Convênios Apaes
Foto: Gisele Vizzotto/ADR São Miguel do Oeste

Representantes das Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apaes) de São Miguel do Oeste, Descanso e Guaraciaba, estiveram nesta quarta-feira, 16, na Agência de Desenvolvimento Regional de São Miguel do Oeste para a renovação dos convênios técnico-pedagógicos com a Fundação Catarinense de Educação Especial (FCEE).

Com a assinatura dos documentos, a fundação cede professores do seu quadro do magistério e Admitidos em Caráter Temporário (ACTs) para exercerem atividades nas instituições. Os professores, cedidos e remunerados pelo Governo do Estado, são disponibilizados de acordo com o número de alunos atendidos por Apae.

“Sabemos da importância dos trabalhos prestados pelas Apaes e, nós, como Agência Regional, temos a função de prestar apoio a estas entidades para a prestação de contas, repasse dos recursos e andamento dos convênios de cooperação. A escolha dos professores ACTs é feita aqui, pela Gerência de Educação, seguindo o edital da Secretaria de Educação”, afirma o secretário executivo Volmir Giumbelli.

O Governo de Santa Catarina investiu, em 2016, mais de R$ 230 milhões em educação especial, tornando-se, segundo dados do Ministério da Educação, o Estado do Brasil que mais aplica recursos nesta área, atingindo uma média de R$ 1 mil investidos por aluno/mês, enquanto a média nacional é de apenas R$ 380.

Professores para a Educação Especial

Em toda Santa Catarina, o Governo do Estado, por meio da FCEE, investiu, este ano, R$ 186 milhões para a contratação de professores em 188 Apaes e 36 instituições congêneres, beneficiando mais de 20 mil alunos.

A Associação Caminho Alternativo, de São Miguel do Oeste, tem disponível 440 horas de professor de Educação Especial, 40 horas de direção, 40 horas de secretaria, 40 horas de orientação pedagógica, 37 horas de Educação Física, 30 horas de informática educativa e 42 horas de professor de artes.

A Apae Maurício Dalla Vecchia, de Descanso, assinou o convênio para 220 horas de professor de Educação Especial, 20 horas de direção, 20 horas de secretaria, 20 horas de orientação pedagógica, 25 horas de Educação Física, 15 horas de informática educativa e 25 horas de professor de artes.

A entidade Sonho Meu, de Guaraciaba tem a cooperação para 140 horas de professor de Educação Especial, 20 horas de direção, 20 horas de secretaria, 20 horas de orientação pedagógica, 20 horas de Educação Física, 15 horas de informática educativa e 21 horas de professor de artes.

Além do secretário executivo, participaram da assinatura o integrador educacional Roberto Carlos Marangoni, as presidentes de São Miguel do Oeste, Ivani Maria Costa Curta; de Descanso, Odete Maria Baseski; e de Guaraciaba, Maria Zanette Palú. Diretores e outros profissionais também estiveram presentes.

Informações adicionais para a imprensa
Gisele Vizzotto
Assessoria de Imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de São Miguel do Oeste
E-mail: imprensa@sge.adr.sc.gov.br
Telefone: (49) 3631-2901 / 98837-7422 / 98801-4797
sc.gov.br/regionais/saomigueldooeste

Seminário de inclusão de alunos com eficiência no ensino regular e especial
Foto: Gisele Vizzotto/Regional de São Miguel do Oeste

Mais de 650 profissionais da rede regular e especial de ensino participaram nesta segunda-feira, 14, no Clube Comercial de São Miguel do Oeste, do Seminário Práticas Pedagógicas para Inclusão da Pessoa com Deficiência. O evento foi promovido pela Assembleia Legislativa, por meio da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência e da Escola do Legislativo, com o apoio da Agência de Desenvolvimento Regional de São Miguel do Oeste e Apaes de Guaraciaba, Dionísio Cerqueira e São Miguel do Oeste.

>>>Mais imagens na galeria

Presente na abertura do seminário, o presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência e deputado estadual, José Nei Alberton Ascari, destacou a importância do Parlamento Catarinense em ações que levam o conhecimento aos profissionais que atuam com as pessoas com deficiência e ressaltou o trabalho desenvolvido pela Comissão que desenvolve ações de parceria em diversas regiões do Estado.

O deputado lembrou a Lei 17.172/2017, de sua autoria, que assegura o repasse mínimo de recursos do Fundo Social para as Apaes. “As Associações têm sofrido com a queda na arrecadação, o que resultou em repasses que podem comprometer as atividades nas escolas especiais”, alertou o parlamentar. Com o projeto, o repasse anual não poderá ser inferior à média dos anos de 2014, 2015 e 2016, o que equivale a aproximadamente R$ 27 milhões, em valores atuais.

O secretário executivo da Agência Regional de São Miguel do Oeste, Volmir José Glumbelli, destacou a importância do trabalho desenvolvido pelos professores e pelas instituições de educação especial da região. Finalizou sua fala destacando o auxílio para as Apaes realizado pelas ADRs quanto à prestação de contas do repasse do Fundo Social. “Este é apenas um dos serviços que fortalecem a permanência das ADRs no Estado, pois elas aproximam o Governo do cidadão”, disse.

“Temos que estar abertos às mudanças e quebra de paradigmas, diariamente”, destacou o prefeito municipal de São Miguel do Oeste, Wilson Trevisan, que agradeceu a parceria com a Assembleia Legislativa, Comissão e Escola do Legislativo na realização de eventos que levam o conhecimento aos profissionais da educação especial.

Durante a abertura do evento, o radialista, Alan Galina, tocou e cantou para o público. O adolescente é deficiente visual e contou sua história para os participantes. “Eu sou muito feliz e não reclamo da minha vida”, disse.

Palestras

Foram abordadas diversas temáticas sobre a inclusão da pessoa com deficiência na rede regular de ensino e em instituições especializadas de educação especial. Todas envolveram políticas públicas estaduais e federais. A pedagoga Edite Sehnem, destacou os principais pontos da Lei que dispõe sobre o Programa Pedagógico no âmbito do Estado de Santa Catarina e abordou de forma reflexiva o papel do segundo professor de turma e o que significa bidocência.

A organização do aluno no ambiente escolar, a avaliação diferenciada, e a adaptação curricular foram os temas abordados pela pedagoga Marisa Mello, que ressaltou que avaliar não é apenas dar notas. “Apesar de precisarmos cumprir com as normas legais da educação, as notas podem ser dadas a essas crianças de acordo com seu desempenho. Nós como docentes, podemos elaborar nosso próprio critério para quantificar esse rendimento escolar”, enfatiza.

Informações adicionais para a imprensa
Gisele Vizzotto
Assessoria de Imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de São Miguel do Oeste
E-mail: imprensa@sge.adr.sc.gov.br
Telefone: (49) 3631-2901 / 98837-7422 / 98801-4797
sc.gov.br/regionais/saomigueldooeste

UAB inicia curso de Administração Pública da Udesc
Foto: Gisele Vizzotto

A Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) iniciou neste mês de agosto, as aulas do curso de graduação em Administração Pública, na modalidade a distância. Em São Miguel do Oeste, nesta sexta-feira, 11, o polo da Universidade Aberta do Brasil (UAB), mantido pela Agência de Desenvolvimento Regional realizou a aula inaugural com a turma de 40 alunos.

Ao todo são 4 anos de curso, divido em oito módulos, sendo 2.880 horas de disciplinas obrigatórias; 216 de disciplinas optativas; 360 horas de estágio supervisionado; e 144 de atividades complementares, totalizando 3.600 horas. A estrutura curricular também prevê a realização de um Seminário Temático em cada módulo. O estudante realizará pesquisa sobre determinado fato, relacionado com a realidade em que está inserido e envolvendo o campo da Administração Pública. Os resultados desse estudo serão apresentados durante encontros presenciais.

“O curso vai ajudar a região a se desenvolver. Temos pessoas que já trabalham no poder público e poderão colocar em prática o conhecimento adquirido. Outros estarão qualificados para trabalhar futuramente e melhorar a gestão pública dos nossos municípios”, afirma o secretário executivo da ADR São Miguel do Oeste, Volmir Giumbelli.

Oportunidade

UAB inicia curso de Administração Pública da Udesc
Luiza Klein Haas acredita que pode fazer a diferença no mundo com a graduação em Administração Pública. Ela tem 17 anos, já está cursando direito pela parte da manhã em uma universidade particular, e passou no vestibular da Udesc juntamente com sua mãe, Ivete, que tem 49 anos. “Tudo está envolvido com administração pública e faltam profissionais qualificados para atuar nesse campo. Penso que a vida e o que cada um faz, influencia em toda a sociedade. Quero fazer a minha parte e ajudar no que eu puder”, afirma a jovem estudante.

Já o aposentado Edson Cordeiro, 52 anos, viu no curso a oportunidade para sua primeira graduação. Ele atuou por 27 anos na Marinha e pensa que adquirir conhecimento de como funciona uma gestão pública é importante para todos. “Minha expectativa é grande também quanto à forma que a graduação é ofertada. A modalidade a distância alcança as pessoas, trazendo o ensino para os que estão longe da sede de uma universidade pública gratuita”, comenta.

O polo da UAB está localizado junto a Escola de Educação Básica Jaldyr Bering Faustino da Silva, no Bairro São Gotardo. Mais informações sobre cursos em andamento e com inscrições podem ser obtidas pelo telefone (49) 3631-3268, ou pelo e-mail polouabsmo@hotmail.com.

Informações adicionais para a imprensa
Gisele Vizzotto
Assessoria de Imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de São Miguel do Oeste
E-mail: imprensa@sge.adr.sc.gov.br
Telefone: (49) 3631-2901 / 98837-7422 / 98801-4797
sc.gov.br/regionais/saomigueldooeste

Programa Mulher, Viver Sem Violência na região de São Miguel do Oeste

A partir da segunda-feira, 14, os municípios de São Miguel do Oeste, Bandeirante, Barra Bonita e Paraíso recebem o ônibus Lilás do programa “Mulher: Viver Sem Violência”. A programação inclui palestras, atendimentos e diversas atividades. Na região da Agência de Desenvolvimento Regional de São Miguel do Oeste, os serviços são organizados pela Gerência de Planejamento e Apoio a Políticas Públicas em parceria com os municípios.

O ônibus é adaptado para o atendimento ao enfrentamento da violência contra a mulher no campo, sendo equipado com salas de atendimento individual. Os municípios planejaram atividades que se condizem com a realidade da cada um, incluindo orientações e serviços nas áreas social, saúde e cidadania.

Na Regional de São Miguel do Oeste, serão atendidas comunidades do interior e centro das cidades menores. “É uma oportunidade para levar serviços às mulheres que estão afastadas da cidade, e que por vezes, têm dificuldades para ter acesso aos atendimentos que são, por direito, delas. A campanha é um reforço ao trabalho já realizado pelas Secretarias de Assistência Social”, afirma o gerente de Planejamento e Apoio a Políticas Públicas, Claudemir Parmigiani.

O cronograma inicia em São Miguel do Oeste na segunda e terça-feira, 14 e 15; seguindo para Bandeirante na quarta-feira, 16; Barra Bonita na quinta-feira, 17 (manhã) e encerrando o roteiro em Paraíso na quinta e sexta-feira 17 e 18.

O Programa

O programa percorrerá todas as regiões do Estado de Santa Catarina por meio de um cronograma desenvolvido pelo Fórum de Enfrentamento á Violência das Mulheres do Campo, das Florestas, das águas e Quilombolas. Os municípios de cada ADR com maior índice de violência contra a mulher recebem o ônibus.

Cronograma:
São Miguel do Oeste
14 de Agosto – Segunda-feira
08:30 – Linha Canela Gaúcha
14:00 – Linha Alto Guaremin

15 de Agosto – Terça-feira
08:30 – Linha Bela Vista das Flores
14:00 – Linha Sete de Setembro

Bandeirante
16 de agosto – Quarta-feira
08:30 – Linha Hélio Wasum
09:30 – Linha Reno
10:30 – Linha Várzea Alegre
14:00 – Linha Prata

Barra Bonita
17 de agosto – Quinta-feira
08:30 - 11:00 - Em frente ao clube Independente, centro da cidade

Paraíso
17 de agosto – Quinta-feira
14:00 – Centro Municipal de Convivência para Idosos - Distrito de Grápia

18 de agosto – Sexta-feira
09:00 – Centro Municipal de Múltiplo Uso de Paraíso – cidade
14:00 – Linha Três Passos Assentamento

Informações adicionais para a imprensa
Gisele Vizzotto
Assessoria de Imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de São Miguel do Oeste
E-mail: imprensa@sge.adr.sc.gov.br
Telefone: (49) 3631-2901 / 98837-7422 / 98801-4797
sc.gov.br/regionais/saomigueldooeste