Encontre serviços oferecidos pelo Governo de SC

Reunimos neste site tudo o que o Governo pode fazer por você

Notícias em destaque

Serviços em destaque

Vídeos

Medalha Zilda Arns

Medalha Zilda Arns

A medalha Zilda Arns é uma justa homenagem a quem dedica a vida para fazer o bem às pessoas. Nesta semana, o governador Eduardo Pinho Moreira entregou o título ao médium Divaldo Pereira Franco. Homem que desenvolveu um belíssimo trabalho caritativo, fruto da vontade de servir o próximo.

Oportunidades

Próximos eventos


Fotos: Júlio Cancelier/Sec. Infraestrutura

Com 96% da obra executada, o Governo do Estado pretende liberar em breve o primeiro trecho do acesso ao Sul da Ilha, que vai do Rio Fazendinha à entrada do novo terminal de passageiros do Aeroporto Hercílio Luz, em Florianópolis.

Para concluir este trecho, faltam pintura das pistas, sinalização e acabamentos. Além de melhorar a mobilidade na região, a abertura do acesso vai facilitar o transporte de materiais para a construção do novo terminal do aeroporto.

>>> Galeria de fotos

Em visita às obras nesta segunda-feira, 26, o secretário de Estado da Infraestrutura, Paulo França, e o engenheiro do Deinfra responsável pela obra, Cléo Quaresma, constataram que as duas pistas, acostamento, ciclovia, interseções e os passeios estão praticamente concluídos no chamado lote 02-A (acesso ao novo aeroporto).

O eixo principal deste lote é de 3,78 quilômetros. No momento, estão em execução os serviços de drenagem e obras complementares. A capa asfáltica está concluída em todo o trecho implantado.

Lote 01-A

Com relação ao chamado lote 01-A, que começa na interseção da SC-405 (Trevo da Seta) e vai até o acesso ao Bairro Carianos (Estádio da Ressacada), o secretário avalia que a obra também avança no que se refere à pavimentação, ciclovias, calçadas e sinalização, mas falta desapropriar alguns terrenos.

O lote 01-A está em plena execução: 90,10% da terraplenagem e 88,40% da pavimentação. Entre a nova ponte do Rio Tavares até a intercessão de acesso ao Bairro Carianos, já foram concluídos os serviços referente à primeira camada de capa asfáltica. No momento, estão em execução os serviços de drenagem e as obras complementares.

As obras complementares neste trecho também estão dentro do cronograma previsto, com a restauração e prolongamento da ponte existente sobre o Rio Tavares. Foram cravadas 34 estacas metálicas das 38 previstas e colocados os blocos e apoios centrais. Neste mês de março, 51% desta obra está concluída.

Também neste trecho, está sendo construído o Viaduto de Carianos, obra iniciada em janeiro de 2015, a um custo de R$ 4.928.124,17. Estão em execução os serviços de cravação de estacas, vigas longarinas, pré-lages e blocos de fundação. De acordo com as últimas medições, a obra está com mais de 67% do cronograma executado.

Lote 01-B

O desafio final para a entrega completa da obra é o chamado Lote 01-B, que liga os dois trechos atualmente em execução, do Viaduto Carianos até o Rio Fazendinha. A obra está sendo licitada depois de receber a licença do Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA), com condicionantes apresentadas pelo Instituto Chico Mendes de Biodiversidade (ICMBio).

As obras de implantação, pavimentação e duplicação do novo acesso ao Sul da Ilha de Santa Catarina e ao novo terminal de passageiros do Aeroporto Hercílio Luz tiveram início em 13 de agosto de 2015. Essencial para a operação do novo terminal, a sua conclusão irá beneficiar todo o Sul da Ilha, configurando uma nova via de acesso. “É uma conquista coletiva porque é uma obra vital para o Sul da Ilha de Santa Catarina e também para quem chega e sai de Santa Catarina, com um novo terminal mais confortável”, salientou o governador Eduardo Pinho Moreira.

“Estima-se que até 60% do tráfego do Sul da Ilha irá utilizar este novo acesso, desafogando vias atualmente congestionadas, o que irá resultar em melhoria para a mobilidade urbana e condições para ampliação do turismo”, acrescentou o secretário Paulo França.

Nesta quarta-feira, 28, a Secretaria de Estado da Infraestrutura recebe para uma reunião, às 14h, no auditório do Deinfra, os representantes da Anac, ICMBio e do Programa de Parcerias de Investimentos do Governo Federal, com o objetivo de apresentar os trabalhos que estão sendo executados pelo governo catarinense. Também participa da reunião a Zurique Airport. A seguir, a comitiva fará uma vistoria às obras de construção do novo acesso.

Mais informações para a imprensa:
Júlio Cancellier
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Infraestrutura
Fone: (48) 3664-2008 / 99641-0037


Fotos: Jeferson Baldo / Secom

Para entender as reais necessidades do Estado para o futuro, o Governo, por meio da secretaria de Planejamento (SPG), lançou o Plano de Desenvolvimento Estratégico Santa Catarina 2030. O estudo reuniu mais de duas mil pessoas entre especialistas, representantes regionais e professores da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), para ouvir a sociedade e construir um modelo de expansão sustentável apoiado em políticas públicas eficientes. O documento foi apresentado ao governador Eduardo Pinho Moreira na tarde desta segunda-feira, 26, em evento no Centro Integrado de Cultura (CIC), em Florianópolis.

“Vou ler todo o documento e me inteirar do conteúdo para opinar de forma consciente e consistente. O Estado tem que ser o comandante deste processo e dar condições para que Santa Catarina se desenvolva e continue dando bom exemplo para todo o país”, garantiu o governador.

ESTUDO VEM EM MOMENTO IMPORTANTE



>>> Mais fotos na galeria

Moreira destacou a relevância do estudo, exatamente num momento em que, segundo ele, desafios são impostos todos os dias. “Vivenciamos um período de muitas dificuldades, a crise econômica recente, naturalmente, provocou uma lentidão no desenvolvimento e tem nos exigido muita responsabilidade nas ações e nas decisões para retomar o crescimento”. Moreira afirmou também que a força de trabalho e a capacidade de empreender do povo catarinense fez com que Santa Catarina enfrentasse a crise com vigor, apresentando bons resultados, como na geração de empregos, por exemplo. O governador citou que, em 2017, Santa Catarina foi o Estado brasileiro que mais abriu vagas de trabalho em termos absolutos.

“É isso que nos faz acreditar em um Estado cada vez melhor. Nossa gente é merecedora do nosso esforço em eliminar o desperdício e oferecer qualidade e eficiência nos serviços que prestamos”, enfatizou Moreira.

SANTA CATARINA 2030

Capitaneado pela secretaria de Estado do Planejamento, o documento, com base na capacidade de produzir indicadores econômicos e sociais diferenciados, definiu como estratégia: “Descolar do Brasil e aderir ao mundo”. A meta é chegar em 2030 com índices de desenvolvimento próximos aos de países de primeiro mundo. A construção deste caminho terá como base investimentos em inovação, diminuição das desigualdades, fortalecimento de eixos logísticos (melhorias dos sistemas de escoamento de produção, distribuição de energia elétrica, utilização de internet, entre outros) e a formulação de um novo modelo de governança pública com foco em eficiência e transparência. Sustentabilidade financeira e ambiental também estão no eixo estratégico de construção do plano.

“Temos uma meta desafiadora, mas temos os mecanismos que podem apontar a melhor direção na busca de um cenário viável e promissor”, apontou o secretário de Estado, Paulo Eli, que além da Fazenda, assumiu a SPG. “Este estudo vai nos ajudar a organizar o caminho e tomar as decisões mais corretas”, completou.

Informações adicionais para a imprensa
Francieli Dalpiaz 
Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: francieli@secom.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-3018 / 98843-5676
Site: www.sc.gov.br
www.facebook.com/governosc e @GovSC


Foto: Divulgação / SAR

O Estado, referência em defesa agropecuária, comemora mais uma conquista no setor e se torna o primeiro do mundo a ter um projeto de compartimentação da avicultura de corte. O sistema implantado na unidade da Seara Alimentos em Itapiranga é resultado de 11 anos de trabalho do Governo do Estado, Ministério da Agricultura e iniciativa privada. A compartimentação funciona mapeando e isolando os aviários e frigoríficos, como um sistema fechado, onde as aves circulam apenas por uma determindada área geográfica, dando garantia de sanidade animal e mais segurança alimentar. O certificado reconhecendo o trabalho catarinense foi entregue nesta segunda-feira, 26, em Florianópolis, pelo Ministério da Agricultura.

No sistema de produção fechado da Seara Alimentos de Itapiranga, os ovos, os pintainhos, o abate e os caminhões de ração devem circular dentro de um limite territorial. O frango precisa nascer, se desenvolver e ser abatido dentro de uma unidade geográfica – neste caso, em 28 municípios do Extremo-Oeste catarinense. A intenção é reduzir o risco de introdução de doenças, aumentando o controle de qualidade.

>>> Ouça a entrevista da Rádio Secom sobre o assunto


Fotos: Divulgação / SES

O Governo do Estado de Santa Catarina e a Secretaria de Estado da Saúde (SES) começaram a entregar nesta segunda-feira, 26, 150 cadeiras de rodas para pacientes do Centro Catarinense de Reabilitação (CCR) em Florianópolis. O primeiro lote, de 75 unidades, foi entregue pelo secretário de Estado da Saúde, Acélio Casagrande, e pelo adjunto, Marcelo Lemos dos Reis. O próximo lote, com 75 cadeiras personalizadas, será entregue aos pacientes na manhã desta terça-feira, 27, também no CCR, no Bairro Agronômica.

As cadeiras, personalizadas para as necessidades de cada um dos pacientes, representaram um investimento de R$ 900 mil e, de acordo com a gerente do Centro Catarinense de Reabilitação, Cristiane Lima Carqueja, significam uma conquista para o setor, que atendeu à demanda com pacientes de diversas regiões do Estado.


Fotos: Ricardo Lunge/ADR Blumenau

O novo Ambulatório Geral (AG) Marilene Giacomet de Aguiar, localizado na Rua Norberto Seara Heusi, foi inaugurado nesta segunda, 26, no Bairro Escola Agrícola em Blumenau. O secretário executivo regional da ADR Blumenau, Emerson Antunes, representou o governador Eduardo Pinho Moreira na solenidade. Emerson destacou os investimentos do Governo do Estado em Blumenau. “Este novo ambulatório é mais um sinal dos investimentos em relação à saúde da população e mostra o comprometimento do Estado. Além desta estrutura, serão entregues mais três grandes obras para a população com recursos do Governo do Estado, que, somados, os investimentos chegam a R$ 12 milhões somente na área da saúde no município", explicou.

Novo Ambulatório Geral é entregue em Blumenau

Com investimentos de R$ 1 milhão do Governo do Estado e contrapartida de R$ 436 mil do município, a nova unidade de saúde tem uma área total de 708 metros quadrados, aumentando em 80% a área do imóvel em relação ao atual.

A unidade é composta por 12 consultórios, sendo sete de clínico geral, dois de ginecologia, um de psicologia e dois odontológicos, além de salas de atendimento, farmácia e pequenos procedimentos.

O Ambulatório Geral da Escola Agrícola está em funcionamento desde 2003 e atende em média 30 mil pessoas por mês. Devido a este alto número de atendimentos, a construção de uma nova unidade tem grande importância para a região Norte de Blumenau.

Novo Ambulatório Geral é entregue em Blumenau

Informações adicionais para a imprensa:
Ricardo Lunge
Assessoria de Imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Blumenau
E-mail: imprensa@bnu.adr.sc.gov.br
Telefone: (47) 3378-8175 / 99232-6300
Site: sc.gov.br/regionais/blumenau

Página 17 de 304