, mas não necessariamente em dias consecutivos. A previsão é concluir tudo dentro de 15 dias. Em cada operação, ocorrerá um novo deslocamento de cerca de dez centímetros da estrutura da ponte, até completar um total de 40 centímetros. Após cada novo deslocamento concluído, será realizado um completo trabalho monitoramento antes de liberar a operação seguinte. Junto ao procedimento de fevereiro, o deslocamento completo após as quatro novas operações somará 50 centímetros.

O presidente do Deinfra ressalta que diferentemente do que ocorreu no procedimento realizado em fevereiro, agora não será mais necessário fechar o trânsito para veículos nas rodovias abaixo da ponte nem fazer o deslocamento de moradores da região. “O que será proibida é a navegação abaixo do vão central, desde algumas horas antes de iniciarmos cada operação até a manhã do dia seguinte”, explicou Wanderley Agostini.

O engenheiro fiscal da obra, Wenceslau Diotallévy, destacou que um sistema de monitoramento online vai mapear em tempo real 200 pontos ao longo da estrutura da ponte, emitindo alertas em caso de qualquer variação imprevista e controlando os níveis de tensão nas diferentes peças da ponte. Foi montado um cronograma de alertas, dividido em quatro cores, para orientar todas as equipes envolvidas.

O primeiro sinal é a cor verde, que representa que tudo está operando dentro do previsto. O segundo é a cor amarela, que indica algum imprevisto e faz com que o trabalho seja interrompido. O terceiro é a cor laranja, que indica que todos os órgãos envolvidos no plano de contingenciamento devem enviar representantes para o local de trabalho. E, por fim, o sinal na cor vermelho, que se acionado fará com que, apenas neste caso, o trânsito seja interrompido nas rodovias abaixo da ponte e moradores as áreas mais próximas da estrutura, já previamente identificados e notificados, sejam deslocados. A data da transferência poderá ser alterada em caso de previsão de chuvas ou ventos fortes.

Após concluídas as quatro novas operações de transferência de carga, a equipe da Teixeira Duarte, empresa responsável por este último ciclo de obras, fará o trabalho de desmontagem da atual estrutura, que vai abranger a remoção das barras de olhal e o abaixamento do tabuleiro do vão central, para então trabalhar na montagem da nova estrutura.

Informações adicionais para a imprensa:
Alexandre Lenzi
Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: lenzi@secom.sc.gov.br
Telefone: (48) 3665-3018 / 98843-4350
Site: www.sc.gov.br
www.facebook.com/governosc e @GovSC

Página 14 de 165